As melhores dicas para ter um cérebro jovem e vital

· 13 de novembro de 2018
Desfrutar de um cérebro jovem e vital durante mais tempo é imprescindível para ter uma melhor qualidade de vida. Para consegui-lo devemos mantê-lo ativo e nutri-lo adequadamente.

Ter um cérebro jovem e vital nos permite desfrutar de uma memória melhor e sentir que estamos mais lúcidos. Porém, com o passar dos anos e a idade, o cérebro também vai perdendo algumas características. Por isso, hoje descobriremos alguns conselhos para manter o cérebro jovem e vital o maior tempo possível.

A medida em que envelhecemos mais coisas esquecemos e temos mais dificuldades para memorizar. Porém, podemos demorar tudo isso se colocarmos determinados hábitos em prática.

O exercício, chave para a neuroplasticidade

A neuroplasticidade é a capacidade que o cérebro tem para mudar e se adaptar ao entorno.

Isso se consegue graças aos neurônios que podem se regenerar e criar novas conexões.

Por que o exercício físico pode ajudar com a neuroplasticidade? Quando realizamos exercício físico nosso fluxo cerebral aumenta, assim como o volume do sangue no cérebro e o número de vasos sanguíneos.

Isso causa um aumento de oxigênio e glicose no cérebro, ou seja, um maior teor de nutrientes que ajudarão os processos de crescimento celular. Tudo isso permitirá uma melhora dos processos cognitivos, que são:

  • Atenção
  • Percepção
  • Memória
Caminhar contribui para termos um cérebro jovem e vital

O mindfulness é imprescindível

O mindfulness deveria ser imprescindível para manter nosso cérebro jovem e vital. Esta prática tem muitos benefícios, dentre eles nos ajuda a reduzir o estresse.

O problema de sofrer estresse é que seu impacto em nosso cérebro é muito grave. Quando estamos estressados os níveis de cortisol aumentam causando falhas na memória. Se o estresse se tornar crônico, os neurônios podem ser afetados para sempre.

Quando nosso cérebro recebe doses altas de cortisol, as conexões entre os neurônios são afetadas.

Se isso não se resolver a tempo, podem morrer, finalmente. Isso terá uma repercussão importante em nossa memória.

Recomendamos que leia: Descubra os benefícios de ler à noite para o seu cérebro

Mantenha a mente desperta

Para desfrutar de um cérebro jovem e vital é indispensável que, além de pôr em prática tudo o que foi dito antes, mantenhamos nossa mente desperta. Isso se consegue trabalhando-a com exercícios e colocando em prática diversos hábitos:

  • Memorize os números de telefone: ainda que hoje em dia isso não seja imprescindível, é um bom exercício para forçar o cérebro a trabalhar na memória. Você pode tentar também memorizar outros elementos como a lista de compras ou os nomes das ruas do lugar onde vive.
  • Aprenda algo novo: um curso, um novo idioma, uma palavra… São várias as opções que estão ao seu alcance para aprender todos os dias algo novo. Escolha a que mais te convém e atrai.
  • Leia livros: a leitura favorece a imaginação e tem grandes benefícios para o cérebro. Além disso, quando adquire o hábito se dá conta de que cada vez lê mais rápido. É uma atividade muito acolhedora.
  • Escreva um diário: escrever à mão em um caderno ou diário que goste também ajuda a mente a se manter desperta. Não é preciso escrever muito, o importante é que seja constante.

Veja também: As melhores ervas e especiarias para o cérebro

Cuidar da alimentação é necessário para manter o cérebro jovem e vital

Ler ajuda a ter um cérebro jovem e vital

Por último, se deseja ter um cérebro jovem e vital, preste atenção em como se alimenta. O cérebro usa a glicose como principal fonte de energia para funcionar. Portanto, é indispensável consumir carboidratos, vitaminas, proteínas e afins o suficiente.

A falta de um nutriente essencial pode afetar ao sistema nervoso.

Além disso, uma má alimentação carente de algumas vitaminas ou minerais pode causar apatia, falta de atenção, nervosismo ou cansaço. Por isso, devemos nos alimentar da forma adequada.

Além de tudo o que foi mencionado, devemos lembrar que para ter um cérebro jovem e vital é necessário que não o enchamos de preocupações, de angústias e de pessimismo. Uma mente repleta de pensamentos negativos pode nos levar a estados de estresse e ansiedade.

Procurar o bem-estar, a paz e realizar atividades que possam te ajudar a se manter ativo e saudável é importante para que o cérebro também esteja. Ainda que não possa frear a passagem dos anos, está em suas mãos adotar determinadas medidas para envelhecer de forma saudável.

Não espere ter certa idade para pôr estes conselhos em prática, porque pode ser que já não surtam efeitos. Comece a adquirir bons hábitos agora mesmo.