Qual é a diferença entre anemia e déficit de ferro?

22 Fevereiro, 2020
O déficit de ferro causa um tipo específico de anemia: a anemia ferropriva, mas existem outros tipos derivados de causas diferentes. É comum confundir esses termos, embora o erro possa levar a um tratamento equivocado.
 

Embora os termos ‘anemia‘ e ‘déficit de ferro’ tenham sido confundidos por muito tempo, é hora de esclarecer que eles não são a mesma coisa. Embora seja verdade que existe uma associação entre um tipo específico de anemia – a anemia ferropriva- e o déficit de ferro, os dois não podem ser usados como sinônimos.

A anemia, na realidade, é uma patologia heterogênea que pode ter diferentes causas. Embora a deficiência de ferro seja uma delas, existem outros tipos causados ​​por distúrbios na produção de glóbulos vermelhos ou de hemoglobina.

É importante saber que o ferro faz parte da hemoglobina que está dentro dos glóbulos vermelhos. Contribui para que seja possível transportar o oxigênio a todas as células do nosso corpo, que precisam dele para realizar suas funções vitais.

Embora muitos casos estejam relacionados, nem todas as anemias apresentam déficits de ferro. Por isso, nesse artigo explicaremos por que anemia e a deficiência de ferro não são a mesma coisa e como distingui-las.

Como distinguir a anemia do déficit de ferro?

Para poder distinguir entre anemia e o déficit de ferro é importante que saibamos em que consistem ambas as situações e por que ocorrem. Já mencionamos que o ferro é um componente essencial em nossos glóbulos vermelhos para transportar oxigênio.

Obtemos o ferro a partir da nossa dieta e, logicamente, existem alguns alimentos mais ricos em ferro do que outros. Isso significa que, em primeiro lugar, a deficiência de ferro pode ser causada por certos hábitos alimentares, como o vegetarianismo. Isso ocorre porque a carne vermelha e o peixe são os alimentos com maior concentração de ferro.

 

Outra razão pela qual podemos ter essa falta é um problema no processo de absorção. Certas patologias que afetam o sistema digestivo, como a doença celíaca, alteram o processo de incorporação de nutrientes.

A partir daqui, temos que falar sobre anemia. A anemia é definida como uma diminuição no número de glóbulos vermelhos, uma diminuição da concentração de hemoglobina nos mesmos ou um baixo valor de hematócrito.

É importante notar que a anemia, portanto, pode ter muitas causas. O déficit de ferro é apenas uma delas, que afeta os níveis de hemoglobina. No entanto, a anemia e o déficit de ferro não podem ser usados como sinônimos.

Anemia
A anemia é uma consequência da deficiência de ferro, mas ambos não são a mesma coisa.

Quais tipos de anemia existem?

Como já vimos, a anemia e o déficit de ferro estão relacionadas a um tipo específico de anemia: a anemia ferropriva. É o tipo mais frequente de anemia e afeta principalmente mulheres em idade fértil.

É uma patologia na qual os níveis de ferro são baixos, o que faz com que a medula óssea não consiga fabricar adequadamente a hemoglobina. Essa falta, por sua vez, pode ter muitas causas, como:

  • Perdas de sangue: isso a torna mais comum nas mulheres, devido à menstruação. Também pode ser resultado de uma hemorragia por qualquer lesão.
 
  • Problemas digestivos: como uma úlcera ou doenças que afetem a absorção intestinal.
  • Câncer colorretal: embora seja uma causa incomum, é importante conhecê-la. O câncer colorretal causa perdas de sangue que se ocultam nas fezes. Muitas vezes, o primeiro sintoma é a anemia e o déficit de ferro.

Por outro lado, é importante saber que existem muitos outros tipos de anemia. A anemia aplástica é uma delas, na qual o nosso corpo é incapaz de produzir glóbulos vermelhos suficientes. Pode ser causada por uma alteração da medula óssea, uma infecção ou certos medicamentos.

Alimentos ricos em ferro
Para evitar a anemia, os vegetarianos devem tomar cuidado para que sua dieta incorpore o ferro de uma fonte diferente da carne.

Leia também: 7 formas de combater a anemia ferropênica sem tomar ferro

Outras anemias

A falta de certas vitaminas, como a vitamina B12, pode alterar a produção de glóbulos vermelhos. É uma situação comum em pessoas com alcoolismo crônico. Outra causa comum é estar sofrendo de uma doença inflamatória crônica, como a artrite reumatoide.

A anemia também pode ser uma consequência de um processo carcinogênico que afeta o sangue, como a leucemia. Inclusive, pode se tratar de uma anemia hemolítica, na qual o problema reside no fato de os glóbulos vermelhos serem destruídos mais rapidamente do que são criados.

 

Você pode gostar de ler: Suco especial para perder medidas, energizar o corpo e combater a anemia

Em conclusão: anemia e déficit de ferro não são a mesma coisa

A ideia é entender que, embora a anemia e o déficit de ferro tendam a ser usados como sinônimos, não são a mesma coisa. Apenas um tipo de anemia, a ferropriva, a mais comum, está associada ao déficit de ferro.

Existem muitos outros tipos de anemia causados ​​por outros processos. O importante é chegar a um diagnóstico correto para iniciar o tratamento adequado.

Nem todos os estados anêmicos melhoram ao incorporar suplementos de ferro à dieta. Por isso, o médico que acompanha o caso deve determinar quais etapas cada paciente deve seguir.

 
  • ¿Qué es la Anemia y la deficiencia de hierro? : Espacio Vifor Pharma. (n.d.). Retrieved January 17, 2020, from https://www.espacioviforpharma.es/anemia-y-deficiencia-de-hierro/
  • La diferencia entre anemia y deficiencia de hierro | RPP Noticias. (n.d.). Retrieved January 17, 2020, from https://rpp.pe/vital/expertos/la-diferencia-entre-anemia-y-deficiencia-de-hierro-noticia-1138685
  • Press, E. (n.d.). Anemia vs déficit de hierro, ¿Son lo mismo?
  • Anemia vs déficit de hierro, ¿Son lo mismo? (n.d.). Retrieved January 17, 2020, from https://www.infosalus.com/asistencia/noticia-anemia-vs-deficit-hierro-son-mismo-20180713084606.html