Como ensinar seu filho a dormir a noite inteira?

· 6 de maio de 2018
É natural que o sono de um bebê seja bem leve em seus primeiros meses de vida. Porém, há coisas que você pode fazer para ajudá-lo a dormir melhor. Fique sabendo quais são elas.

Dormir a noite toda é um sonho, porque na realidade não é isso que acontece. Um bebê que acorda várias vezes na noite é um bebê absolutamente normal. Muitos pais gostariam de ensinar aos seus filhos a dormir assim, “a noite toda”, mas nenhum adulto também o faz.

O ciclo do sono de um adulto normal inclui acordar várias vezes durante a noite, e depois disso se torna mais fácil conciliar o sono. Um bebê pode passar 17 horas do dia dormindo, e pode acordar várias vezes durante esse período.

O que devemos saber sobre o sono das crianças?

Mãe fazendo bebê dormir

O sono é um processo natural em todo ser humano. No cérebro do recém-nascido, os ciclos de sono duram de 2 a 3 horas. O ponto é que uma vez acordado, não sabe como conciliar o sono novamente e chora.

Nos 9 meses em que esteve dentro da barriga de sua mãe, passava boa parte do tempo dormindo, alternando seu sono com sua alimentação através do cordão umbilical. Quando acordava, ouvia o coração e a voz de sua mãe. Depois, voltava a dormir. Assim que nasce pode-se dizer que literalmente acorda.

O recém-nascido acorda, chora e depois de comer volta a dormir. Assim, costuma passar o dia todo neste mesmo ciclo. Se o bebê for amamentado, aos 20 minutos aproximadamente já terá digerido o leite. Se tomar leite em pó, vai demorar umas duas horas para digeri-lo. Depois, acorda e novamente procura por sua mãe para começar o ciclo de novo.

Veja também: Motivos para amamentar o seu bebê

Meu bebê dormia, mas agora já não dorme…

Nos dois primeiros meses de vida do bebê, o sono tende a ser tranquilo; mas a partir do terceiro ou quarto mês, torna-se mais leve. É então quando o bebê acorda mais vezes. Muitas mães reprovam isso, aludindo que não ensinaram bem aos seus bebês, quando realmente este padrão de sono é normal em todo bebê que está amadurecendo seus ciclos do sono.

Aos 8 meses, o sono do bebê alcança todas as fases do sono (as 4 fases do sono lento e a fase do sono rápido). Porém, ainda não tem a duração nem a periodicidade dos adultos. Aos 3 anos o sono da criança é como o do adulto, mas não é assim até os 5 ou 6 anos que a criança superou todas as dificuldades para dormir a noite toda.

O que você deve fazer para ele dormir a noite toda?

Bebê dormindo a noite inteira

É normal que os pais se perguntem se estão fazendo isso certo, se algo “anormal” está acontecendo com seu bebê porque não consegue conciliar o sono e chora. Porém, uma atmosfera carregada de preocupação, ansiedade e tensão é o pior cenário para dormir a noite toda.

Existem métodos como o Estivill e o Ferber que recomendam deixar a criança chorando até que ela se acalme. Efetivamente, depois de tanto chorar, em algum momento vai dormir pelo cansaço de esperar que alguém a atenda. Avalie se essa é a opção para você e seu filho.

Para a doutora Rosa Jove, autora do famoso livro “Dormir sem lágrimas”, deixar um bebê chorando gera um choque emocional. Os hormônios que regulam as emoções são alterados e o bebê aprende que não faz sentido reclamar, porque sua mãe não vai atender ao seu chamado.

O pediatra Carlos Gonzalez, conhecido por livros como “Beija-me muito. Como criar seus filhos com amor”, explica que quando o bebê acorda e chora por sua mãe, espera que atenda ao seu chamado. Se a mãe acudir, o bebê aprende a ter respostas aos seus pedidos.

Porém, é pedido aos pais que limitem o contato com seus filhos e não se esforcem para consolá-los, já que isso pode “mal criá-los”. Quando é completamente normal que as crianças acordem a noite e queiram ser consoladas para conciliar o sono de novo.

Como ajudar o seu filho?

Depois de muitas noites com muitos despertares, você estará cansada e vai querer “algo” que a ajude e faça seu pequeno dormir a noite toda. Sabemos que não é fácil, mas se você estiver de acordo com a criação respeitosa, sabe que a opção não é deixar o bebê chorando.

A recomendação básica é: tenha paciência até que seu filho amadureça e regule seus ciclos. Ainda que te digam que determinado método funcionou para tal bebê, não necessariamente será igual com o seu filho. Na dinâmica diária que tem com seu bebê descobrirá o que funciona para vocês.

Porém, estabelecer algumas rotinas ajuda a proporcionar a calma que seu filho precisa antes de dormir, dentre estas:

  • Dê um banho com água morna no bebê antes de colocá-lo para dormir.
  • Evite os brinquedos ou telas luminosas no berço ou na cama, já que isso desperta sua atenção.
  • Se tiver mais de 2 anos e já assistir televisão ou brincar no tablet, que seu uso não passe de uma hora por dia.
  • Quando uma criança se sente muito cansada, lhe custa mais conciliar o sono. Por isso, o sono depois do almoço é um recurso valioso.
  • Se ela não gostar de ambientes escuros ou esse for um de seus medos, deixe uma luz tênue acesa.
  • Evite se alterar, muito menos repreendê-la ou castigá-la mandando-a dormir. Associar o sono com castigo é uma ideia muito infeliz.
  • Tenham seu ritual pra ir dormir. Pode ser cantar uma mesma música de ninar, ler um conto, conversar um pouco.

Reflexão final

Mãe olhando o bebê dormir

O estilo e métodos de criação que cada mãe decida para o seu filho é uma decisão particular. Porém, insistiremos em que é importante respeitar os ciclos e as particularidades de cada criança. Igualmente, é necessário compreender que a fórmula que serve com um bebê, não necessariamente ajudará a outro.

Seu filho não será bebê pra sempre. As noites de cansaço que ele gera aos pais hoje são parte de vê-lo amadurecer e crescer. Tenha paciência, logo deixará de ser bebê e o que hoje parece um problema amanhã ficará para trás. Já terá tempo para dormir mais.

Imagem principal oferecida por  © wikiHow.com