Como limpar o sistema linfático: 5 soluções com plantas

29 de julho de 2018
Além de aproveitar as propriedades de algumas plantas naturais para depurá-lo, para cuidar de nosso sistema linfático também devemos manter uma dieta equilibrada e evitar tóxicos prejudiciais, como o álcool ou o tabaco.

O sistema linfático é parte de nosso organismo. Em síntese, se parece com o sistema circulatório, mas diferente dele, cumpre um trajeto unidirecional: começa nos tecidos corporais, continua pelos vasos linfáticos e termina no sangue.

Este sistema se encarrega de eliminar toxinas, mas tende a se enfraquecer e precisa se depurar de vez em quando. Se existir uma alteração, é recomendável consultar um especialista; ainda, recorrer às plantas também é uma grande alternativa. Por isso te traremos cinco soluções para limpar o sistema linfático.

O que é o sistema linfático?

Uma parte essencial de nosso corpo é o sistema linfático, que consiste em uma rede de tubos muito finos chamados vasos linfáticos, que estão estendidos por todo o corpo. Os condutos deste sistema distribuem um líquido transparente chamado linfa, que tem células brancas chamadas linfócitos.

As principais funções deste sistema são:

  • Manter o equilíbrio osmolar;
  • Ajudar a ativar e formar o sistema imunológico;
  • Recolher o quilo (um produto com alto teor de gorduras);
  • Controlar a concentração de proteínas.
  • Controlar o volume e a pressão do líquido intersticial.

Veja também: 7 problemas que experimentamos por um enfraquecimento do sistema imunológico

5 soluções com plantas para limpar o sistema imunológico

Quando se apresentam problemas no sistema linfático é recomendável consultar seu médico. Porém, a natureza sempre tem alternativas a te oferecer. Por isso, a seguir te apresentamos cinco soluções com plantas para limpar o sistema linfático.

Chá para limpar o sistema linfático

1. Infusão de bardana

A bardana é uma planta medicinal muito usada graças às suas propriedades depurativas. É recomendada para limpar o sistema linfático e o sangue, assim como para eliminar toxinas por meio da urina e do suor.

Ainda assim, também previne infecções, diabetes, cistite ou problemas hepáticos, dentre outras.

Ingredientes

  • 1 colher de sopa de bardana (15 g)
  • 1 xícara de água (250 ml)

O que fazer?

  • Esquentar a água e, quando ferver, adicionar a bardana e deixar repousar.
  • Beber pelo menos duas xícaras desta infusão por dia.

2. Infusão de folhas de nogueira

A nogueira é uma planta medicinal ideal para limpar o sistema linfático, graças às suas propriedades diuréticas e depurativas. Seus componentes lhe permitem decompor as toxinas e diminuir a inflamação dos tecidos.

Ingredientes

  • 1 xícara de água (250 ml)
  • 1 colher de sopa de folhas de nogueira secas (15 g)

O que fazer?

  • Adicione a colher de nogueira na água e esquente durante 5 minutos.
  • Desligar o fogo, deixar repousar 10 minutos e coar.
  • Recomenda-se beber duas xícaras diárias: uma em jejum e outra antes de dormir a noite. Este remédio deve ser usado durante pelo menos 20 dias seguidos.

3. Chá de fitolaca

A fitolaca é uma erva muito útil para melhorar o fluxo da linfa. Se usa muito para tratar doenças tais como a laringite, amidalite, papeira e até a inflamação das glândulas.

Nota: esta erva pode ser tóxica, por isso se recomenda consumi-la sob a supervisão médica. Não se recomenda para mulher grávidas ou em período de lactação.

Ingredientes

  • 1 colher de sopa de raiz seca de fitolaca (15 g)
  • 1 xícara de água (250 ml)

O que fazer?

  • Cozinhar a raiz seca de fitolaca em fogo lento na xícara de água durante 15 minutos.
  • Desligar o fogo, deixar repousar e coar.
  • Beber uma xícara diária durante uma semana.

4. Infusão de limão, cúrcuma e gengibre

Os tubérculos como a cúrcuma e o gengibre são muito usados graças às suas múltiplas e poderosas propriedades. Junto com o limão, promovem a saúde do sistema linfático destruindo as toxinas, além de oferecer antioxidantes, vitaminas e minerais ao organismo.

Infusão para limpar o sistema linfático

Ingredientes

  • 1 colher de sopa de gengibre ralado (15 g)
  • ½ colher de sopa de cúrcuma em pó (5 g)
  • O suco de ½ limão
  • 2 xícaras de água (500 ml)

O que fazer?

  • Ferver em uma panela durante 5 minutos a água junto com o gengibre e a cúrcuma.
  • Desligar o fogo, coar e adicionar o suco de limão.
  • Recomenda-se beber uma xícara em jejum diariamente durante uma semana.

Leia também: 6 remédios naturais para desintoxicar o sistema linfático

5. Infusão de amor-de-hortelão

O amor-de-hortelão (Galium aparine) é uma planta com propriedades depurativas ideal para limpar o sangue e o trato urinário. Além disso, contribui para um melhor funcionamento do sistema linfático e reduz a inflamação dos tecidos. Pode ser combinado com a fitolaca para um resultado mais eficiente.

Ingredientes

  • 2 colheres de sopa de amor-do-hortelão (30 g)
  • 1 xícara de água (250 ml)

O que fazer?

  • Ferva a água.
  • Adicione as colheres de sopa de erva seca e deixe infusionar por alguns minutos.
  • Recomenda-se beber uma xícara pelo menos 3 vezes ao dia.

Os sintomas que indicam que o sistema imunológico está falhando são os frequentes resfriados, o cansaço e as mudanças de peso. Se não forem tratados a tempo pode chegar a se desenvolver um linfedema.

80% do sistema linfático se encontra nos intestinos, por isso se recomenda cuidar da alimentação para fortalecer este sistema e, por sua vez, fortalecer o sistema imunológico. Quando se tenha um problema com o sistema linfático, uma solução imediata é o uso de remédios naturais eficazes.

Recomendados para você