Fezes brancas ou pálidas: causas do seu aparecimento e tratamento

Quando as fezes brancas aparecem, ficamos preocupados, e a realidade é que há motivos para isso. Neste artigo, explicamos quais são as suas causas, em que consistem e como são tratadas, visto que requerem muita atenção.
Fezes brancas ou pálidas: causas do seu aparecimento e tratamento

Última atualização: 27 Janeiro, 2021

As fezes nos dão informações sobre a condição dos intestinos e do trato digestivo. Uma mudança de cor pode ser um sinal de alerta em relação à presença de alguma doença. Por exemplo, as fezes brancas indicam que há um problema no organismo.

Normalmente, as fezes variam em uma grande quantidade de tons de marrom e até verde e preto. Contudo, quando notamos a presença de fezes brancas ou pálidas, o que devemos fazer?

Fezes brancas ou pálidas

Quando as fezes são brancas ou um tom de argila, isso indica que estamos com um problema no sistema biliar, que inclui o pâncreas, o fígado ou a vesícula biliar. A cor marrom das fezes é dada pelos sais biliares, secretados pelo fígado.

Quando são brancas, podem estar relacionadas a uma infecção no fígado, que diminui a produção de bile. Ou talvez pode haver uma obstrução nas vias biliares. Por causa disso, há uma incapacidade do sistema digestivo de absorver as gorduras corretamente.

Também existem fezes de cor clara (amarelo a cinza) e gordurosas. Essa condição é chamada de “acolia".

É comum ter algum problema em determinado momento de nossas vidas. Com o tempo, ocorrem mudanças que podem ser simples e temporárias ou, pelo contrário, preocupantes e impressionantes.

Possíveis causas das fezes brancas

As fezes brancas podem ser consequência de várias questões, como o consumo de determinados medicamentos, maus hábitos de vida ou doenças específicas.

1. Medicamentos

Alguns medicamentos podem provocar fezes brancas ou pálidas

O consumo de certos medicamentos faz com que as fezes das pessoas se tornem brancas. Um exemplo disso são os antibióticos usados ​​para tratar infecções, como a tuberculose ou os desconfortos intestinais, como a diarreia.

Por outro lado, os anti-inflamatórios e os contraceptivos orais também podem provocar fezes brancas. Do mesmo modo, os esteroides anabolizantes podem causar hepatite medicamentosa, além de fezes brancas.

Nesses casos, as fezes brancas geralmente normalizam algumas semanas após a interrupção no uso da medicação que causa essa mudança.

2. Hepatite

A hepatite é a inflamação do fígado, causada pelo vírus da hepatite A, B ou C (sendo este último o mais perigoso, pois pode ser fatal).

Um dos sintomas da hepatite são fezes pálidas ou cor de argila. Esse sinal é causado pelo mau funcionamento do fígado.

3. Hepatite alcoólica

As bebidas alcoólicas podem provocar fezes brancas ou pálidas

A causa dessa doença é o consumo excessivo de álcool. Ela se manifesta com inflamação do fígado. E sua gravidade dependerá da quantidade de álcool ingerido e da duração desse hábito.

Os sintomas são ascite, fadiga, edema, encefalopatia hepática e icterícia. A hepatite é uma das causas que resultam em fezes brancas, e tanto a alcoólica quanto a viral podem causar cirrose.

4. Cirrose biliar

 cirrose biliar é uma doença crônica e irreversível do fígado em fase terminal. Ocorre quando as células do fígado são destruídas, provocando irritação e inflamação das vias biliares do fígado.

Por esse motivo, o fluxo da bílis é bloqueado e as células do fígado são danificadas. Depois, forma-se uma cicatrização chamada cirrose. Um dos muitos efeitos da cirrose é que as fezes se tornam brancas.

5. Câncer

Bactérias que se encontram nas fezes

Alguns tipos de câncer podem causar fezes claras ou pálidas, juntamente com fadiga. O câncer do pâncreas, os tumores biliares e outros cânceres que bloqueiam o canal biliar fazem com que as fezes adquiram uma coloração argila ou amarelo-claras por causa da ausência de enzimas digestivas provenientes do pâncreas.

Isso também pode causar fadiga, uma vez que o alimento não é digerido adequadamente e os nutrientes não são absorvidos, resultando em uma possível desnutrição.

6. Cálculos biliares

Os cálculos biliares são resíduos solidificados na vesícula biliar, que obstruem o fluxo da bile. As pedras são formadas por colesterol ou bilirrubina endurecida.

Quando os cálculos biliares são grandes, às vezes bloqueiam os canais biliares, que são os que liberam a bile aos intestinos. O resultado dessa anomalia são fezes de coloração pálida.

Ao mesmo tempo, se seu tamanho for considerável e não desaparecerem com medicação, a cirurgia deve ser realizada para removê-las.

7. Colangite esclerosante primária

Mulher sentada no vaso

A colangite esclerosante primária é uma doença em que as vias biliares ficam inflamadas ou ocorre a formação de um tecido cicatricial nelas. Essa condição provoca uma descompensação do fluxo biliar, que não chega às fezes corretamente, causando sua falta de cor.

No entanto, essa doença pode ser tratada com medicamentos ou uma intervenção cirúrgica.

Diagnóstico e tratamento das fezes brancas

O aparecimento de fezes brancas é uma condição séria que deve ser analisada rapidamente por um médico. O profissional deve indicar um tratamento adequado assim que as causas forem descobertas e diagnosticadas.

Os exames que devem ser realizados para ter um diagnóstico preciso por parte do médico são os seguintes:

  • Exame de sangue: os valores irão refletir qualquer anormalidade.
  • Tomografia computadorizada: trata-se de um teste de diagnóstico que gera uma imagem do interior do corpo.
  • Colangiopancreatografia retrógrada endoscópica (CPRE): um tipo especial de ressonância magnética que captura imagens detalhadas do sistema biliar.
  • Ultrassom abdominal: cria uma imagem dos órgãos para verificar se tudo está em ordem e no devido lugar.
  • Exames de função hepática.
  • Cirurgia: em casos de extrema necessidade, a cirurgia é realizada para encontrar defeitos nas vias biliares.

Uma vez tratada a causa que provoca o aparecimento de fezes brancas, o problema deve reverter. Contudo, caso não seja curável, as fezes irão manter sua aparência anormal e o tratamento deverá ser mais específico.

Fezes brancas em crianças: causas e tratamento

As Fezes brancas ou pálidas podem indicar um problema de prisão de ventre

É sempre importante ter consciência das fezes dos nossos filhos, pois podem revelar problemas de saúde. As fezes esbranquiçadas, ou a diarreia branca, são comuns em crianças, às vezes devido ao leite ou aos seus derivados que não caem bem.

Quando temos filhos, devemos sempre estar informados sobre as causas das fezes brancas, bem como sobre qual é o tratamento mais apropriado para o caso. Claro, a consulta com o médico deve ocorrer o mais rapidamente possível. 

Causas de fezes brancas em crianças

Esse problema pode se desenvolver por qualquer um dos seguintes fatores:

  • Hepatite.
  • Consumo de alimentos frios.
  • Qualidade, quantidade e proporção dos alimentos ingeridos.
  • Má absorção dos alimentos devido a algum pequeno parasita que danifica o intestino.

Tratamento das fezes brancas ou pálidas em crianças

A primeira coisa que você deve fazer quando uma criança apresentar fezes brancas ou pálidas é ir ao médico. O mais provável é que o profissional peça a realização de uma cultura de fezes da criança.

Nessas circunstâncias, o mais conveniente é beber bastante líquido para evitar a desidratação. A criança precisa de muita água e sais minerais. Às vezes, há germes que causam fezes brancas. Se esse for o caso, talvez seja necessário um tratamento com antibióticos.

Por fim, para tratar as crianças, saiba que você nunca deve recorrer aos antidiarreicos que contenham loperamida sem prescrição médica. A mesma recomendação se aplica a qualquer outro medicamento que não tenha sido indicado por um profissional.

Pode interessar a você...
Xaropes e vitaminas para a prisão de ventre
Melhor Com SaúdeLeia em Melhor Com Saúde
Xaropes e vitaminas para a prisão de ventre

Todos sabem o quão desagradável é a prisão de ventre constante ou casual, já que afeta a nossa saúde e vida diária. Conheça algumas bebidas para tratá-la.



  • Beckingham IJ, Ryder SD. ABC of diseases of liver, pancreas, and biliary system. Investigation of liver and biliary disease. BMJ. 2001;322(7277):33–36. doi:10.1136/bmj.322.7277.33
  • Thomas ME, Luton P, Mortimer JY. Virus diarrhoea associated with pale fatty faeces. J Hyg (Lond). 1981;87(2):313–319. doi:10.1017/s0022172400069539
  • Stern TA, Pallais JC, Scharf JM, Schlozman SC. Found in feces: differential diagnosis, workup, and treatment. Prim Care Companion CNS Disord. 2012;14(3):PCC.12f01341. doi:10.4088/PCC.12f01341