Dieta de alcachofra: vantagens e desvantagens

4 de agosto de 2019
Embora seja uma maneira rápida e eficaz de perder peso, não é recomendado seguir a dieta de alcachofra por mais de cinco dias, mas devemos continuar com uma dieta balanceada.

A dieta de alcachofra é um dos programas de alimentação mais populares para perder peso em pouco tempo. Este vegetal é cheio de nutrientes essenciais que melhoram o funcionamento do metabolismo para promover a “queima de gordura” sem afetar a saúde.

Embora não seja um modelo de nutrição para seguir de  maneira permanente, é uma boa opção para desintoxicar e eliminar quilos antes de seguir uma dieta equilibrada e completa. Aliás, também pode ser levado em conta em caso de retenção de líquidos ou inflamação abdominal.

O que é a dieta de alcachofra?

Alcachofra com frutas

A alcachofra, cujo nome científico é Cynara Scolymus L, é um dos alimentos que tem se destacado como complemento para a perda de peso. É um ingrediente conhecido em quase todo o mundo porque possui múltiplas aplicações culinárias e medicinais.

A famosa dieta de alcachofra possui inúmeras adaptações. No entanto, em geral, consiste em um plano de “desintoxicação” que só deve ser implementado por 3 a 5 dias. Embora existam dietas que sugiram isso por até um mês, é melhor seguir planos curtos para evitar efeitos indesejados.

Durante este tempo, uma dieta mais leve e menos calórica é recomendada para reduzir a sobrecarga do organismo. Portanto, devemos suprimir o consumo de gorduras saturadas, açúcares, farinhas refinadas e outros ingredientes que geralmente influenciam o excesso de peso.

Em vez disso, propõe-se aumentar o consumo de alimentos orgânicos e, claro, o da alcachofra. Graças às suas propriedades, este vegetal ajuda a eliminar a gordura e reduz a presença de toxinas e líquidos nos tecidos.

Benefícios da dieta de alcachofra

O principal benefício da dieta da alcachofra é que ela ajuda a reduzir as medidas em um curto espaço de tempo. Devido ao seu efeito desintoxicante e emagrecedor, é uma boa opção começar a melhorar a silhueta sem arriscar a saúde. Outras vantagens de seguir este plano são:

  • Facilita a decomposição de gorduras e, portanto,  diminui a formação de nódulos e adiposidades.
  • Controla os níveis elevados de colesterol e triglicérides.
  • Favorece a saúde circulatória e linfática, melhorando o aspecto da celulite.
  • Regula os níveis de glicose no sangue para diminuir o risco de diabetes.
  • Melhora o funcionamento do fígado e da vesícula biliar.
  • Suas contribuições de fibras melhoram o trânsito intestinal e reduzem a prisão de ventre.
  • Ao contrário de outras dietas, não produz muita ansiedade, uma vez que a fibra prolonga a sensação de saciedade por mais tempo.
  • Estimula a eliminação do ácido úrico para evitar dor nas articulações e gota.
  • Reduz a inflamação abdominal e, portanto, ajuda a diminuir a barriguinha.

Sua barriga está sempre inchada? Então leia: Descubra 6 hábitos que causam inflamação abdominal

Desvantagens da dieta de alcachofra

Mulher sem vontade de comer

Apesar de ser um plano de perda de peso tão recomendado, a dieta de alcachofra tem algumas desvantagens que vale a pena considerar. Vejamos os mais importantes:

  • Sendo um tipo de dieta “detox“, só pode ser adotado por cerca de 5 dias. Portanto, após completar este período, a alimentação regular deve ser retomada.
  • Se a dieta geral não for melhorada, os efeitos obtidos com a dieta de alcachofra serão perdidos em pouco tempo. De fato, isso pode causar o indesejável “efeito ioiô”.
  • Alguns modelos dessa dieta são hipocalóricos demais e não fornecem os nutrientes que o organismo necessita para funcionar bem. Portanto, é importante escolher as opções que propõem cardápios balanceados.
  • Comer muita alcachofra pode causar flatulência.

Contra-indicações da dieta de alcachofra

Além das desvantagens mencionadas, esse tipo de dieta é contraindicado em alguns casos especiais. É essencial conhecê-los, uma vez que sua adoção pode levar a graves complicações de saúde. Este plano não deve ser seguido em caso de:

  • Gravidez e lactação
  • Obstrução biliar
  • Uso de remédios para hipertensão ou doença cardíaca
  • Insuficiência renal ou hepática

Cardápios que você pode desfrutar na dieta de alcachofra

É importante incluir vegetais em qualquer dieta

O segredo para não sofrer efeitos negativos ao fazer a dieta de alcachofra é tentar respeitar o conceito de uma alimentação equilibrada ao máximo. Embora alguns planos sugiram restrições, é melhor optar por aqueles que fazem uma combinação adequada de todos os nutrientes.

Aqui damos algumas opções:

Café da manhã

  • Uma xícara de chá verde; uma fatia de pão integral com tomate e requeijão e metade de uma alcachofra assada.
  • Um copo de infusão de alcachofra com limão; torrada integral com abacate e ovo cozido.
  • Ovos mexidos com alcachofra e espinafre; copo de suco de toranja e pão integral.

Almoços

  • Alcachofras salteadas; porção de peixe assado e salada mista.
  • Uma porção de bife grelhado; alcachofra cozida e temperada com azeite; duas fatias de pão integral e arroz.
  • Um prato de sopa de alcachofra com frango; uma porção de arroz integral e salada.

Leia este artigo: 4 receitas ricas em fibras para cuidar da sua digestão

Jantares

  • Sanduíche de alcachofra com queijo grelhado e uma xícara de infusão.
  • Alcachofra assada com azeite de oliva; duas fatias de peito de peru e tomate fatiado.
  • Salada de alcachofra e uma porção de peixe assado.

Lanches

  • Salada de frutas.
  • Copo de leite vegetal.
  • Iogurte natural com frutos secos.

Resumindo …

Em conclusão, a dieta de alcachofra é uma das muitas alternativas para desintoxicar o corpo e perder peso em poucos dias. Entretanto, para manter seus efeitos e evitar a reação de rebote, é essencial seguir uma dieta balanceada quando terminar o plano.

E não se esqueça de que se tiver qualquer dúvida é importante consultar com um médico especialista, porque somente ele poderá indicar o tratamento adequado.

Então, gostou das nossas dicas? Sendo assim, continue com a gente porque temos mais artigos para a sua saúde e bem-estar.

  • Salem, M. Ben, Affes, H., Ksouda, K., Dhouibi, R., Sahnoun, Z., Hammami, S., & Zeghal, K. M. (2015). Pharmacological Studies of Artichoke Leaf Extract and Their Health Benefits. Plant Foods for Human Nutrition. https://doi.org/10.1007/s11130-015-0503-8
  • Rondanelli, M., Opizzi, A., Faliva, M., Sala, P., Perna, S., Riva, A., … Giacosa, A. (2014). Metabolic management in overweight subjects with naive impaired fasting glycaemia by means of a highly standardized extract from cynara scolymus: A double-blind, placebo-controlled, randomized clinical trial. Phytotherapy Research. https://doi.org/10.1002/ptr.4950
  • Llorach, R., Espín, J. C., Tomás-Barberán, F. A., & Ferreres, F. (2002). Artichoke (Cynara scolymus L.) Byproducts as a potential source of health-promoting antioxidant phenolics. Journal of Agricultural and Food Chemistry. https://doi.org/10.1021/jf0200570
  • Salem, M. Ben, Affes, H., Ksouda, K., Dhouibi, R., Sahnoun, Z., Hammami, S., & Zeghal, K. M. (2015). Pharmacological Studies of Artichoke Leaf Extract and Their Health Benefits. Plant Foods for Human Nutrition. https://doi.org/10.1007/s11130-015-0503-8