11 sinais de toxicidade no fígado

· 16 de novembro de 2017
O fígado é um órgão importante do corpo humano, tão sensível que é afetado por inúmeros processos inflamatórios, drogas, defeitos genéticos, substâncias industriais tóxicas e até mesmo por certos elementos da natureza. 

Conheça alguns sinais de toxicidade no fígado, órgão principal que atua no metabolismo dos nutrientes, medicamentos e outras substâncias tóxicas.

Em outras palavras, é um ótimo filtro que separa as substâncias tóxicas muito antes de chegarem à corrente sanguínea e outros tecidos.

No entanto, em algumas pessoas, algumas substâncias não conseguem ser purificadas e danificam o fígado.

O que é a toxicidade do fígado?

A hepatotoxicidade é definida como uma lesão hepática causada pela exposição a um medicamento ou a certos agentes não farmacológicos.

A capacidade do fígado para filtrar substâncias o torna suscetível a fenômenos de toxicidade.

Na verdade, atualmente nos Estados Unidos e na Europa, a toxicidade no fígado representa um importante problema de saúde que vem aumentando, causando a suspensão ou retirada de certas substâncias do mercado para acabar com o problema.

As toxinas hepáticas incluem:

  • Grande número de medicamentos (principalmente antibióticos e anti-inflamatórios)
  • Substâncias industriais ou naturais (por exemplo: cogumelos, excesso de chá verde, etc.) que causam uma reação anormal no organismo.

Quais são os sinais de toxicidade no fígado?

Mulher com sintomas de toxicidade no fígado

Os sinais de toxicidade no fígado são muito semelhantes aos casos de hepatite viral.

No caso de toxicidade hepática por drogas, pode adotar qualquer manifestação de doença hepática, ou seja, doenças que impedem que o fígado funcione ou trabalhe bem.

Entre os sinais de toxicidade no fígado mais comuns, encontramos:

  • Icterícia
  • Náuseas e vômitos
  • Mudança de cor nas fezes
  • Cor da urina com um tom mais escuro
  • Fadiga e cansaço
  • Dor abdominal e inchaço
  • Febre
  • Perda de apetite
  • Coceira na pele
  • Contusões

Em algumas pessoas, nenhum dos sintomas pode ser evidente. No entanto, esta doença geralmente é identificada algumas horas após a exposição a determinadas toxinas.

Por outro lado, no caso de tóxicos hepáticos imprevisíveis, os sintomas podem levar semanas ou até mesmo meses para aparecer.

Quais produtos naturais estão relacionados à toxicidade hepática?

Medicamentos

Medicamentos para cuidar da saúde do fígado

A lista de drogas de toxicidade comprovada, definida pela agência espanhola de farmacovigilância, juntamente com o governo espanhol, pode ajudar a verificar se os medicamentos à base de plantas medicinais que consumimos podem ser prejudiciais à nossa saúde.

Suplementos nutricionais e remédios naturais

Ao contrário do que muitos acreditam, alguns remédios naturais à base de ervas apresentam um risco de toxicidade hepática. Os produtos combinados também são desencorajados.

Dentro da lista estão:

  • Morinda citrifollia (suco de Noni)
  • Viscus album (visco)
  • Valeriana officinalis
  • Cinnamomum camphora (óleo de cânfora)
  • Aloe vera
  • Glycine max (isoflavonas de soja)

Descubra: Como preparar uma infusão de boldo para proteger o fígado

Cogumelos

Alguns cogumelos ou fungos contêm toxinas. Estas são toxinas hepatotóxicas, ou seja, causam a morte de células e tecidos do fígado e rins.

Seus efeitos podem incluir:

  • Dores de estômago
  • Vômito
  • Náusea
  • Hemorragias

Sem cuidados médicos adequados, a condição pode evoluir para algo mais grave e problemático.

Drogas e agentes químicos

Como cuidar do fígado

Essas substâncias incluem cocaína, ecstasy, pesticidas, herbicidas, cloreto de vinila e alimentos contaminados.

Como o diagnóstico é feito?

Não existe evidência concisa para diagnosticar definitivamente a existência de hepatotoxicidade.

Assim, devido à semelhança dos sintomas, é necessário realizar alguns exames médicos para descartar que estes são uma consequência da hepatite devido a um vírus ou a alguma outra causa.

Leia também: Melhore a saúde do seu fígado com um simples remédio: o boldo

Tratamento

Mulher com dor no abdômen

Além da acetilcisteína, uma substância que permite purificar o fígado da intoxicação pela administração de altas quantidades de paracetamol, não há tratamento específico ou antídoto para combater o problema.

Uma medida fundamental é remover a substância suspeita, tratar sintomas como vômitos, repousar e evitar substâncias que compliquem o quadro clínico.

Perigos

Os sintomas de toxicidade hepática geralmente melhoram a partir da suspensão da substância tóxica.

No entanto, se a doença não for curada, pode causar insuficiência hepática, irreversivelmente dando lugar à cirrose.

Como você pôde ver, os riscos de toxicidade hepática podem ser elevados. Portanto, é importante identificar os sinais de toxicidade no fígado para evitar complicações de saúde.

Se você identificou qualquer sintoma, não hesite em consultar um médico.

  • Soldatow, V. Y., Lecluyse, E. L., Griffith, L. G., & Rusyn, I. (2013). In vitro models for liver toxicity testing. Toxicology Research. https://doi.org/10.1039/c2tx20051a