Quais são os benefícios da fitoterapia?

9 de agosto de 2019
As plantas medicinais vem sendo muito utilizadas hoje em dia para resolver problemas leves, ao invés de optar por determinados fármacos. Quer saber quais benefícios a fitoterapia pode te trazer?

Cada vez mais são as pessoas que buscam resolver seus problemas e afecções leves com produtos naturais. Um deles são as plantas. Contudo, por acaso existem benefícios na fitoterapia?

Aqui vai um exemplo da vida diária. Quando tomamos uma infusão, ajudamos a melhorar a digestão, a melhorar a retenção de líquidos ou a reduzir a dor de estômago. A fitoterapia está muito mais presente do que se pensa.

O que é a fitoterapia?

De acordo com o artigo ‘Fitoterapia, suas origens, características e situação no Chile’, a fitoterapia é o uso de determinadas plantas com propriedades medicinais e finalidades terapêuticas.

Além disso, este uso de produtos vegetais é bastante comum na atualidade. A razão disso é porque não costumam causar efeitos secundários e porque apostar no natural está adquirindo, cada vez mais, um maior protagonismo.

Plantas de fitoterapia

Os benefícios da fitoterapia

As flores de Bach, por exemplo, fazem parte da fitoterapia. Estes extratos de plantas têm uma grande eficácia para tratar estados como o estresse, assim como expõe o artigo ‘Eficácia da terapia floral de Bach contra o estresse acadêmico em estudantes do primeiro ano de estomatologia’.

Por isso, como você pode perceber, essa terapia traz inúmeras vantagens. Veja, então, alguns desses benefícios e como podem ajudar.

Não contém químicos

A busca do natural tem como objetivo afastar-se do consumo excessivo de fármacos e tratar as doenças leves de uma maneira muito mais respeitosa com o corpo. A automedicação não é uma ação recomendada. Portanto, apostar na fitoterapia é uma boa ideia.

É uma terapia econômica

Sabemos o quanto custa comprar um xarope na farmácia. No entanto, e se um chá de gengibre pudesse ter também efeitos muito positivos para reduzir o mal-estar? A terapia com plantas é mais econômica e sempre está ao alcance das mãos. Somente é preciso saber o que se está buscando.

Leia também: Limpe o fígado com estas ervas medicinais

Não costuma ter efeitos secundários

Este terceiro benefício da fitoterapia faz com que muitos médicos recomendem seu uso a pacientes que estão passando por algum tratamento oncológico. Assim sendo, com as plantas, é possível reduzir as náuseas, sentir-se melhor e mais animado para superar a doença.

As plantas dessa terapia podem ser consumidas em cápsulas, na forma de loções ou, até mesmo, fazendo uso dos óleos essenciais. É importante levar em consideração a opinião dos profissionais para escolher o método mais eficaz para cada caso.

A fitoterapia é um recurso para novos tratamentos

Teste de plantas para fitoterapia

As plantas têm propriedades reconhecidas que as convertem em opções ideais para o tratamento de várias doenças.

Apesar de costumarmos fazer uma separação entre as terapias naturais e os fármacos, hoje em dia, muitos dos novos tratamentos médicos incluem plantas aromáticas e medicinais. Por isso, se seu uso está sendo contemplado nesse âmbito, fica claro que tem muitos benefícios.

O cultivo próprio das plantas

Ainda que seja possível recorrer a estabelecimentos concretos para poder encontrar os ingredientes que ajudarão a obter os benefícios das plantas, existe também a opção de cultivá-los em casa.

Com o cultivo das plantas pode-se preparar óleos essenciais para serem utilizados na aromaterapia. Mesmo que pareça difícil de realizar, somente requer prática. Além disso, tentá-lo trará uma economia e a chance de dispor dos óleos quando quiser.

Descubra ademais: Como fazer óleo essencial de limão

Caso você tenha se interessado pela terapia com as plantas, agora já sabe os benefícios que pode ter. Por isso, se deseja deixar de consumir tantos fármacos quando sofre com acidez, gripe ou qualquer outra afecção leve, dê uma chance às plantas medicinais.

Verá como estas ervas acalmam os mal-estares ou dores, e tudo sem efeitos secundários! São muitas as pessoas que já introduziram a fitoterapia em suas vidas e estão vendo os resultados positivos.

Por fim, caso queira, poderá começar preparando uma receita simples, como um óleo essencial de alguma planta. Também pode pensar em adquirir as flores de Bach caso sofra estresse ou ansiedade. Teste seus benefícios se o seu médico permitir!

  • Gallegos-Zurita, Maritza. (2016). Las plantas medicinales: principal alternativa para el cuidado de la salud, en la población rural de Babahoyo, Ecuador. Anales de la Facultad de Medicina77(4), 327-332. Recuperado en 05 de julio de 2019, de http://www.scielo.org.pe/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1025-55832016000400002&lng=es&tlng=es.
  • Vanini, M., Barbieri, R.L., Heck, R.M., & Schwartz, E.. (2011). Uso de plantas medicinales por pacientes oncológicos y familiares en un centro de radioterapia. Enfermería Global10(21) Recuperado en 05 de julio de 2019, de http://scielo.isciii.es/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1695-61412011000100006&lng=es&tlng=es.
  • Zambrana Álvarez, Teresita. (2005). Beneficios de la fitoterapia. Revista Cubana de Plantas Medicinales10(2) Recuperado en 05 de julio de 2019, de http://scielo.sld.cu/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1028-47962005000200001&lng=es&tlng=es.