5 soluções naturais para reduzir a dor do túnel cárpico

· 1 de maio de 2018
É importante ter em mente que essas soluções naturais para reduzir a dor do túnel cárpico só nos ajudarão temporariamente e devemos procurar ajuda médica para obter um diagnóstico e tratamento.

A síndrome do túnel cárpico é uma condição causada pela irritação do nervo mediano, que é responsável por dar sensibilidade e movimento a certas áreas da mão.

É uma condição cujo número de afetados aumentou nos últimos anos, uma vez que o uso prolongado de dispositivos eletrônicos é um dos seus desencadeantes.

Dá-se pelos movimentos repetitivos da mão e do pulso, embora também ocorra devido a lesões, infecções e excesso de peso.

Embora a sensação de dor possa ser leve e esporádica, às vezes tende a se tornar complicada, interferindo na capacidade de realizar tarefas diárias.

Na verdade, um pequeno número de casos requer intervenção cirúrgica, uma vez que existe uma reação inflamatória que não é controlada pela medicação.

Felizmente, antes de chegar a esta medida tão drástica, você pode tentar alguns remédios de origem natural que, por suas propriedades, promovam o sentimento de alívio.

Em seguida, queremos compartilhar em detalhe as melhores 5 soluções naturais para reduzir a dor do túnel cárpico para que experimente quando sentir que essa condição está o afligindo.

Descubra-os!

1. Compressas de gengibre e eucalipto

Compressas de gengibre e eucalipto ajudam a reduzir a dor do túnel cárpico

A aplicação de compressas de gengibre e eucalipto é um método terapêutico que reduz a gravidade da inflamação e dor causada no túnel cárpico. É uma das soluções naturais mais usadas para reduzir a dor do túnel cárpico.

Suas propriedades medicinais ajudam a melhorar a circulação na área afetada e, aliás, exercem um efeito calmante.

Ingredientes

  • 1 xícara de água (250 ml)
  • 2 colheres de sopa de gengibre ralado (20 g)
  • 4 folhas de eucalipto

Preparação

  • Ferva um copo de água e, quando atingir o ponto de ebulição, adicione o gengibre ralado e as folhas de eucalipto.
  • Abaixe a temperatura e deixe as plantas liberarem seus extratos por 2 minutos.
  • Então, espere 10 ou 15 minutos para descansar e está pronto a usar.

Modo de aplicação

  • Mergulhe um pano limpo na infusão e aplique-o como uma compressa nos pulsos e nas mãos rígidas.
  • Deixe-os agir 20 minutos e repita o remédio até 2 vezes ao dia.

Veja também: Como prevenir e tratar a má circulação nas pernas

2. Massagem com óleo de cipreste e alecrim

A aplicação de uma massagem com óleos anti-inflamatórios pode acalmar a sensação de dor que impede o movimento normal das mãos.

Neste caso, propomos os óleos de cipreste e alecrim, ambos conhecidos por sua capacidade de reduzir a inflamação dos músculos e articulações.

Ingredientes

  • 3 colheres de sopa de óleo de cipreste (45 g)
  • 2 colheres de sopa de alecrim (30 g)

Preparação

  • Combine os óleos até obter um produto homogêneo.

Modo de aplicação

  • Esfregue os óleos nas áreas onde dói, fazendo massagens suaves até o produto ser bem absorvido.
  • Repita seu uso todas as noites até curar essa condição.

3. Compressas de flores ulmária

Compressas de flores ulmária ajudam a reduzir a dor do túnel cárpico

Uma das soluções naturais para reduzir a dor do túnel cárpico são as flores ulmária, que possuem propriedades analgésicas e anti-inflamatórias, adequadas para acalmar os sintomas do túnel cárpico.

Estes podem ser usados ​​através de compressas, pois é um método que gera um efeito calmante imediato.

Ingredientes

  • 2 colheres de flores ulmária (20 g)
  • 1 xícara de água (250 ml)

Preparação

  • Adicione as flores ulmária a um copo de água fervente e deixe descansar durante 20 minutos.

Modo de aplicação

  • Molhe um pano com a infusão e aplique-o nas áreas afetadas.
  • Deixe-o agir por 10 minutos e, se considerar necessário, repita seu uso duas vezes ao dia.

4. Banho com sais Epsom

Uma das aplicações terapêuticas dos sais de Epsom é o remédio para acalmar a dor causada pela síndrome do túnel cárpico.

Eles agem como um relaxante muscular e anti-inflamatório que, localmente, reduzem a rigidez, formigamento e as dificuldades de movimento.

Ingredientes

  • 5 xícaras de água (1250 ml)
  • ½ xícara de sais de Epsom (100 g)

Preparação

  • Aquecer a água até atingir uma temperatura suportável para a pele.
  • Adicione os sais Epsom e agite-os diluir.

Modo de aplicação

  • Mergulhe suas mãos no líquido, certificando-se de cobrir seus pulsos doloridos.
  • Deixe os sais agirem por 20 minutos e enxágue.
  • Use-os 2 vezes ao dia até o problema estar controlado.

5. Massagem com óleo de rícino e de oliva

massagem com óleo de rícino e oliva ajuda a reduzir a dor do túnel cárpico

Tanto o óleo de rícino como o de oliva têm compostos anti-inflamatórios que ajudam a restaurar o movimento dos pulsos.

Seus ácidos graxos, além de antioxidantes e aminoácidos, melhoram a passagem de sangue na área inflamada e, com isso, acalmam a dor.

Ingredientes

  • 3 colheres de sopa de óleo de rícino (45 g)
  • 2 colheres de sopa de azeite (32 g)

Preparação

  • Despeje os óleos em um recipiente resistente ao calor e leve ao micro-ondas por 20 segundos.

Modo de aplicação

  • Verifique se a temperatura é adequada para a pele e depois esfregue o óleo sobre os pulsos e as mãos.
  • Faça uma massagem suave durante 8 minutos e deixe os produtos serem bem absorvidos.
  • Repita o tratamento até que a dor passe por completo.

Tenha em mente que as soluções naturais para reduzir a dor do túnel cárpico mencionadas podem reduzir a dor do túnel cárpico temporariamente.

O processo de cura pode levar até um mês e, para isso, é necessário complementar o uso desses produtos com a prática de hábitos saudáveis, como o exercício.