Qual é a função dos carboidratos na dieta

· 7 de agosto de 2018
Incluir fontes de carboidratos na dieta é determinante para proporcionar um ótimo nível de energia para o organismo. No entanto, é importante escolher variedades que também contribuam com outros nutrientes essenciais. 

Os carboidratos na dieta desempenham uma função muito importante. Ainda que existam mitos com relação ao seu consumo, trata-se de um dos macronutrientes essenciais que não pode faltar dentro de uma alimentação balanceada. 

Constituem a principal fonte de energia para o corpo, sendo determinantes para o bom rendimento físico e mental. Além disso, intervêm nas funções do metabolismo e são chaves na síntese de proteínas e lipídios.

Descubra a seguir!

O que são os carboidratos?

Carboidratos

Os carboidratos, também chamados de glicídios, são um macronutriente essencial cuja função principal é fornecer energia para o organismo. Estão presentes em todos os alimentos que contêm amido e açúcares, e podem ser simples ou complexos em função de sua estrutura química.

Leia também: Conheça a nova pirâmide nutricional

O sistema digestivo pega este nutriente e o converte em glicose (açúcar no sangue). Depois, esta viaja através da corrente sanguínea e é utilizada pelas células para um ótimo funcionamento dos órgãos vitais. 

Características principais dos carboidratos

  • São compostos de carbono, oxigênio e hidrogênio.
  • São determinantes para a vida das moléculas orgânicas.
  • Dentro dos carboidratos completos está a fibra dietética. 
  • Armazenam energia.
  • Os alimentos de origem vegetal são as principais fontes de carboidratos. 

Classificação dos carboidratos

O pão é uma forma de incluir carboidratos na dieta

Os carboidratos são classificados em função de sua estrutura química e do tipo de assimilação que tem no corpo. Todas as variedades têm o efeito principal de fornecer energia para o corpo. No entanto, alguns são mais recomendados na dieta porque não afetam a digestão nem elevam os níveis de glicose.

Carboidratos simples

Neste grupo se encontram os monossacarídeos e dissacarídeos. Também são conhecidos como carboidratos de absorção rápida e se caracterizam por seu alto índice glicêmico. Alguns exemplos são: a frutose, glicose, maltose e lactose.

Carboidratos completos

Seu índice glicêmico é baixo e são recomendados por seu significativo teor de fibras dietéticas. São formados pela união de várias moléculas de monossacarídeos, o que obriga o organismo a trabalhar mais para degradá-los e produzir energia. Também são conhecidos como carboidratos de assimilação lenta.

Função dos carboidratos na dieta

Os carboidratos na dieta são conhecidos por seu valor energético. No entanto, sua correta assimilação também está relacionada com outros aspectos da saúde e as funções do organismo. Repassaremos em detalhes as mais importantes.

Fornecem energia

Pode incluir carboidratos na dieta na forma de frutas

Poupam proteínas

Um fornecimento de carboidratos permite que o organismo guarde “suas reservas” de proteína. Se seu consumo é deficiente, o corpo começa a utilizar este último nutriente para obter energia. Um gasto desnecessário de proteínas pode derivar em muitos inconvenientes na saúde.

Formam parte de tecidos importantes

Os carboidratos são uma parte importante dos tecidos conectivos e nervosos. Além disso, também se encontram, em certa medida, nas moléculas de DNA e um nucleotídeo conhecido como trifosfato de adenosina (ATP), que o corpo usa para obter energia.

Previnem doenças

Um fornecimento adequado deste nutriente evita que apareçam descompensações que afetam a saúde imune. Os carboidratos intervêm na correta assimilação de vários nutrientes que aumentam as defesas.

Por outro lado, evita a aparição excessiva de corpos cetônicos, um tipo de resíduo metabólico que aparece porque o corpo utiliza a gordura como fonte de energia. Estes, ao se acumularem no corpo, podem causar arritmias cardíacas, cálculos e osteoporose.

Melhoram a saúde digestiva

Incluir carboidratos na dieta ajuda a manter a saúde digestiva

A fibra alimentar contida em algumas fontes de carboidratos é ideal para regular a saúde digestiva. Sua assimilação promove o movimento intestinal e aumenta o volume das fezes para evitar transtornos como a prisão de ventre.

Por outro lado, reduz a absorção de colesterol e prolonga a sensação de saciedade. Além disso, fortalece a flora intestinal bacteriana, graças a fermentação de alguns tipos de açúcares.

Alimentos para adicionar carboidratos na dieta

Na hora de adicionar carboidratos na dieta é fundamental considerar a qualidade nutricional do alimento. Ainda que muitos contenham este nutriente, somente certas variedades trazem benefícios significativos para o organismo.

Recomendamos ler: O ovo e seu valor nutricional

Carboidratos recomendados

  • Cereais ou grãos integrais
  • Frutas e vegetais
  • Legumes
  • Frutos secos e sementes
  • Tubérculos e raízes

Carboidratos desaconselhados

  • Doces e bebidas açucaradas
  • Pão e produtos de confeitaria industrial
  • Produtos lácteos integrais
  • Macarrão e farinhas refinadas

Conclusão

Os carboidratos na dieta são essenciais para garantir um ótimo nível de energia. Ainda que se deve moderar seu consumo para não ultrapassar a quantidade recomendada, sua inclusão na dieta é insubstituível. Assegure-se de escolher fontes de alto valor nutricional.