Mascar chiclete previne o mau hálito?

Pelo seu teor de zinco, xilitol e fluoreto, os produtos CB12 Boost (chicletes e enxaguantes bucais) são recomendados para combater o mau hálito sem descuidar da saúde bucal.
Mascar chiclete previne o mau hálito?

Última atualização: 02 Abril, 2021

Um dos incômodos mais comuns que podemos sentir em algum momento de nossas vidas, por vários motivos, é o mau hálito. O desconforto que ele pode nos causar é tanto que, para fazê-lo desaparecer o mais rápido possível, procuramos implementar várias medidas. Será que mascar chiclete previne o mau hálito?

Um chiclete de menta é algo muito fácil de conseguir. Ao levá-lo à boca e sentir o seu sabor, já podemos apreciar uma certa melhora no hálito. Agora, qualquer chiclete é válido? A marca importa? Qual é o sabor mais recomendado?

Os especialistas do Instituto del Aliento afirmam que o açúcar presente nas gomas de mascar contribui para o aumento da salivação e a proliferação de bactérias. Assim, em vez de eliminar o mau hálito, o chiclete com açúcar só piora a situação.

Por isso, vamos nos aprofundar naqueles que não contêm açúcar, especialmente o de uma marca específica.

Mascar chiclete é útil para prevenir o mau hálito?

Em vez de “disfarçar” o mau hálito com qualquer chiclete de menta, canela ou misturas de várias ervas, o mais recomendado é escolher um chiclete com fórmulas cientificamente comprovadas.

Os produtos CB12 Boost contêm zinco, mineral que se destaca pelo seu envolvimento na formação de enzimas que participam de processos como o metabolismo de gorduras, proteínas e carboidratos, além de capturar com eficácia os odores. Por isso, mascar um chiclete como este previne o mau hálito.

Chicletes para combater o mau hálito

De acordo com os especialistas do National Institutes of Health (NIH), este mineral ajuda o sistema imunológico a combater agentes patogênicos, tanto bacterianos quanto virais, e também contribui ativamente para o funcionamento normal do paladar.

Da mesma forma, em um estudo realizado por uma equipe da Universidade de Murcia (Espanha) com diversos enxaguantes bucais para o tratamento da halitose oral, observou-se que aqueles contendo cloreto de zinco eliminavam o número de compostos voláteis que causavam o mau hálito e que, portanto, tinham atividade antimicrobiana.

Em outra pesquisa realizada pela Clinic for Periodontology Amsterdam, foi descoberto que o lactato de zinco também é eficaz na redução dos compostos voláteis que se desenvolvem a partir de bactérias da boca que decompõem os alimentos e que causam halitose.

Observe que, além do zinco, a fórmula dos chicletes e produtos para lavagem bucal da marca CB12 Boost inclui o seguinte:

  • Flúor, substância que contribui para a mineralização dos dentes (tornando-os mais resistentes).
  • Xilitol, uma substância que inibe o crescimento da placa.
  • Juntas, essas substâncias não apenas combatem o mau hálito, mas também mantêm a saúde bucal.

Embora a menta e a hortelã possam disfarçar o mau hálito durante algum tempo, o açúcar o piora a longo prazo. Por isso, ao mascar chiclete, devemos escolher um que não contenha açúcar, como o da CB12 Boost, cuja ação neutralizante é possível graças à sinergia entre o acetato de zinco e os ingredientes mencionados.

Os bons hábitos são imprescindíveis

Manter bons hábitos de higiene bucal é essencial para evitar desconfortos devido a problemas comuns, como o mau hálito e as cáries.

Diariamente, devemos fazer o seguinte:

Mulher usando fio dental

  • Mantenha uma dieta equilibrada.
    • Tanto quanto possível, evite o consumo de alimentos e bebidas ácidas e ricas em açúcar, como o café, os doces e os refrigerantes.
    • Beba bastante água.
  • Evite (ou elimine, conforme o caso) o consumo de tabaco.
  • Escove os dentes após cada refeição.
  • Use fio dental regularmente, bem como algum enxaguante bucal.
  • Espere pelo menos uma hora depois de comer antes de escovar os dentes, especialmente se tiver comido algo açucarado ou ácido.
  • Masque chiclete ocasionalmente e sempre de forma complementar, nunca como substituto da escovação normal.

Consulte um dentista duas vezes ao ano

Além disso, devemos procurar ir ao dentista e fazer uma limpeza profissional pelo menos uma vez a cada seis meses. Desta forma, teremos uma boca saudável e um bom hálito.

Por fim, devemos ter em mente que, embora mascar um chiclete sem açúcar possa nos livrar de problemas em ocasiões específicas, não devemos confiar apenas nesta medida para manter a nossa saúde bucal.

Manter uma boa higiene e abandonar hábitos nocivos é essencial para ter uma boca saudável e um hálito agradável.

Pode interessar a você...
Higiene bucal das crianças
Melhor Com SaúdeLeia em Melhor Com Saúde
Higiene bucal das crianças

A limpeza dos dentes influencia na futura saúde das crianças. Por esse motivo, é importante cuidar da higiene bucal e escovar os dentes desde cedo!