Benefícios que os morangos oferecem à saúde

· 4 de maio de 2017
Os morangos se destacam por suas propriedades diuréticas, anti-inflamatórias e depurativas. Além disso, graças aos seus flavonoides, nos ajudam a combater o estresse oxidativo e a deterioração cognitiva.

Os morangos são pequenas frutas de cor vermelho brilhante que, por seu sabor doce, são usadas há muitos séculos como um ingrediente base para o preparo de centenas de receitas.

Sua planta, conhecida em termos científicos como Fragaria amanassa, pertence à família das Rosaceae e, ainda que tenha sido introduzida na Europa desde o séculos XVIII, é originária da América.

De um ponto de vista nutricional, destaca-se por sua alta concentração de antioxidantes que, somados às suas vitaminas e minerais, oferecem benefícios interessantes ao corpo.

De fato, visto que tem poucas calorias, é recomendado para perder peso de forma saudável, já que controla a sensação de fome e apoia as funções metabólicas.

Além disso, seus compostos ativos ajudam a regular os níveis de açúcar no sangue e inibem os danos causados pelos radicais livres.

Por tudo isso, é um ingrediente que não deve faltar na dieta, principalmente quando se deseja ter um estilo de vida saudável.

Hoje, destacaremos os 8 principais benefícios dos morangos para que considere adicioná-lo em sua alimentação. Fique com a gente e descubra!

1. Os morangos previnem as doenças cardiovasculares

doencas-cardiovasculares

Os morangos contêm um tipo de antioxidante conhecido como antocianinas que, depois de assimilado no organismo, ajuda a melhorar a saúde cardiovascular.

Esta substância diminui o nível de inflamação dos tecidos e, de quebra, diminui os níveis de colesterol e triglicerídeos.

Contribui para reduzir o risco de hipertensão, já que aumenta a elasticidade das artérias e evita as obstruções.

Inclusive, seu consumo duas ou três vezes por semana pode diminuir as probabilidades de sofrermos de infarto do miocárdio e acidentes cerebrovasculares.

Veja também: 7 dicas para ter um coração saudável

2. São hidratantes

Por sua alta composição de água, ao redor de 92%, os morangos são um dos alimentos com maior poder hidratante para o organismo.

É recomendado para os dias de calor, não só porque refresca o corpo, mas porque ajuda a compensar a perda de líquidos.

Além disso, é uma das melhores opções para os atletas, visto que contém minerais essenciais que favorecem o equilíbrio dos eletrólitos do corpo.

3. Ajudam a melhorar o humor

morangos

O morango contém substâncias como a vitamina B, também conhecida como o nutriente do humor; que ajuda a combater a irritabilidade e a tristeza.

Esta substância é assimilada pelos sistema nervoso e, depois de estimulá-lo, aumenta a produção dos hormônios do bem-estar.

4. Melhoram a saúde da pele

Por sua composição nutricional e alto teor de água, esta fruta é uma das melhores aliadas para manter a pele bonita e saudável.

Seu consumo regular promove a eliminação das toxinas que aceleram o processo de envelhecimento; ao mesmo tempo, diminui os desequilíbrios no pH cutâneo.

Também pode ser usada de forma externa, em máscaras ou cremes, para esfoliar, clarear e dar um aspecto suave.

5. Combatem a prisão de ventre

prisao-de-ventre

O morango contém quantidades importantes de fibra dietética que, combinada com a água, ajuda a melhorar o movimento intestinal para facilitar a expulsão das fezes.

Estes compostos lubrificam os rejeitos e facilitam sua passagem através do sistema digestivo.

Por sua vez, contribuem para controlar a inflamação abdominal e outros sintomas derivados de um processo digestivo lento.

6. Servem como anti-inflamatório natural

O morango e outras variedades de frutas vermelhas são úteis para diminuir o nível de inflamação graças ao seu teor de vitamina C, minerais essenciais e antioxidantes.

Estes nutrientes lhe conferem propriedades anti-inflamatórias, depurativas e diuréticas; que, no organismo, promovem a eliminação dos rejeitos para um ótimo trabalho das células.

Isto é benéfico para aliviar as doenças musculares e articulares; inclusive, é um bom complemento para o tratamento da artrite.

Leia mais: 4 vitaminas importantes para a saúde da pele

7. Protegem a saúde ocular

Morangos protegem a saúde ocular

Este alimento contém altos níveis de pigmentos como a luteína e a zeaxantina; dois carotenos que contribuem para proteger a saúde ocular.

Estes antioxidantes, somados à vitamina C, criam um filtro contra os raios solares e as toxinas. Assim, diminuem as probabilidades de desenvolver cataratas ou degeneração macular.

A vitamina C é um nutriente que mantém a saúde da córnea e da retina; assim como reduz o desgaste causado pela idade.

8. Mantêm o cérebro jovem

Os flavonoides contidos nesta pequena fruta são excelentes aliados para otimizar as funções cerebrais, já que inibem o estresse oxidativo.

Estas substâncias estão relacionadas com a diminuição do risco de deterioração cognitiva nos adultos mais velhos e, de fato, poderiam ser chave na prevenção dos transtornos neurodegenerativos.

Sem dúvida alguma, o morango é um alimento muito saudável que pode ajudar a manter o bem-estar do corpo.

O ideal é consumi-lo cru, fresco e maduro, para desfrutar 100% de todas as suas propriedades.

  • Bastos, T. H., Mendes, A. C., Nadal, D., Bonamigo, W. D., Ugalde, M. L., & Ziegler, V. BEBIDA FUNCIONAL DE MORANGO.
  • Rocha, D. A., Abreu, C. M. P. D., Corrêa, A. D., Santos, C. D. D., & Fonseca, E. W. N. D. (2008). Comparative analysis of functional nutrients in strawberries of different cultivars in the region of Lavras-MG. Revista Brasileira de Fruticultura30(4), 1124-1128.
  • Quinato, É. E., Degáspari, C. H., & VILELA, R. M. (2007). Aspectos nutricionais e funcionais do morango. Visão Acadêmica8(1).
  • Pineli, L. D. L. D. O. (2009). Qualidade e potencial antioxidante in vitro de morangos in natura e submetidos a processamentos.
  • Gonçalves, A. E. D. S. S. (2008). Avaliação da capacidade antioxidante de frutas e polpas de frutas nativas e determinação dos teores de flavonóides e vitamina C(Doctoral dissertation, Universidade de São Paulo).
  • Copetti, C. (2012). Atividade antioxidante in vitro e compostos fenólicos em morangos (Fragaria X ananassa Duch): influência da cultivar, sistema de cultivo e período de colheita.