7 alimentos que permitem ajustar o nível de sódio para a sua saúde renal

· 16 de junho de 2017
Para regular os níveis de sódio no organismo, é aconselhável incluir na nossa dieta alimentos que mantenham a saúde renal e eliminem o excesso de toxinas.

Por mais curioso que pareça, o sódio está presente em quase todos os alimentos industriais e pré-cozidos que consumimos diariamente. Entre estes estão incluídos os sucos de supermercado e refrigerantes.

A ingestão excessiva desse mineral não só resulta na clássica hipertensão. Os efeitos vão além, ao ponto de ocasionar problemas ósseos, digestivos, cardiovasculares ou de pele.

Por isso, é sempre aconselhável moderar o consumo de sódio. Mas isso não significa cair no erro de restringi-lo completamente.

O segredo, como em todos os assuntos que afetam nossa dieta, é o equilíbrio.

Não podemos esquecer de que o sódio tem uma importância fundamental no metabolismo celular, que interfere na contração muscular e favorece o equilíbrio correto “ácido-base” em nosso organismo.

Por outro lado, perdemos grande parte desse mineral através da urina, das fezes e do suor.

Por isso é fundamental não acumular mais do que o necessário e não perder mais do que o próprio corpo precisa para executar suas funções.

O que você acha de começar a partir de hoje a se cuidar um pouco mais, regulando o consumo de sódio? A seguir explicaremos como fazer isso.

Abacaxi

O abacaxi tem como principais benefícios sua ação diurética e anti-inflamatória.

Promove a circulação linfática e é rico em cobre e manganês, dois minerais essenciais que ajudam a limpar o excesso de sódio do organismo.

Além disso, graças à bromelina e à vitamina C, reduz processos inflamatórios que ocorrem com o acúmulo de sódio no corpo, afetando a saúde dos rins.

Consuma a fruta sempre fresca e evite a versão enlatada. Seja consciente e inclua sempre em sua dieta.

Orégano

de sódio

Podemos usar o orégano como um tempero fabuloso e também como substituto do sal.

  • Algo que é aconselhável lembrar diariamente é que o sódio está presente em todos os alimentos processados, como por exemplo, o pão.
  • Uma maneira de reduzir a carga de sal no pão que comemos diariamente é adicionar uma colher de sopa de azeite com um pouco de orégano. Você vai adorar!
  • Além disso, o orégano contém beta-caryophyllin (E-BCP), uma substância que inibe a inflamação e promove a circulação sanguínea.

Não hesite em incluí-lo sempre em sua dieta.

Morangos

O consumo regular de morangos orgânicos nos ajudará não só a desfrutar de uma melhor saúde renal, mas também reduzirá os níveis de ácido úrico, hipertensão e colesterol ruim ou LDL.

No entanto, lembre-se sempre de comê-los na sua forma natural. No momento em que consumimos a clássica geleia de morango ou o seu suco industrializado, estaremos acrescentando, sem saber, um alto nível de sódio em nosso corpo.

Os morangos maduros, assim como as framboesas maduras, são mais ricos em flavonoides que os morangos mais verdes ou congelados que encontramos no supermercado.

Não hesite em tirar proveito da temporada deste fruto e envolver toda a família em seu maravilhoso sabor e benefícios.

Conheça: Tratamento caseiro de cebola e mel para combater a queda de cabelo

Alcachofras

de sódio

A alcachofra equilibra a pressão sanguínea graças às suas vitaminas e à sua reduzida quantidade de sódio.

É maravilhosa se consumida com um pouco de azeite e suco de limão. Assim, favorece a limpeza do fígado e a saúde renal através de seus ácidos, vitaminas e enzimas.

Coentro

O coentro é um poderoso diurético natural do qual se pode tirar proveito adicionando-o às nossas sopas ou saladas.

Seu sabor intenso e original combina muito bem em certos pratos e pode atuar como um adequado substituto do sal.

Além disso, ajuda a baixar a pressão sanguínea, reduzindo os efeitos clássicos associados à hipertensão como, por exemplo, cefaleia ou enxaqueca.

Alho

Você já tem em sua cozinha sal de alho? Se não, não hesite em fazer uso deste recurso natural e eficaz para reduzir a sua pressão arterial e continuar a desfrutar das suas refeições sem tirar o sal da mesa.

O alho é um alimento medicinal que não pode faltar na cozinha.  Ele atua como antibiótico, reduz a hipertensão e contém alicina, uma enzima que cuida do nosso coração e da saúde renal.

Rabanetes

de sódio

Os rabanetes têm um sabor inconfundível, caem bem e são quase tão medicinais como os próprios alhos.

Estes vegetais são comuns na culinária indiana e têm efeitos anti-hipertensivos significativos.

O segredo é o acetato de etilo, um composto do qual podemos nos beneficiar sempre quando consumimos os rabanetes de forma natural.

O esforço para “mastigar” e sentir o seu sabor intenso definitivamente vale a pena … e é bom para a saúde.

Também descubra: 8 dicas para desintoxicar o organismo todos os dias sem esforço

Em conclusão, como dissemos no início, não se trata de evitar a ingestão de sódio, mas, sim, de regular e sempre escolher alimentos frescos e naturais.

Alimentos que, por si mesmos, nos fornecem uma boa parte desse equilíbrio nutricional que necessitamos.

Vamos começar hoje mesmo cuidar de um pouco melhor de nossa saúde e de nós mesmos?

  • World Health Organization. (2013). A global brief on Hypertension - World Health Day 2013. World Health Organization. https://doi.org/10.1136/bmj.1.4815.882-a

  • Webster, A. C., Nagler, E. V., Morton, R. L., & Masson, P. (2017). Chronic Kidney Disease. The Lancet. https://doi.org/10.1016/S0140-6736(16)32064-5