Como curar uma ferida e amenizar a cicatriz?

· 11 de junho de 2014
Lembre-se de não expor a pele ao sol para não piorar a situação. Além disso, hidrate a ferida durante o processo de cicatrização.

Serão poucas as pessoas que terão a sorte de que nenhuma cicatriz marque a sua pele. Muitas vezes, devido aos poucos ou maus cuidados de uma ferida, o processo de cicatrização se prolonga, dificulta e a pele fica com marcas visíveis e antiestéticas. Neste artigo falaremos sobre como curar uma ferida e amenizar a cicatriz.

É importante que você saiba que o processo de cicatrização varia de uma pessoa para outra, e as feridas também curam de maneiras diferentes. Muitas vezes não podemos evitar que estas marcas se produzam, pois elas são o resultado do processo normal de cura da pele. Tudo dependerá do tipo de pele, da magnitude e profundidade da ferida.

Mas podemos intervir para que elas fiquem o mais estéticas possível e, consequentemente, menos notórias. Se a ferida que você tiver for considerável, não deve deixar de procurar um hospital. As ações imediatas são de vital importância para prevenir infecções em sua lesão.

Se as feridas infeccionarem, o resultado pode ser muito pior. Portanto, preste atenção nos conselhos que daremos neste artigo para que você possa curar suas feridas de maneira eficiente para amenizar a cicatriz que poderá se formar.

Descubra: Como acelerar a cicatrização de uma fratura óssea

Conselhos para não amenizar a cicatriz

  • A limpeza da ferida é primordial. Depois de comprimir a ferida com um pano limpo e parar o sangramento, você pode continuar a sua limpeza com as mãos limpas, claro, utilizando um desinfetante que você pode conseguir em farmácias para este fim, caso não seja possível fazê-lo com água e sabão neutro. Nunca utilize álcool em uma ferida.
  • Seque a ferida com uma gaze limpa, batendo suavemente. Evite o algodão, pois ele poderá ficar colado na lesão, impedindo a cura.
  • Enquanto durar o processo de cicatrização, você não deve expor a pele ao sol. Você pode cobrir a sua ferida com um curativo não muito apertado, mas também não muito frouxo. A finalidade é proteger a ferida de possíveis infecções ao entrar em contato direto com o meio externo. Procure trocá-lo todos os dias, e caso note que o curativo está úmido, você também deve trocá-lo.
  • Seria interessante realizar suaves massagens ao redor da ferida com movimentos circulares; isso ajudará a aumentar a circulação na região, fazendo com que substâncias benéficas cheguem para acelerar o processo de cura.
  • Quando se formarem as cascas, não as retire, pois isso pode gerar uma cicatriz mais evidente; deixe que elas se soltem sozinhas.
  • O óleo de rosa-mosqueta é muito útil para os processos de cicatrização. Você pode aplicá-lo na lesão todos os dias e, se quiser notar o resultado, seu uso deve ser constante.
  • Além disso, nas farmácias, você pode conseguir uma grande variedade de cremes cicatrizantes, que também serão de grande ajuda. A alimentação também desempenha um papel importante na hora de uma correta cicatrização. Caso ela seja deficiente, você não contará com os nutrientes necessários para o processo de cura.

Leia também: A importância de uma boa alimentação para um estilo de vida saudável

Mais dicas para amenizar a cicatriz

Cebola pode ajudar a amenizar a cicatriz

  • A cebola é de grande utilidade no tratamento das feridas, pois evita que ali se formem cicatrizes.
  • Lembre-se de que estas recomendações são úteis para pequenas situações. Em caso de feridas profundas, de grande magnitude e as quais o sangramento não pare por vários minutos, não perca tempo e procure um hospital.
  • Outro esclarecimento importante seria que uma ferida pequena pode não deixar cicatriz, mas tudo depende de cada tipo de pele. Existem pessoas nas quais o processo de cicatrização é por si só difícil, sejam feridas leves ou não.
  • Além de prevenir a formação de cicatrizes evidentes, os cuidados citados anteriormente servirão para evitar possíveis infecções nas feridas, as quais implicarão em um tratamento mais longo e com marcas ainda mais visíveis.
  • Em caso de dúvida, sempre consulte um profissional. Hoje em dia, existem vários mecanismos para atenuar as marcas na pele. Se você já apresenta cicatrizes antigas, pode encontrar soluções para elas, fazendo com que ao menos sejam menos incômodas.
  • A cirurgia também é usada para certos casos a fim de reparar cicatrizes.