Conheça diferentes tipos de chá e saiba a melhor maneira de prepará-los

· 9 de setembro de 2013
Existem mais de 60 espécies de plantas medicinais catalogadas no Brasil indicadas para o consumo.

Os ingleses tomam pontualmente às cinco horas da tarde. Embora existam vários tipos de chá, nós brasileiros não temos o hábito de consumi-lo, ainda preferimos o café.

As ervas podem trazer resultados terapêuticos inacreditáveis. O chá proporciona bem estar, uma sensação de contato com a natureza e muitos benefícios à saúde.

A história do chá

O imperador Shen Nong andou pela China para catalogar as plantas medicinais de seu país. A metodologia do chá foi descoberta no século 8, por monges budistas que tiveram a ideia de misturar as ervas à água fervente.

Ao tomar o chá durante o dia, os religiosos ficavam bem mais dispostos para longas horas de meditação. Mas você sabe qual é a forma correta de preparar o seu chá? Veja a seguir.

A melhor maneira de prepará-los

Espere três minutinhos

O chá, que tem como princípio básico a infusão, deve ser preparado da seguinte forma: coloque água para ferver e quando estiver em ebulição, despeje numa xícara e abafe por três minutos. Só depois faça o consumo do chá.

Se for preparar o chá utilizando também casca e caule das plantas ferva a água junto com estas partes durante cinco minutos.

Prefira as ervas a granel

Se quer aproveitar bem as propriedades terapêuticas dos diferentes tipos de chá, compre a erva a granel. Opte pelas ervas que estejam acondicionadas em embalagens fechadas a vácuo.

Deve constar na embalagem o nome científico da planta, a procedência, data de validade e a parte da planta que contém.

Quantidade certa da erva

Uma colher de sopa para cada 350 ml de água.

Veja receitas poderosas

Combinações de ervas podem ajudar no combate a doenças. Vão agora dicas de misturas de ervas para cada tipo de tratamento. Coloque 50 gramas de cada tipo de erva em um recipiente e misture bem. 

Lembre-se de obedecer a dosagem acima.

Tipos de chá

Diferentes tipos de chás e suas propriedades

Digestivo

  • Cáscara sagrada
  • Boldo-do-chile
  • Camomila
  • Espinheira-santa
  • Carqueja
  • Hortelã-pimenta

Essa receita favorece o relaxamento da musculatura gastrointestinal e é indicada também para combater a formação de gases no intestino e no estômago, facilitando a digestão.

Tome meia hora depois das refeições.

Leia também: 4 chás caseiros para tratar a prisão de ventre

Termogênico

  • Canela
  • Gengibre
  • Cravo-da-índia
  • Chá verde
  • Laranja-amarga

Estas ervas juntas tem o poder de ajudar no emagrecimento. Potencializam a termogênese, que é o processo regulado pelo sistema nervoso que possibilita transformação da glicose e da gordura em energia.

Antiviral

  • Alho
  • Eucalipto
  • Gengibre
  • Limão
  • Sabugueiro
  • Salgueiro
  • Alcaçuz
  • Guaco

Muito bom para fortalecer o sistema imunológico. As ervas reunidas possuem propriedades analgésicas e anti-inflamatórias.

Pode te interessar: Prepare um antiviral em casa com gengibre

Diurético

  • Quebra-pedra
  • Chapéu-de-couro
  • Cavalinha
  • Cana-do-brejo
  • Bardana
  • Dente-de-leão

Essas ervas juntas melhoram o funcionamento dos rins e aumentam o fluxo da urina. As plantas auxiliam na reabsorção do sódio e da água, atuam no processo de desintoxicação e no tratamento de infecções urinárias.

  • Chan, E. W. C., Lim, Y. Y., Chong, K. L., Tan, J. B. L., & Wong, S. K. (2010). Antioxidant properties of tropical and temperate herbal teas. Journal of Food Composition and Analysis. https://doi.org/10.1016/j.jfca.2009.10.002
  • Almajano, M. P., Carbó, R., Jiménez, J. A. L., & Gordon, M. H. (2008). Antioxidant and antimicrobial activities of tea infusions. Food Chemistry. https://doi.org/10.1016/j.foodchem.2007.10.040