Purificadores de ar, aliados contra o pólen

13 de outubro de 2019
Um purificador de ar pode ser uma excelente opção quando se trata de ter um ambiente mais limpo e saudável. Principalmente se você vive em áreas onde o nível de poluição é alto.

A chegada da primavera é motivo de alegria para muitas pessoas, visto que o tempo já começa a melhorar. As temperaturas começam a subir, há mais luz ao longo do dia, aves cantando, abelhas, flores e brotos verdes aqui e ali. No entanto, há quem sinta vários incômodos, principalmente devido ao pólen que se espalha pelo ambiente todo.

A coceira no nariz e na garganta, os olhos lacrimejantes, o nariz escorrendo e os espirros constantes impedem a pessoa alérgica de aproveitar o bom tempo. Apesar disso, há boas notícias: os purificadores de ar ajudam a filtrar e eliminar eficazmente as concentrações de pólen presentes no ambiente.

É preciso se lembrar de que a primavera é o período de polinização das plantas, e com isso, é inevitável que o ar fique repleto de pólen. Sobre esse assunto, a Sociedad Española de Alergología e Inmunología (Sociedade Espanhola de Alergia e Imunologia) indica que a contaminação atmosférica dos ambientes urbanos faz com que o efeito do pólen seja ainda maior. É por isso que as pessoas que têm polinose, também conhecida como alergia ao pólen, sofrem em maior medida com os diferentes sintomas.

Qual é sua função?

Os purificadores de ar são aparelhos muito úteis no dia a dia, visto que ajudam a reduzir o número de milhares e milhares de partículas microscópicas que são potencialmente prejudiciais à saúde e, inclusive, também reduz os odores desagradáveis. Vale destacar que dentro de tais partículas podemos encontrar não apenas pó, mas também ácaros, substâncias alergênicas de animais, mofo, pólen, bactérias, vírus e contaminantes químicos, como a fumaça do cigarro e o monóxido de carbono.

Quem já teve coragem de testar a eficácia dos purificadores de ar comenta que, hoje em dia, os considera um requisito indispensável para ter um lar mais limpo e, sobretudo, livre de pólen. 

Recomendamos que leia também: Tratamento purificador a base de sucos naturais

Como os purificadores de ar funcionam?

É nas grandes cidades onde esse aparelho fez mais sucesso, dado o alto nível de poluição do ambiente nessas regiões. No entanto, é possível aproveitar os benefícios que os purificadores de ar oferecem em qualquer lugar. Basta conectar o aparelho a uma tomada para que comece a funcionar.

Uma vez montados, adaptam-se automaticamente. Ao serem ligados em uma fonte de energia, os purificadores de ar se encarregam de limpar o ar do ambiente em menos de 10 minutos.

Purificadores de ar

Os purificadores de ar filtram e purificam com eficiência de 100%, eliminando as partículas mais finas presentes no ar e, assim, permitindo às pessoas respirar um ar limpo e puro. Por isso, são uma excelente opção para quem tem alergia, asma, rinite, bronquite ou qualquer outra condição que afete o sistema respiratório. Especialmente durante a primavera, quando as substâncias alergênicas respiratórias (pólen, esporos de fungos, ácaros e animais) causam maior quantidade de inconvenientes.

O sucesso dessa tecnologia reside em seu sistema de quatro níveis de filtragem, pois consegue capturar com muito mais facilidade todos os agentes que poderiam causar doenças. Além disso, enquanto trabalha não produz ruído. Com isso, executa sua tarefa discretamente, sem afetar as atividades diárias e, sobretudo, o descanso.

Dado que precisam estar conectados a uma fonte de eletricidade para funcionar, os purificadores de ar contam com temporizador e funções de programação que evitam o gasto excessivo de energia. Ademais, podem ser controlados por meio de um smartphone, dentro ou fora de casa, o que oferece ainda mais conforto.

Purificadores de ar somente para a casa?

Apesar de seu uso em casa ser muito mais disseminado e o mais recomendado, esses aparelhos também podem ser instalados em outros ambientes onde se costuma passar várias horas contínuas, como, por exemplo, o espaço de trabalho.

Mulher sentindo bem-estar

Não deixe de ler: Mantenha o ar da sua casa limpo com hera-do-diabo

Aspectos a se considerar

Embora seja verdade que um purificador de ar é um aparelho muito útil para manter a casa limpa, não se pode deixar toda a “responsabilidade” dessa tarefa para ele. Isto é, mesmo que o aparelho execute sua função, é necessário aplicar certas medidas, tais como:

  • Ventilar a casa diariamente, pelo menos durante 10 ou 15 minutos. 
  • Aspirar os tapetes e as cortinas com regularidade.
  • Retirar os objetos de pelúcia e afins para evitar a acumulação de substâncias alergênicas respiratórias.
  • Em caso de ter outros aparelhos de ar condicionado ou purificadores, lembre-se de trocar os filtros com regularidade, visto que, ao acumular sujeira, podem passar a deixar de cumprir sua função corretamente.
  • Dispensar o uso de colchões e almofadas de lã (para evitar a presença de ácaros).
  • Consultar o manual de uso dos purificadores para verificar como se deve realizar sua manutenção e limpeza.
    • É preciso levar em consideração que há filtros de desodorização e do tipo HEPA que não podem ser reutilizados, e devem ser substituídos periodicamente.
    • O pré-filtro dos Intense Pure Air deve ser limpo a cada 2 ou 4 semanas.

Por fim, é importante que os usuários tenham consciência de que os purificadores de ar não consomem tanta energia quanto um aparelho de ar condicionado, por exemplo. E dado que sua função é realizada em menos de 10 minutos por dia, o gasto energético é baixo, em geral.