Como prevenir os joanetes? Saiba mais

· 14 de julho de 2014
O calçado é fundamental para prevenir os joanetes. O salto não deve superar os quatro centímetros e a ponta deve ser ampla para que os dedos fiquem folgados.

Os joanetes são uma das deformidades mais dolorosas e frequentes que se produzem nos pés, as quais são provocados na maioria das vezes pelo uso inadequado de calçados, também existindo o problema hereditário.

Uma das soluções mais rápidas para melhorar a condição dos pés com joanetes pode ser o uso de medicamentos anti-inflamatórios e alguns analgésicos que ajudarão a eliminar a dor.

Da mesma maneira, pode-se realizar uma série de exercícios de fisioterapia, que acompanhada com o uso de palmilhas almofadadas – especialmente as de feltro – pode ser outra medida eficaz para acalmar um pouco a dor que se produz quando o sapato aperta nos pés.

Outra solução que é muito mais eficaz, e que é a preferida de um grande número de pessoas afetadas, é a cirurgia, a qual elimina de maneira definitiva e segura este problema.

Somente na Espanha são realizadas por volta de cinco mil destas cirurgias todos os anos, a mais solicitada é a percutânea; que é realizada mediante uma incisão bem menor e os resultados estéticos são mais satisfatórios.

Leia mais: Diga adeus aos joanetes

Como podemos prevenir os joanetes?

prevenir os joanetes

A maneira mais eficaz de prevenir este doloroso problema dos pés é utilizando um sapato cômodo; cujo salto não supere os quatros centímetros de altura.

Visto que quando os saltos são muito altos os dedos são empurrados para a ponta do sapato; assim como o dedão fica totalmente comprimido entre o sapato e os outros dedos. Isso se complica se o sapato é de ponta fina.

Portanto, o sapato que deve ser usado com mais frequência é o de salto baixo. Além disso, com a ponta mais confortável em que os dedos fiquem folgados e possam se mexer com certa liberdade.

Saiba mais: 5 benefícios que obtemos ao parar de usar saltos

Dessa maneira, recomenda-se ter extremo cuidado com o tipo de sapato usado regularmente.

  • Se os de salto alto forem o seu ponto fraco, use-os o menor tempo possível.

Mas não todos os dias! Esses são o pior inimigo da saúde e da beleza de seus pés, uma vez que causam os joanetes; que não só são muito dolorosos, como também afetam a estética dos pés.

Assim que aparecerem, caso não sejam tratados a tempo, a cada dia ficarão mais acentuados e as dores serão mais fortes; afetando a livre circulação dos pés.

Por fim, se acaso tenha joanete ou está começando a sair, procure um médico de confiança ou diretamente um podólogo; os quais farão as recomendações mais adequadas e indicarão o tratamento a ser seguido.

  • Viana, R. A. A., Viana, M. D. O., & Lopes, R. R. (2013). A FISIOTERAPIA NA RECUPERAÇÃO DO PÓS CIRÚRGICO DE HÁLUX VALGO. Anais da Jornada de Fisioterapia da UFC3(1), 3.
  • Diniz, P., Carvalho, P., Flora, M., Domingos, R., Sarafana, J., & Neves, R. (2016). Poderá Realizar-se o Tratamento de Joanete de Alfaiate por Via Percutânea sem Recurso a Osteotomia do Quinto Metatársico?. Revista Portuguesa de Ortopedia e Traumatologia24(2), 103-111.