Alimentação adequada para cuidar das articulações

· 4 de dezembro de 2018
Uma boa alimentação para cuidar das articulações envolve alimentos que combatem a inflamação e o desgaste precoce. Além disso, sugere limitar alguns ingredientes que podem ser daninhos.

Ainda que não se trate de sair do conceito de dieta balanceada, sugere-se fazer mudanças positivas para cuidar das articulações. Além disso, recomenda-se aumentar o consumo de alguns alimentos saudáveis que favorecem o mantimento das cartilagens, músculos e ossos.

É muito importante ter em conta que cada pessoa tem requerimentos nutricionais de acordo com a sua idade, peso e estado de saúde. Entretanto, há algumas generalidades da nutrição que servem para cuidar da saúde articular desde cedo.

Como deve ser a alimentação adequada para cuidar das articulações

como cuidar das articulações

Há muitos fatores que podem incidir no desenvolvimento de doenças articulares. Apesar de o processo de envelhecimento ser a causa principal, os maus hábitos, os traumatismos e uma nutrição deficiente podem acelerá-las.

Por isso, assegurar uma injeção ótima de nutrientes essenciais pode diminuir o risco de alterações nos processos inflamatórios. Ainda, contribui para a proteção das cartilagens, cujo desgaste pode causar artrite reumatoide, artrose ou osteoartrite.

Assim, com uma alimentação para cuidar das articulações se procura alcançar vários objetivos:

  • Manter um peso saudável, já que o sobrepeso e a obesidade pioram a saúde articular.
  • Melhorar a circulação para apoiar a redução da inflamação.
  • Diminuir o nível de acidez no corpo com ingredientes alcalinos.
  • Assegurar um consumo ótimo dos nutrientes que são reduzidos devido á artrite.
  • Controlar a retenção de líquidos limitando o consumo de sódio.

Leia este artigo: Remédios naturais para fortalecer cartilagens e ligamentos

Alimentos proibidos

Alimentos proibidos para cuidar das articulações

Os alimentos que contêm muitas purinas, ácido úrico e gorduras saturadas devem ser excluídos da alimentação para cuidar das articulações. A absorção destas substâncias pode acelerar sua deterioração ou piorar as doenças. Assim, dentre os alimentos que as contêm encontramos:

  • Carnes vermelhas, embutidas ou defumadas
  • Vísceras de boi, frango ou porco
  • Alimentos pasteurizados
  • Comida processada ou rápida
  • Açúcares refinados (incluindo doces, cereais e refrigerantes)
  • Café e bebidas com cafeína
  • Frituras e snacks de pacote.
  • Farinhas refinadas (pão e panificação)
  • Lácteos integrais
  • Bebidas alcoólicas

Alimentos que devem ser consumidos moderadamente

Alguns alimentos que contêm nutrientes e propriedades saudáveis devem ser consumidos com moderação por seu teor de oxalatos. Visto que esta substância pode piorar a inflamação, ou incidir no surgimento de cálculos, é melhor evitar suas fontes na alimentação para cuidar das articulações.

  • Tomates
  • Berinjelas
  • Beterraba
  • Espinafre
  • Batatas
  • Pimentões e pimenta
  • Pistaches e amendoim
  • Acelgas
  • Cacau em pó
  • Gérmen de trigo

Alimentos recomendados

salmão é um alimento recomendado para cuidar das articulações

Em um plano de alimentação para cuidar das articulações deve-se adicionar ingredientes saudáveis, leves em calorias, que permitam emagrecer e reduzir a inflamação. Além disso, há uma ampla variedade de opções para desenvolver pratos sem deixar de manter uma dieta equilibrada.

  • Peixes gordurosos como o salmão, sardinha ou atum (contêm ômega 3)
  • Azeite de oliva extra virgem prensado a frio
  • Sementes de óleo de linhaça
  • Óleo de colza
  • Nozes, avelãs e sementes de girassol
  • Sementes de gergelim
  • Quinoa e amaranto
  • Abacate
  • Vegetais frescos (exceto os proibidos)
  • Frutas ricas em água
  • Legumes (lentilhas, grão de bico, bagas)
  • Arroz integral
  • Ervas e especiarias

Conselhos de alimentação para cuidar das articulações

Para manter uma boa alimentação para cuidar das articulações é bom aplicar alguns conselhos básicos que complementam a nutrição. Apesar de não diferirem muito de qualquer dieta saudável, é primordial mencioná-los para que ninguém ignore.

Limitar o consumo de sal

É importante limitar o consumo de sal para cuiar das articulações

Os alimentos que contêm muito sódio podem incidir no surgimento da retenção de líquidos. Além disso, devido ao fato de que este problema aumenta os níveis de inflamação, conduz à crise de dor articular e fatiga.

Ingerir água abundante

Tomar líquido o suficiente ao longo do dia pode ajudar a proteger a cartilagem contra o desgaste precoce. Este tecido se encarrega de cobrir os extremos dos ossos para que as articulações se movam sem dificuldades. Se se deterioram, aumenta a inflamação e a dor.

Tomar ácido graxos ômega 3

Comer peixe azul duas vezes por semana, ou ingerir sementes e frutos secos saudáveis, ajuda a obter boas doses de ácidos graxos ômega 3. Sua assimilação adequada previne e combate a inflamação, já que ajuda a fabricar prostaglandinas.

Comer legumes 3 vezes por semana

Coma legumes para cuidar das articulações

Os legumes são uma fonte interessante de carboidratos complexos e proteínas vegetais. Por isso, seu consumo 3 vezes por semana ajuda a manter um ótimo gasto energético e boa saúde muscular e articular.

Descubra: Como cozinhar vegetais apetitosos

Fazer cinco refeições por dia

Ao invés de fazer três refeições abundantes é melhor realizar cinco refeições moderadas. Assim, isso permite manter o metabolismo em um bom ritmo para evitar o sobrepeso. Além disso, prolonga a sensação de saciedade e evita o cansaço excessivo.

Em resumo, para melhorar a alimentação para cuidar das articulações é importante fazer boas escolhas para preparar as comidas. Por isso, é conveniente saber quais são os alimentos que detonam a inflamação e quais ajudam a proteger as cartilagens.

Department of Health. (2016). Healthy Food for Life. Healthy Ireland.