Menus para aliviar a prisão de ventre que você vai gostar

· 28 de setembro de 2018
Os menus para aliviar a prisão de ventre são simples planos de alimentação que propõem incluir aqueles alimentos que promovem o trânsito intestinal. O melhor de tudo é que são propostas balanceadas e pobres em calorias.

Os menus para aliviar a prisão de ventre são simples planos de alimentação diária que propõem incrementar o consumo das comidas que estimulam o trânsito intestinal. Através destes aumenta a ingesta de fibra dietética, um nutriente chave para uma boa digestão.

A prisão de ventre é um dos transtornos que mais afeta a população atual devido aos maus hábitos alimentares. Define-se como a dificuldade para evacuar normalmente, visto que as fezes tendem a estar duras e secas.

Devido aos efeitos que produzem no organismo, a pessoa se sente inflamada e doente. De fato, quando não recebe o tratamento oportuno, pode incidir no surgimento de outras doenças digestivas e inflamatórias.

Atualmente há muitos produtos laxantes que podem ajudar a combatê-la em pouco tempo. Porém, a maneira mais segura e saudável de tratá-la é mudando a alimentação. Por isso, a seguir queremos compartilhar alguns menus que ajudam no seu controle.

Os melhores menus para aliviar a prisão de ventre sem medicamentos

A alimentação pode ser a causa ou a solução da prisão de ventre, tudo depende das escolhas que se façam. Se ao invés de consumir produtos processados se aumenta os alimentos de origem orgânica, os incômodos intestinais irão aliviar.

Alimentos para aliviar a prisão de ventre

É fundamental conseguir uma combinação de alimentos que possa estimular o peristaltismo intestinal (os movimentos naturais do intestino). Desta maneira, melhora a passagem das fezes através do tubo digestivo e se consegue sua eliminação sem tantas dificuldades.

Alimentos permitidos nos menus para aliviar a prisão de ventre

Há uma ampla variedade de alimentos que contêm nutrientes essenciais para ajudar a melhorar a saúde intestinal. Devido a isso, sua ingesta regular pode servir como preventivo ou tratamento de transtornos como a prisão de ventre. Quais são os mais recomendados?

  • Frutas e vegetais crus
  • Cereais integrais
  • Frutos secos e sementes
  • Caldos de verdura
  • Infusões de ervas
  • Sucos e vitaminas de frutas
  • Azeite de oliva
  • Iogurte natural
  • Kefir e probióticos
  • Leites vegetais
  • Legumes (porções moderadas)

Leia também: 5 infusões de plantas para combater a indigestão

Alimentos proibidos

Ainda que muitos ignorem, os alimentos ultra processados aumentam as probabilidades de sofrer de prisão de ventre. Portanto, é primordial tratar de excluí-los ao máximo da dieta regular para não sofrer mais complicações. Deste modo, os alimentos recomendados anteriormente têm um efeito melhor.

Descubra os Fatores que causam prisão de ventre

Alimentos que provocam prisão de ventre

Alguns produtos que devem ser evitados são:

  • Farinhas e açúcares refinados
  • Excesso de sódio
  • Macarrão e arroz branco
  • Frituras e salgadinhos
  • Carnes embutidas e curadas
  • Produtos enlatados
  • Comida do tipo fast food (em todas as suas variações)
  • Refrigerantes e bebidas gasosas

Exemplos de menus para aliviar a prisão de ventre

Os menus que propomos a seguir são apenas um exemplo de como deve ser a alimentação para evitar a prisão de ventre. Portanto, além de ingerir os alimentos que se propõem, também podem criar pratos seguindo essas sugestões…

Alimentos que ajudam a aliviar a prisão de ventre

Opções de desjejuns

  • Iogurte natural pobre em gorduras, torrada de pão integral com compota de maçã, três figos e ameixas secas, e uma xícara de infusão.
  • Leite sem lactose, pão integral com rodelas de abacate e sementes de gergelim.
  • Vitamina verde com sementes de chia e pão integral com geleia light.
  • Vitamina cremosa de iogurte com morango, pão integral com rodelas de tomate e gergelim.

Opções para o meio da manhã

  • Leite vegetal
  • Um punhado de frutos secos
  • Salada de frutas
  • Sanduíche de vegetais

Opções de almoço

  • Paelha com arroz integral, feijão verde refogado, porção de frango e quiuí picado.
  • Feijão verde refogado com alho, porção de vitela acebolada com batatas e cenoura, pão integral e fruta (a gosto).
  • Macarrão integral com molho de tomate e atum, pão integral e maçã.
  • Salada mista, porção de peito de frango, pão integral e iogurte natural.

Opção de lanches

  • Iogurte natural e biscoitos integrais.
  • Torrada de pão integral com maçã triturada.
  • Iogurte com aveia.
  • Kefir desnatado com sementes de chia.

Opções de jantar

  • Creme de abóbora com batata e cebola, tortilha de aspargos e uma infusão.
  • Salada de peito de frango e tomate, porção de peixe magro e fruta (a gosto).
  • Salmão grelhado com abóbora e champignons.
  • Creme de verduras e aveia, ovo cozido e infusão de ervas.

Confira esses 7 remédios caseiros para prisão de ventre severa

Recomendações para a dieta contra a prisão de ventre

O consumo regular dos menus recomendados ajuda a diminuir muito os sintomas da prisão de ventre. Além disso, é importante complementá-los com outras recomendações para obter melhores resultados.

Beber muita água ajuda a aliviar a prisão de ventre

  • Aumente o consumo de água entre refeições (beber até dois litros diários).
  • Coma mais alimentos com vitamina C e fibra dietética.
  • Estabeleça um horário fixo de refeições.
  • Ao invés de comer pratos abundantes poucas vezes ao dia, sirva-se cinco refeições pequenas.
  • Beba água com limão em jejum.
  • Evite a mistura de féculas em uma mesma comida (pão, macarrão, arroz, batatas, banana, etc.)
  • Limite ao máximo o consumo de sal.

Talvez te interesse ler: 10 consequências de consumir pouca água

Em conclusão

O consumo de menus ricos em fibra dietética é uma das melhores opções para aliviar a prisão de ventre sem ter que recorrer a laxantes sintéticos. Portanto, se essa condição estiver afetando seu estilo de vida, trate de melhorar a alimentação seguindo os modelos recomendados. Finalmente, se o problema persistir, consulte o médico.