Quais são as causas da falta de lubrificação feminina?

14 Julho, 2020
São muitas as causas da falta de lubrificação feminina: desde uma infecção vaginal a um quadro de estresse ou depressão. Por isso, é importante consultar um ginecologista para descobrir o que está desencadeando esta condição.

Embora a falta de lubrificação feminina costume ser associada à menopausa, a verdade é que ela pode aparecer a qualquer momento na vida de uma mulher. Além disso, suas causas podem ser muitas e variadas. Neste artigo, explicamos algumas delas.

A falta de lubrificação feminina

A parede da vagina produz um lubrificante natural (mucosa) que ajuda a mantê-la hidratada. Na vagina, também há uma microbiota ou flora vaginal, um conjunto de micro-organismos que a protegem e a mantêm saudável.

No entanto, quando a hidratação ou a flora são alteradas, ocorre o que é chamado de ressecamento vaginal: o fluxo diminui, causando uma falta de lubrificação dos tecidos da vagina.

Saúde vaginal
Existem algumas condições que alteram o equilíbrio da flora vaginal, causando a falta de lubrificação.

Normalmente, essa secura não é uma coisa ruim. No entanto, pode ser um sintoma de algum tipo de doença; por isso, é importante ir ao ginecologista e explicar a situação.

A falta de lubrificação pode causar dor durante a relação sexual, podendo afetar a qualidade de vida da mulher e seus relacionamentos íntimos e pessoais.

Da mesma forma, também pode desencadear uma sensação de coceira ou irritação, por isso é melhor tentar resolver o problema, para evitar ter que suportar todos esses desconfortos.

Causas mais comuns da falta de lubrificação feminina

Alterações hormonais

Terapia hormonal
Algumas alterações hormonais, como as que ocorrem na menstruação, na menopausa ou durante a amamentação, alteram o equilíbrio de estrogênio no organismo.

O estrogênio é um hormônio que mantém a vagina hidratada e saudável. Por esse motivo, se os níveis de estrogênio caírem, é provável que o ressecamento vaginal apareça.

Precisamente por esse motivo, a falta de lubrificação feminina costuma estar associada à menopausa, pois é uma fase em que a produção de estrogênio diminui acentuadamente. No entanto, além da menopausa, existem outras causas que podem provocar uma redução na produção de estrogênio:

  • Ciclo ovariano e menstruação.
  • Alguns medicamentos ou hormônios usados ​​para tratar o câncer de mama ou a infertilidade, por exemplo.
  • Alguns antidepressivos e anti-histamínicos
  • Cirurgia para remover os ovários
  • Quimioterapia
  • Outras fases da vida, como a amamentação e o pós-parto.

Estresse e depressão

O estresse é um inimigo da saúde e do bem-estar geral que também pode favorecer a falta de lubrificação vaginal.

De fato, o estresse pode causar uma diminuição no apetite sexual da mulher e, consequentemente, uma falta de lubrificação vaginal. Dessa forma, pode se tornar um impedimento para manter relações sexuais agradáveis.

Não deixe de ler: O que fazer quando o seu parceiro sofre de depressão

Infecções vaginais

Mulher com infecção vaginal
As infecções vaginais alteram o equilíbrio da microbiota, produzindo menos lubrificação natural.

Uma infecção também pode ser a causa da falta de lubrificação vaginal. Micro-organismos como Candida albicansGardnerella vaginalis, entre outros, podem provocar sensibilidade, irritação, inflamação e redução da lubrificação vaginal. Nesse caso, é importante consultar um ginecologista para iniciar o tratamento. 

Recomendamos que você leia: 7 formas de detectar a tempo e evitar as infecções vaginais

Diabetes

Especialmente no caso de mulheres diabéticas cuja glicose não é adequadamente controlada, a falta de lubrificação pode aparecer. Isso ocorre porque os danos aos vasos sanguíneos podem limitar o fluxo sanguíneo para as paredes da vagina, diminuindo a lubrificação e a excitação sexual.

Síndrome de Sjögren

A síndrome de Sjögren é uma doença autoimune crônica causada pela infiltração de leucócitos nas glândulas exócrinas. Por esse motivo, aqueles que sofrem dessa síndrome costumam apresentar falta de saliva e coceira ou sensação de areia nos olhos.

No entanto, essa condição também pode causar ressecamento vaginal. Por esse motivo, se houver outros sintomas, como boca e olhos secos, juntamente com a falta de lubrificação, é necessário consultar o seu médico de confiança para fazer uma avaliação mais criteriosa.

Uso excessivo de sabonetes e loções vaginais

Quais são as causas da falta de lubrificação vaginal?
O uso excessivo de sabonetes altera o estado natural da vagina. Por isso, é preciso escolher o tipo adequado e usá-los ​​com prudência.

Embora possa parecer estranho, a higiene excessiva da região vaginal pode causar ressecamento por afetar o equilíbrio da flora vaginal. Uma vez que as práticas adequadas de higiene são recuperadas, a lubrificação costuma voltar a níveis normais, melhorando os sintomas.

Pronto, agora você conhece algumas das razões que podem estar causando a falta de lubrificação. De qualquer forma, lembre-se de consultar o seu ginecologista para que ele possa ajudá-la a encontrar a causa exata e iniciar o tratamento mais adequado.

Também existem inúmeros géis lubrificantes no mercado que, sem dúvida, podem ajudá-la a aliviar o desconforto e a se sentir muito mais confortável durante a relação sexual.

  • Waetjen, L. Elaine, et al. “Factors associated with developing vaginal dryness symptoms in women transitioning through menopause a longitudinal study”, MenopauseOctober 2018 – Volume 25 – Issue 10 – p 1094–1104
  • Leiblum SR et al. “Vaginal dryness: a comparison of prevalence and interventions in 11 countries”, J Sex Med. 2009 Sep;6(9):2425-33. doi: 10.1111/j.1743-6109.2009.01369.x. Epub 2009 Jul 13.
  • Harvard Medical School, Harvard Health Publishing (2019), “Don’t ignore vaginal dryness and pain”, https://www.health.harvard.edu/womens-health/dont-ignore-vaginal-dryness-and-pain