5 dietas da moda que colocam a saúde em risco

7 de agosto de 2018
Para perder peso as pessoas recorrem a dietas da moda bastante perigosas para a saúde. Mostraremos a seguir 5 tipos de dietas pouco saudáveis. 

Por questões de estética e de saúde, muitas pessoas sentem a necessidade de adotar uma dieta para perder peso. É verdade que este processo depende de muitos fatores; no entanto, a alimentação é um dos aspectos chaves para consegui-lo e tem gente que recorre as dietas da moda.

No desejo de conseguir uma mudança satisfatória em pouco tempo, alguns decidem adotar planos estritos e restritivos que, ainda que permitam perder quilos em questão de dias, com o tempo podem produzir reações indesejadas no organismo.

Quais são as dietas mais populares? Por que devemos evitá-las? Neste artigo compilamos 5 tipos de dietas que podem ser prejudiciais para a saúde.

1. Dieta da toranja

Existe uma dieta da moda baseada em toranjas

A toranja é uma deliciosa fruta cítrica que ganhou fama por sua capacidade de promover a perda de peso. Tem poucas calorias e contém nutrientes essenciais que apoiam tanto o processo digestivo como o metabolismo.

Apesar destas qualidades, a dieta da toranja se tornou uma das dietas da moda mais perigosas, já que o plano supõe uma redução significativa de calorias e de nutrientes essenciais.

Consiste em consumir durante 3 dias da semana somente toranja. É claro que permite perder peso de maneira notável, ainda com muitos riscos.

Esta dieta pode levar a:

  • Sensação de fadiga e enjoos
  • Episódios de ansiedade
  • Transtornos digestivos e diarreia
  • Deficiências nutricionais severas

Confira o artigo: Emagreça com a toranja (ou “grapefruit”)

2. Dieta do jejum

A dieta do jejum ganhou fama nos últimos anos e, de fato, existe um documentário e um livro a respeito. Foi criada pelo Dr. Michael Mosley e é um dos planos que ajudam a conseguir resultados rápidos.

Sua principal característica é que elimina a primeira refeição do dia: o café da manhã. Por isso, restringe-se uma das fontes de energia mais importantes para o organismo.

Pular o café da manhã não é sinônimo de “poupar calorias”. Quando não proporcionamos estes alimentos ao corpo, o cérebro reage e pega energia dos músculos destruindo-os pouco a pouco.

Outros efeitos negativos incluem:

  • Metabolismo lento
  • Sensação de cansaço e enjoos
  • Hipoglicemia
  • Problemas digestivas ou prisão de ventre
  • Anorexia

Aconselhamos ler: Jejum intermitente para perder peso e melhorar a saúde

3. Dieta vegana estrita

Há dietas da moda que são estritamente vegetarianas

Nas últimas décadas as dietas de moda veganas vem ganhando muita força. Ainda que para muitos é um estilo de vida, outros as consideram o melhor método para perder peso em pouco tempo.

As frutas e vegetais orgânicos são os melhores aliados das dietas, isso não se pode negar. No entanto, dado que deve existir um equilíbrio com outros alimentos, alguns destes planos podem ser muito perigosos.

Ao eliminar por completo dos alimentos de origem animal, a dieta vegana carece de vitamina B12 que é necessária para o desenvolvimento neuronal. Quem a adota deve considerar consumir um suplemento.

Por outro lado, é necessário aumentar o consumo de algumas fontes de proteínas. Existem muitos alimentos vegetais que podem trazer este nutriente em quantidades justas.

Uma dieta vegana mal planejada pode causar:

  • Má absorção de minerais essenciais
  • Dificuldades digestivas
  • Deficiência de vitaminas
  • Perda da massa muscular
  • Sensação de fadiga

4. Dieta do ovo

Na popular dieta do ovo se sugere o consumo de 6 porções de ovo por dia, acompanhados somente de guarnições de frutas e vegetais.

Sabemos que o ovo é um alimento saudável que pode proporcionar muitos dos nutrientes essenciais; apesar disso, esta dieta pode ser prejudicial, dado que não cumpre com as características de uma alimentação equilibrada.

Manter esta alimentação pode causar:

  • Descompensações e deficiências nutricionais
  • Debilidade ou letargia
  • Descontroles de colesterol
  • Prisão de ventre e mau-hálito
  • Efeito rebote 

5. Dieta Atkins

As dietas da moda podem incluir carne

A principal característica desta dieta é que elimina o grupo de carboidratos e açúcares, para se basear na ingestão livre de proteínas e gordura.

O organismo, ao esgotar suas fontes de glicogênio, comece a utilizar tais nutrientes como fonte de energia. Isso produz uma concentração de corpos cetônicos que, ainda que permitam perder peso, podem deteriorar a saúde de órgãos importantes.

Suas consequências incluem:

  • Alterações metabólicas
  • Descontroles no pH do corpo
  • Excesso de ácido úrico
  • Dificuldades neuronais, cardíacas e respiratórias
  • Deterioramento das funções do fígado e rins
  • Problemas de concentração e memória
  • Desgaste óssea

Escolher estas dietas da moda pode facilitar a perda de peso; no entanto, antes de adotar alguma é fundamental considerar seus efeitos negativos e o estado de saúde atual. A melhor maneira de alcançar um peso saudável e equilibrado é com uma dieta balanceada e exercício físico.

Recomendados para você