Madalenas de aveia, nutritivas, sem glúten e sem lactose

Preparar estas madalenas de aveia é uma alternativa saudável e deliciosa se temos algum tipo de intolerância ou mesmo se queremos cuidar de nossa saúde e evitar os químicos adicionados

Propomos aqui uma receita original, nutritiva e muito digestiva. Madalenas caseiras elaboradas com aveia, um cereal excelente para o sistema digestivo e para perder peso.

Descubra neste artigo a receita destas deliciosas e simples madalenas de aveia, que não contém nem glúten e nem lactose.

Benefícios da aveia

Aveia para preparar madalenas

A aveia é um dos melhores cereais que podemos incluir em nossa dieta, já que traz os seguintes benefícios para a nossa saúde:

  • É uma boa fonte de vitaminas, minerais e aminoácidos, por isso que proporciona muita energia e vitalidade.
  • Equilibra o sistema nervoso e reduz o estresse, nervosismo e ansiedade.
  • Melhora os problemas digestivos.
  • Favorece o trânsito intestinal.
  • É rica em fibras solúveis e insolúveis e resulta em um alimento muito saciante.
  • Regula os níveis de glicose no sangue e previne a ansiedade por comer doce.
  • Tem propriedades diuréticas que nos ajudam a combater a retenção de líquidos e o inchaço.
  • Reduz os níveis altos de colesterol.
  • Seu conteúdo em vitaminas B e E e minerais como o zinco, repercute no bom estado da pele, o cabelo e as unhas.

Algumas pessoas podem sentir acidez ou outros incômodos estomacais ao consumir a aveia crua. Nesses casos é melhor consumi-la cozida ou ao forno na forma de farinha.

Melhor, madalenas de aveia sem glúten nem lactose

Fainha sem glúten para fazer madalenas

Muitos celíacos não podem consumir aveia porque, mesmo que de maneira natural não contenha glúten, ao ser processada nos mesmos lugares do trigo, contamina-se e pode conter pequenas quantidades deste cereal.

Por isso, para que esta receita seja 100% livre de glúten, deveremos escolher aveia cujo rótulo especifique que seja livre de glúten.

Cada vez mais pessoas apresentam diferentes graus de intolerância ao glúten e à lactose, como consequência da adulteração e da má qualidade dos alimentos e também da má saúde de nosso intestino.

Por este motivo propomos receitas mais digestivas e leves e que sejam aptas para toda a família.

Madalenas de aveia

Madalenas de aveia e baunilha

Ingredientes

  • 1 copo de bebida vegetal (coco, aveia, arroz, amêndoas) (200 ml)
  • 3 xícaras de aveia moída (300 g)
  • 1 xícara de farinha de arroz (100 g)
  • 1 xícara de açúcar integral de cana de açúcar (200 g)
  • 1/2 xícara de leite de coco ou de girassol (110 g)
  • 2 ovos
  • O suco de 1/2 limão
  • Essência de baunilha ou canela
  • Fermento de confeitaria

Se você gostar da receita pode testar outros sabores como laranja confeitada, lascas de chocolate, coco ralado, cacau, etc.

Veja também: 4 formas de perder peso com aveia

O que devo fazer?

  • Em primeiro lugar, ligue o forno para pré-aquecê-lo a 200ºC.
  • Bata os dois ovos, em uma batedeira ou de maneira natural. É muito importante fazer este passo com intensidade para que as madalenas fiquem macias.
  • Adicione o óleo, o suco de limão, a bebida vegetal e o açúcar, e siga batendo. Também adicione os temperos escolhidos (baunilha, canela, etc.).
  • A seguir, em uma tigela separada, misture a farinha de aveia com a farinha de arroz.
  • Incorpore pouco a pouco as farinhas na mistura líquida e siga batendo.
  • Por último adicione o fermento, bata um minuto mais, e já terá a massa pronta.
  • Neste ponto devemos colocar a massa na geladeira durante meia hora, o que também nos ajudará a deixar as madalenas maiores e mais macias.
  • Recheie dois terços de cada forma. Pode polvilhar um pouco de açúcar por cima para que fiquem mais crocantes.
  • Coloque as formas no forno e asse durante quinze a vinte minutos a 180 ºC.
  • Verifique que a massa de dentro esteja bem assada antes de desligar o forno. Deixe esfriar.

Madalenas sem açúcar?

Madalenas de aveia e chocolate

Mesmo que nesta receita tenhamos utilizado açúcar de cana integral, que é muito mais saudável do que o açúcar branco, também podemos adoçá-las com mel de abelhas, mel de cana, xarope de agave, de bordo ou melaços de cereais.

Também há um adoçante natural que é a estévia, mas terá que ser a purificada, de cor transparente, e com o mínimo de sabor possível.

Para começar a usá-la podemos combinar com o açúcar, e ir aumentando a quantidade nas próximas receitas, se gostarmos do sabor. Deste modo nossas madalenas serão ainda mais saudáveis e leves.

Recomendados para você