Dicas para evitar os gases e a indigestão

Visto que existem muitas variáveis que podem afetar o processo digestivo, compartilhamos algumas dicas que podem ajudá-lo a evitar os desconfortos mais frequentes.
Dicas para evitar os gases e a indigestão

Última atualização: 13 Outubro, 2021

Qualquer pessoa pode sofrer de gases e indigestão em qualquer momento da vida, por isso é importante saber o que podemos fazer para evitar estes desconfortos.

Ambas as queixas são muito comuns e muitas vezes têm origem em hábitos que, sem perceber, nos prejudicam. Alguns deles são comer mais do que o necessário, comer muito rápido, falar enquanto se alimenta, entre outros.

Quando uma boa digestão não é realizada, é normal sentir vários desconfortos, que vão desde uma sensação de queimação na boca do estômago até inflamação. No entanto, não é normal sofrer de gases e indigestão diariamente.

Nesta situação, é necessário ir ao médico o mais rápido possível para fazer uma avaliação, mas também é importante corrigir eventuais maus hábitos alimentares que tenhamos. Aqui estão algumas dicas que podem ajudá-lo.

Conselhos para evitar os gases e a indigestão

Mulher comendo uma maçã

1. Mastigar bem os alimentos

Não mastigar bem os alimentos causa gases e indigestão, porque o trabalho que deveria ser feito na boca precisa ser feito no estômago. Como esse órgão é forçado a cumprir mais uma função, fica sobrecarregado e, portanto, funciona mais devagar.

Por outro lado, quando os alimentos não são bem mastigados e são engolidos apressadamente, acabamos engolindo ar, e isso favorece a formação de gases.

Comer devagar e mastigar bem favorece a salivação e a correta deglutição de todos os alimentos. Dessa forma, a digestão é facilitada e uma boa sensação de saciedade é obtida.

2. Beber água com moderação

Sofrer de gases e indigestão também pode ser consequência de um hábito muito comum: beber muita água enquanto se alimenta. A situação é ainda pior se for água gelada.

A água impede que os ácidos quebrem os alimentos e, portanto, sua ação é reduzida. Portanto, é recomendável tomar pequenos goles ou evitar beber água durante as refeições. É preferível beber um copo de água antes de comer.

Mulher tomando chá

3. Descansar depois de comer

Reservar um tempo para descansar após as refeições é um excelente hábito que ajuda a evitar todos os tipos de problemas gastrointestinais. O ideal é descansar de 15 a 20 minutos.

Tanto a prática de atividade física logo após as refeições quanto a de se deitar para dormir impedem uma boa digestão; portanto, é preciso evitar estes hábitos. Se você precisa praticar esportes nesse momento, tente manter a ingestão de alimentos curta e fácil de digerir.

4. Comer cedo

Muitas pessoas têm o mau hábito de comer alguma coisa antes de dormir. Mesmo que seja algo leve, é melhor comer pelo menos 3 horas antes de ir para a cama. Dessa forma, o estômago terá tempo suficiente para fazer seu trabalho.

Mulher comendo salada

5. Aprender a gerenciar o estresse

O estômago é um órgão muito sensível a problemas emocionais. Portanto, quando você sofre de excesso de estresse ou nervosismo, muitas vezes o estômago começa a se manifestar e a sentir desconfortos como gases, inflamação, dores abdominais, entre outros. Por esse motivo, é recomendável aprender a controlar a tensão emocional.

Você pode se interessar: Dor e tensão muscular por estresse

Outros pontos a considerar para evitar os gases

Obviamente, para evitar desconfortos gastrointestinais é fundamental manter uma alimentação balanceada, rica em alimentos saudáveis e, é claro, beber bastante água.

Nesse sentido, é conveniente evitar todos aqueles alimentos potencialmente pesados para o estômago: alimentos picantes, ácidos, gordurosos, processados, fast food e afins.

Da mesma forma, deve-se lembrar que tanto o consumo excessivo de cafeína quanto o consumo exagerado de fibras são muito prejudiciais à saúde. Somado a isso, o tabagismo e o alcoolismo são hábitos que devem ser erradicados do seu estilo de vida.

Ao colocar em prática as dicas acima mencionadas, você pode parar de sofrer de gases e indigestão. No entanto, se o desconforto ocorrer mais de 2 vezes por semana, é aconselhável ir ao médico, pois ele pode indicar um problema maior, como intolerância ou síndrome do intestino irritável.

Pode interessar a você...
Por que temos mais gases durante a menstruação?
Melhor Com Saúde
Leia em Melhor Com Saúde
Por que temos mais gases durante a menstruação?

Pode parecer que a menstruação não tem uma relação direta com o aumento dos gases, mas a verdade é que existe uma conexão entre ambos.