Mejor con Salud
 

Quais são os efeitos colaterais do tratamento do câncer?

O câncer é uma doença que tem muitas opções de tratamento. No entanto, os pacientes geralmente têm dúvidas sobre os efeitos colaterais que elas acarretam. Saiba mais sobre o tema a seguir.
Quais são os efeitos colaterais do tratamento do câncer?

Muitos pacientes diagnosticados costumam ter dúvidas sobre os efeitos colaterais do tratamento do câncer. Embora as questões pertinentes devam ser esclarecidas com um médico, muitos fazem pesquisas online e acabam se confundindo com as informações encontradas na internet.

Para começar a explicar esta questão, é importante ressaltar que câncer é um termo usado para se referir a um grupo de doenças.

Embora todos possam compartilhar características comuns, a maioria possui mecanismos de origem e proliferação próprios em nossos corpos. Essas diferenças criam a necessidade de definir tratamentos mais adaptados a cada tipo de câncer.

Existem diversas variedades de tratamentos contra o câncer, mas neste artigo, mencionaremos os seguintes:

  • Cirurgia
  • Quimioterapia
  • Radioterapia

Efeitos colaterais da cirurgia do câncer

Cirurgia para remover tumor
A cirurgia do câncer pode causar dor no pós-operatório e risco de infecção.

Embora a maioria dos efeitos colaterais resultantes da cirurgia esteja associada ao órgão em que foi realizada e à modalidade pela qual foi realizada, podemos apontar alguns efeitos colaterais associados a todos os tipos de cirurgia. 

Dor

É comum sentir dor na parte do corpo em que a cirurgia foi realizada. A intensidade da dor vai depender da extensão da cirurgia, da parte do corpo em que foi realizada e da sensibilidade da pessoa a estímulos dolorosos. A dor pode ser controlada com analgésicos prescritos pelo médico.

Infecção das feridas

A cirurgia envolve cortes na nossa pele. Essas feridas podem servir como porta de entrada para microrganismos prejudiciais para a nossa saúde. As infecções geralmente acontecem nos primeiros dias após a cirurgia.

Durante a infecção, podemos encontrar inflamação, dor e vermelhidão na área onde a ferida está localizada. O quadro pode ser acompanhado por supuração e febre. É importante consultar o médico ao apresentar algum dos sintomas indicados.

Leia também: 4 frutas que podem ajudar a prevenir o câncer

Efeitos colaterais da quimioterapia

A quimioterapia está associada a uma extensa lista de efeitos colaterais. A seguir, discutiremos apenas os mais comuns.

Anemia

A grande maioria dos agentes quimioterápicos afeta negativamente a medula óssea. Isso causa alterações na produção celular do paciente.

Náusea e vômito entre os efeitos colaterais do tratamento do câncer

Este é o efeito colateral mais frequente da quimioterapia, afetando 80% das pessoas que se submetem a esse tratamento.

Alterações no ritmo intestinal

A quimioterapia causa alterações que podem influenciar a saúde intestinal. Dependendo do medicamento utilizado, pode causar diarreia ou constipação.

Queda de cabelo

Ao contrário do que se pensa, a queda de cabelo durante a quimioterapia depende do medicamento utilizado. Este efeito colateral varia muito de pessoa para pessoa.

Não deixe de ler: Alopecia areata: sintomas, causas e tratamentos

Efeitos colaterais da radioterapia

Radioterapia
Os efeitos colaterais da radioterapia dependem de muitos fatores. Em quase todos os casos há fadiga, além de irritação da pele nas áreas irradiadas.

A radioterapia tem efeitos colaterais relacionados ao volume de radiação recebido. Portanto, as reações adversas estarão limitadas aos campos de irradiação. Também estarão relacionadas à dose recebida e ao seu fracionamento, tratamentos concomitantes e suscetibilidade da pessoa que a recebe.

Como já mencionado, os efeitos colaterais dependem da região onde a radiação é aplicada. O cansaço está presente em quase todos os casos, bem como a irritação da pele que cobre a parte irradiada do corpo. Se você receber radiação no abdômen, poderá sofrer alterações no trânsito intestinal, além de náuseas e vômitos.

O que devemos lembrar sobre os efeitos colaterais do tratamento do câncer?

Como vimos, os efeitos colaterais variam dependendo do tratamento e da idiossincrasia da pessoa que o recebe. Existem muitos tratamentos para o câncer, mas os mais comuns são cirurgia, quimioterapia e radioterapia.

Dependendo do local, intensidade e tipo de câncer em questão, os efeitos colaterais serão diferentes. Você deve consultar o seu médico se tiver dúvidas ou estiver preocupado com algum sintoma que está apresentando.

5 tipos de câncer que poucos conhecem

5 tipos de câncer que poucos conhecem

Sem dúvida você já ouviu falar sobre o câncer de mama, câncer de cólon ou o câncer de ovário, mas há outros tipos de câncer que poucos conhecem.



  • Ferreiro, J., García, J. L., Barceló, R., & Rubio, I. (2003). Quimioterapia: efectos secundarios. Gaceta Médica de Bilbao100(2), 69-74.
  • Verdú Rotellar, J. M., Algara López, M., Foro Arnalot, P., Domínguez Tarragona, M., & Blanch Mon, A.. (2002). Atención a los efectos secundarios de la radioterapia. Medifam12(7), 16-33. Recuperado en 08 de marzo de 2020, de http://scielo.isciii.es/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1131-57682002000700002&lng=es&tlng=pt.
  • American Cancer Society. (2017, 10 febrero). Efectos secundarios del tratamiento del cáncer. Recuperado 8 marzo, 2020, de https://www.cancer.gov/espanol/cancer/tratamiento/efectos-secundarios