Benefícios do suco de beterraba que você desconhecia

15 Novembro, 2018
Talvez você já tenha consumido esta verdura em saladas e sempre cozida. No entanto, é possível desfrutar de todas as suas propriedades se a ingerirmos crua em forma de suco. Neste artigo vamos revelar os benefícios do suco de beterraba que você não conhecia. É surpreendente!
 

No artigo de hoje falaremos sobre todos os benefícios do suco de beterraba e que você provavelmente desconhecia.

O que a beterraba oferece?

Quando a consumimos cozida, a beterraba perde alguns de seus nutrientes mais importantes (como ocorre com todos os alimentos). Se, no entanto, a ingerirmos crua, poderemos desfrutar de:

  • Vitaminas A, B, C
  • Ácido fólico
  • Antioxidantes como, por exemplo, flavonoides e carotenoides
  • Aminoácidos
  • Minerais entre os quais se destacam o cálcio, o magnésio, o ferro, o potássio, o fósforo e o sódio.
  • Fibras solúveis e insolúveis
  • Água
  • Hidratos de carbono
  • Açúcares
Suco-de-beterraba

Benefícios do suco de beterraba

Preste muita atenção às propriedades para a saúde do suco desta verdura roxa:

Benefícios do suco de beterraba: reduz os problemas cardíacos

Por ser um excelente anti-inflamatório, a beterraba é benéfica para as pessoas que sofrem de problemas cardíacos ou são propensas a eles.

Benefícios do suco de beterraba: elimina os radicais livres

A beterraba contém antioxidantes como as betalaínas e os polifenóis, que neutralizam o efeito dos radicais livres.

Se estes últimos se acumularem em excesso no corpo, podem causar o envelhecimento precoce das células e favorecer o aparecimento de doenças como o câncer.

 
Suco-de-beterraba

Benefícios do suco de beterraba: combate o câncer

Relacionado com o ponto anterior, o suco de beterraba combate também o crescimento de células malignas que podem causar câncer, motivo pelo qual também é bom para curar esta doença.

Várias pesquisas afirmam que o suco de beterraba minimiza a formação de tumores, sobretudo nos pâncreas, nas mamas e na próstata.

Conheça: Alimentos que podem reduzir o risco de câncer

Benefícios do suco de beterraba: aumenta a resistência

Muitos esportistas consomem este suco de cor escura antes das competições, já que oferece maior capacidade pulmonar.

Os estudos indicam que o suco de beterraba melhora em 16% o rendimento de quem faz exercícios, treina ou compete.

Benefícios do suco de beterraba: equilibra a pressão arterial

Consumir dois copos de suco de beterraba por dia é perfeito para quem tem hipertensão, porque equilibra a pressão do sangue.

O responsável por esta melhora é o nitrato que está contido na verdura.

Beterraba
 

Benefícios do suco de beterraba: melhora a digestão

Ajuda a digerir certos alimentos, reduz as digestões “pesadas” e melhora os processos estomacais. Como se fosse pouco, a beterraba ainda estimula o apetite em pessoas convalescentes.

Benefícios do suco de beterraba: melhora o trabalho da glândula tireoide

A aparição do bócio está relacionada com baixos níveis de iodo (algo frequente nos países desenvolvidos).

O problema pode diminuir ou inclusive desaparecer ao comer alimentos que contenham este mineral, como é o caso da beterraba. A acelga e o alho também oferecem iodo.

Leia também: Propriedades curativas do alho

Benefícios do suco de beterraba: diminui o envelhecimento

Não só das células, mas também da pele e dos órgãos em geral. O suco de beterraba oferece saúde ao cérebro. Permite se recuperar mais rápido das feridas e previne rugas. 

Benefícios do suco de beterraba: previne a inflamação

A planta contém um nutriente chamado betaína que ajuda as células a combater o estresse e qualquer processo de inchaço.

Também protege os órgãos das doenças e reduz a recuperação pós-operatória.

Benefícios do suco de beterraba: trata a anemia

Isto se deve ao conteúdo de ácido fólico e ferro.

suco de beterraba
 

Benefícios do suco de beterraba: evita a retenção de líquidos

O suco de beterraba é recomendado para pessoas com edemas ou retenção de líquidos nas pernas.

Isto se deve ao fato de fornecer boas quantidades de potássio e pouco sódio, além de ter uma ação diurética efetiva. Deve ser consumido por pacientes com:

  • Gota
  • Hiperuricemia
  • Cálculos renais (exceto se tiverem sido formados por excesso de oxalato de cálcio)
  • Oligúria

Aumenta a produção de urina e permite eliminar líquidos e substâncias danosas como, por exemplo, a ureia ou o ácido úrico.

Benefícios do suco de beterraba: depurativo

O suco de beterraba tem numerosas propriedades depurativas e estimula as funções renais, intestinais e hepáticas.

Melhora a eliminação das toxinas, das fezes, da urina e de todo tipo de dejetos.

Benefícios do suco de beterraba: emagrece

Esta verdura tem poucas calorias e além disso sacia o apetite. Pode-se consumir ralada em saladas para que suas fibras evitem a prisão de ventre e o sobrepeso.

Benefícios do suco de beterraba: melhora a saúde das grávidas e dos bebês

Isto ocorre devido ao alto conteúdo de ácido fólico. A beterraba assegura uma boa formação do feto nas primeiras semanas de gestação.

A mulher deve seguir consumindo beterrabas uma vez que já tenha tido o bebê para evitar o contágio de certas doenças.

À medida que a criança vai crescendo, aconselha-se que continue comendo esta verdura para prevenir deficiências e para que cresça de forma saudável.

 
Suco-de-beterraba

Como preparar um suco de beterraba, maçã e cenoura

Agora que você já sabe todas as propriedades desta riquíssima verdura, você precisa aprender a consumi-la em forma de suco! Mostraremos a como prepará-lo combinado com outras duas hortaliças.

Há muitos anos os chineses consomem esta “bebida milagrosa” e a preparam para pessoas com diferentes doenças.

O criador ou descobridor das propriedades desta excelente combinação sofria de câncer de pulmão e conseguiu vencer a patologia depois de três meses consumindo o suco de beterraba, maçã e cenoura.

As principais propriedades desta bebida são:

  • Melhorar o sistema imune
  • Eliminar os radicais livres
  • Frear o aumento das células cancerígenas
  • Depurar o organismo

Ingredientes

  • 1 beterraba
  • 1 cenoura
  • 1 maçã
  • 1 copo de água
  • Opcional: 1 limão

Preparação

  • Lave as verduras e não retire a pele.
  • Retire as sementes da maçã e corte todos os ingredientes em pedaços bem pequenos.
  • Coloque no jarro do liquidificador com água e, se quiser, acrescente o suco de limão.
  • Bata bem até formar uma mistura homogênea.
  • Você pode acrescentar umas pedras de gelo ou deixar na geladeira por uns minutos.
 

Beba 2 vezes por dia: a primeira vez em jejum e a segunda como um lanche entre as refeições.

  • Remolacha para la anemia. (n.d.). Retrieved November 13, 2018, from https://www.botanical-online.com/remolacha-anemia.htm
  • ¿Qué es la betaína? – Dra Zemba. (n.d.). Retrieved November 13, 2018, from https://www.drazemba.com/web/que-es-la-betaina/
  • Remolacha. (n.d.). Retrieved November 13, 2018, from https://www.muyinteresante.es/salud/fotos/12-superalimentos-para-potenciar-tu-cerebro/4
  • Remolacha | En relación con la salud | Hortalizas y verduras | CONSUMER EROSKI. (n.d.). Retrieved November 13, 2018, from http://verduras.consumer.es/remolacha/en-relacion-con-la-salud
  • López de Sá, E., Estévez, Á., Onaindía, J., Rubio, R., & López-Sendón, J. (2006). Papel de los nitratos en el tratamiento de la enfermedad cardiovascular. Revista Española de Cardiologia, 6(Supl.A), 41–50. https://doi.org/10.1157/13087920
  • Remolacha contra el cáncer. (n.d.). Retrieved November 13, 2018, from https://www.botanical-online.com/remolacha-cancer.htm
  • Betalaínas | Gastronomía Vegana. (n.d.). Retrieved November 13, 2018, from http://www.gastronomiavegana.org/el-laboratorio/betalainas/
  • El jugo de remolacha baja la presión arterial – BBC News Mundo. (n.d.). Retrieved November 13, 2018, from https://www.bbc.com/mundo/ciencia_tecnologia/2010/06/100629_remolacha_reduce_presion_arterial_lh
    full-text. (n.d.).
  • Kapadia, G. J., Tokuda, H., Konoshima, T., & Nishino, H. (1996). Chemoprevention of lung and skin cancer by Beta vulgaris (beet) root extract. Cancer Letters, 100(1–2), 211–214. https://doi.org/10.1016/0304-3835(95)04087-0
  • Kapadia, G. J., Rao, G. S., Ramachandran, C., Iida, A., Suzuki, N., & Tokuda, H. (2013). Synergistic cytotoxicity of red beetroot (Beta vulgaris L.) extract with doxorubicin in human pancreatic, breast and prostate cancer cell lines. Journal of Complementary and Integrative Medicine, 10(1), 113–122. https://doi.org/10.1515/jcim-2013-0007
  • Das, S., Filippone, S. M., Williams, D. S., Das, A., & Kukreja, R. C. (2016). Beet root juice protects against doxorubicin toxicity in cardiomyocytes while enhancing apoptosis in breast cancer cells. Molecular and Cellular Biochemistry, 421(1–2), 89–101. https://doi.org/10.1007/s11010-016-2789-8
  • Pinna, M., Roberto, S., Milia, R., Marongiu, E., Olla, S., Loi, A., … Crisafulli, A. (2014). Effect of Beetroot Juice Supplementation on Aerobic Response during Swimming. Nutrients, 6(2), 605–615. https://doi.org/10.3390/nu6020605
  • Siervo, M., Lara, J., Ogbonmwan, I., & Mathers, J. C. (2013). Inorganic Nitrate and Beetroot Juice Supplementation Reduces Blood Pressure in Adults: A Systematic Review and Meta-Analysis. The Journal of Nutrition, 143(6), 818–826. https://doi.org/10.3945/jn.112.170233
  • Beetroot juice lowers high blood pressure – BHF. (n.d.). Retrieved November 13, 2018, from https://www.bhf.org.uk/what-we-do/news-from-the-bhf/news-archive/2015/january/beetroot-and-blood-pressure
  • Clifford, T., Howatson, G., West, D., Stevenson, E., Clifford, T., Howatson, G., … Stevenson, E. J. (2015). The Potential Benefits of Red Beetroot Supplementation in Health and Disease. Nutrients, 7(4), 2801–2822. https://doi.org/10.3390/nu7042801
  • Propiedades de la remolacha. (n.d.). Retrieved October 21, 2018, from https://www.botanical-online.com/remolachas.htm
  • Lidder, S., & Webb, A. J. (2013). Vascular effects of dietary nitrate (as found in green leafy vegetables and beetroot) via the nitrate-nitrite-nitric oxide pathway. British Journal of Clinical Pharmacology, 75(3), 677–696. https://doi.org/10.1111/j.1365-2125.2012.04420.x
  • López de Sá, E., Estévez, Á., Onaindía, J., Rubio, R., & López-Sendón, J. (2006). Papel de los nitratos en el tratamiento de la enfermedad cardiovascular. Revista Española de Cardiologia, 6(Supl.A), 41–50. https://doi.org/10.1157/13087920
  • Coggan, A. R., Broadstreet, S. R., Mahmood, K., Mikhalkova, D., Madigan, M., Bole, I., … Peterson, L. R. (2018). Dietary Nitrate Increases VO 2 peak and Performance but Does Not Alter Ventilation or Efficiency in Patients With Heart Failure With Reduced Ejection Fraction. Journal of Cardiac Failure, 24(2), 65–73. https://doi.org/10.1016/j.cardfail.2017.09.004