Os benefícios de congelar ervas frescas com azeite de oliva

· 5 de novembro de 2016
Devemos escolher bem quais ervas aromáticas congelar com o azeite de oliva, já que há algumas, como a camomila, cujo resultado não é bom.

As ervas frescas são um recurso maravilhoso na cozinha. Além de suas propriedades medicinais, possuem um sabor inconfundível e oferecem a nossos alimentos e pratos cotidianos um toque especial.

Mas o principal problema em relação às ervas frescas é que é muito difícil conservá-las.

A não ser que cultivemos em casa tomilho, hortelã, manjericão ou alecrim, o mais comum é que, pouco tempo depois de tê-las colhido ou comprado, elas estraguem.

Você não precisa mais jogá-las fora. Hoje, em nosso espaço, queremos propor a você uma ideia sensacional. Se  você congelar suas ervas aromáticas favoritas com um pouco de azeite de oliva conseguirá um recurso culinário incrível.

Explicaremos como fazê-lo e os benefícios que este truque pode lhe trazer. É uma ideia que será muito útil no dia a dia!

Se eu congelar minhas ervas, elas perderão suas propriedades?

Todos sabemos que a maioria das plantas e dos vegetais mantém melhor suas propriedades se os consumirmos em sua forma fresca.

Descubra também os 9 alimentos que não precisam de refrigeração para se conservar

No entanto, no que se refere às ervas aromáticas, existem muitas maneiras de consumi-las sem que suas virtudes essenciais se percam.

  • Podemos consumir as ervas aromáticas desidratadas (orégano, manjericão…)
  • Os óleos essenciais são outro modo maravilhoso de utilizá-las.
  • Combiná-las com azeite de oliva potencializará suas propriedades.

Congelá-las não altera em absoluto sua composição, nem suas virtudes originais.

ervas_congeladas_com_azeite

O azeite de oliva pode ser congelado?

Esta é outra pergunta que muitos de nós nos fizemos alguma vez. A resposta é “sim”, o azeite de oliva pode ser congelado sem que suas propriedades sejam alteradas.

  • No entanto, é preciso saber algo importante: uma vez descongelado, o azeite de oliva deve ser consumido no mesmo dia.
  • No caso de reservá-lo para os dias seguintes, ele já não estará bom para consumo.
  • Também não devemos congelá-lo novamente.

O azeite de oliva é formado quase que completamente por ácido oleico. O mais comum é que comece a endurecer a partir dos 4 °C.

  • Quando chega aos 0 °C, já apresenta alguns grumos, que dão seguimento à solidificação.
  • É um processo totalmente natural, sem riscos.
  • O congelamento não afeta sua composição, e seus ácidos graxos essenciais ômega 3 e maravilhosos antioxidantes se mantêm em perfeito estado.

Benefícios de congelar ervas frescas com azeite de oliva

É um processo simples, saudável e eficaz para conservar as propriedades tanto do azeite de oliva quanto das próprias ervas aromáticas.

Se você ainda não se convenceu, tome nota de tudo o que este “truque” pode fazer pela sua saúde:

  • É um remédio natural para perder peso. Suas gorduras saudáveis e seus óleos essenciais nos oferecem um efeito saciante e cuidam, além disso, de nossa digestão.
  • O azeite de oliva, combinado ao alecrim, tem um efeito anti-inflamatório. Muito adequado para as dores causadas pela artrite.
  • Se combinamos o azeite de oliva com a sálvia, isso nos fará muito bem para tratar as cólicas menstruais.
  • O azeite de oliva, combinado a ervas aromáticas como o manjericão, o tomilho ou o alecrim, ajuda-nos a fortalecer o sistema imunológico.
  • Se você sofre com indigestão, gases ou acidez, experimente combinar o azeite de oliva com algumas folhas de hortelã. O resultado é incrível, além de ter um sabor muito agradável.

Conheça também Os 10 erros mais comuns na hora de cozinhar

hortela

Como congelar as ervas frescas com azeite de oliva

A primeira coisa que temos que fazer é escolher as ervas frescas mais adequadas. A camomila ou o dente-de-leão não dão um bom resultado, por exemplo.

O melhor é utilizar as plantas “mais resistentes” e com maior poder antioxidante. Como exemplo, propomos as seguintes ervas e compartilhamos também tudo o que necessitamos para realizar este procedimento:

Do que necessito:

  • Alecrim
  • Tomilho
  • Orégano
  • Hortelã-pimenta, ou hortelã-da-folha-miúda
  • Sálvia
  • Funcho
  • Uma bandeja de cubos de gelo
  • Azeite de oliva extra virgem (quantidade necessária para encher a forma de gelo)
  • Papel “filme” transparente

Descubra os benefícios de consumir uma torrada com azeite de oliva

congelar_ervas_frescas_com_azeite

Como preparar:

  • Depois de escolher as ervas frescas, lave-as bem e corte-as em pedaços pequenos. A ideia é que caibam em cada espaço na bandeja de gelo.
  • Em seguida, coloque as ervas em cada quadradinho da forma.
  • Então, despeje o azeite de oliva extra virgem até preencher todos os espaços. Muito fácil.
  • Por último, cubra tudo com o plástico filme para melhor conservá-las e para que não derrame. Agora, só falta levar ao congelador.

No dia seguinte, seus “cubinhos” de ervas aromáticas e azeite de oliva já estarão prontos. Use a sua imaginação culinária e aproveite este maravilhoso recurso, repleto de grandes propriedades.

Você pode fazer ensopados, purês, sopas ou usar os cubinhos para untar uma torrada de pão para o café da manhã.

Você vai resistir?