Por que temos mais gases durante a menstruação?

24 Outubro, 2020
As alterações hormonais que ocorrem durante a menstruação levam a algumas mudanças no corpo. É por isso que muitas mulheres apresentam um aumento dos gases e problemas digestivos durante esse período.

Pode parecer que a menstruação não tem uma relação direta com o aumento dos gases, mas a verdade é que existe uma conexão entre um processo e outro. Isso ocorre apesar do fato de que, aparentemente, o sistema digestivo e o sistema reprodutivo são independentes um do outro.

Para muitas mulheres, o excesso de gases é um dos sintomas que acompanham a menstruação. Isso ocorre em dois terços da população feminina. Quem já tem um histórico de problemas digestivos sofre esta situação com mais intensidade.

Até o momento, não foi encontrada uma explicação exata e detalhada a respeito de por que esse fenômeno ocorre. No entanto, sabe-se que os altos e baixos hormonais provocados pelo ciclo menstrual acabam afetando os processos gastrointestinais. Vamos analisar mais a fundo a seguir.

A origem dos gases

Mulher com cólica
É normal uma pessoa expulsar gases de 6 a 20 vezes por dia. No caso das mulheres, fatores como a menstruação podem aumentá-los.

É normal ter gases e expulsá-los, embora exista um certo tabu social em relação ao tema e ele cause constrangimento em algumas pessoas. É considerado completamente natural uma pessoa expulsar gases de 6 a 20 vezes por dia. Além disso, é normal arrotar três ou quatro vezes depois de comer.

Os gases surgem no intestino ou no estômago após a decomposição dos alimentos. Alguns alimentos produzem mais gases do que outros. Da mesma forma, em algumas pessoas, eles são mais frequentes do que em outras, sem que isso implique qualquer tipo de patologia.

Além de alguns alimentos, intolerâncias alimentares e a ingestão de certos medicamentos, a menstruação também causa um número maior de gases. Isto ocorre devido a alterações nos níveis hormonais no corpo. É por isso que esta também é uma situação comum durante a menopausa.

Você pode se interessar: 4 sinais do seu período menstrual que você não deve ignorar

Menstruação e digestão

Durante a menstruação, ocorrem grandes alterações hormonais no corpo. Isso costuma afetar o sistema digestivo. É normal que estes tipos de problemas ocorram durante o ciclo menstrual:

  • Constipação. Geralmente ocorre durante a ovulação, à medida que os ciclos de progesterona diminuem. O resultado é o relaxamento dos músculos do trato digestivo. Isso, por sua vez, cria maiores dificuldades na evacuação.
  • Diarreia. A diarreia é comum nos dias que antecedem o início do período menstrual. Isso ocorre porque, nesse momento, há um excesso de serotonina e ocitocina, o que leva a uma maior mobilidade no intestino.
  • Gases. As alterações hormonais alteram significativamente os ritmos da digestão. Isso leva ao aumento e acumulação de gases durante o período menstrual.

Os gases durante a menstruação

Os gases e o período menstrual
Durante o período menstrual, há alterações hormonais que podem afetar as funções do sistema digestivo. Portanto, as mulheres podem sofrer de diarreia, constipação e inchaço.

A razão pela qual os gases aumentam durante a menstruação não é conhecida com precisão. No entanto, com base nos dados disponíveis, até um terço das mulheres que normalmente não têm dificuldades digestivas têm problemas de gases durante a menstruação.

É um fato que a progesterona atinge o pico dias antes do período menstrual. Como apontamos, é isso que, em princípio, afeta o funcionamento normal da digestão. Às vezes, há diarreia, constipação, ambos, ou um mal-estar geral chamado de “estresse intestinal”.

Nesse sentido, um dos estudos realizados indica que há uma relação entre os problemas digestivos e substâncias chamadas prostaglandinas. Elas atuam como hormônios e são os principais responsáveis ​​pelas chamadas cólicas menstruais.

Aparentemente, as mulheres que sofrem de problemas gastrointestinais durante a menstruação também têm uma maior concentração de prostaglandinas no corpo. Isso causa dificuldades intestinais, que no final também geram uma quantidade maior de gases durante a menstruação.

Descubra também: É normal ter coágulos na menstruação?

Informação adicional sobre os gases e a menstruação

As bactérias do intestino também mudam a cada ciclo menstrual. Isso ocorre porque a flutuação hormonal afeta essas bactérias e altera a sua composição no intestino. Da mesma forma, isso altera a fermentação bacteriana. A consequência é que os gases durante a menstruação têm um odor mais intenso e desagradável.

Alguns alimentos são especialmente irritantes durante o período menstrual, principalmente os laticínios. Deve-se lembrar que estes não incluem apenas o leite, mas todos os seus derivados, como queijo, manteiga, iogurte e todos os alimentos processados ​​que possuem leite em sua composição.

O café tende a ter efeitos semelhantes. Tanto ele quanto os laticínios têm um efeito ainda mais poderoso nas mulheres que já tiveram um problema gastrointestinal. Aquelas que sofrem de síndrome do intestino irritável têm um número maior de gases e sintomas mais graves durante a menstruação.

  • Ashley, C. D., Bishop, P., Smith, J. F., Reneal, P., & Perkins, C. (2000). Efectos de la Fase Menstrual sobre la Oxidación de Grasas y Carbohidratos durante el Ejercicio Prolongado en Mujeres Activas-G-SE/Editorial Board/Dpto. Contenido. PubliCE.
  • Bernstein MT, Graff LA, Avery L, Palatnick C, Parnerowski K, Targownik LE. Gastrointestinal symptoms before and during menses in healthy women. BMC Womens Health. 2014;14:14. Published 2014 Jan 22. doi:10.1186/1472-6874-14-14
  • Ricciotti E, FitzGerald GA. Prostaglandins and inflammation. Arterioscler Thromb Vasc Biol. 2011;31(5):986–1000. doi:10.1161/ATVBAHA.110.207449
  • Jung HK, Kim DY, Moon IH. Effects of gender and menstrual cycle on colonic transit time in healthy subjects. Korean J Intern Med. 2003;18(3):181–186. doi:10.3904/kjim.2003.18.3.181