5 benefícios para a saúde de usar pouco sal em sua comida

· 9 de outubro de 2018
Sabia que, ao usar pouco sal, você terá muito mais energia e, inclusive, pode emagrecer mais facilmente? O sal pode ser substituído por ervas aromáticas para evitar perder o sabor.

Os médicos e nutricionistas recomendam sempre usar pouco sal na hora de cozinhar. No entanto, para muitas pessoas, é difícil reduzir o consumo, porque parece que a comida fica sem gosto.

Nesse artigo, vamos compartilhar os cinco benefícios da redução do consumo de sal, sobretudo do sal refinado. Em pouco tempo, você poderá melhorar e evitar diferentes problemas de saúde.

Como usar pouco sal sem que a comida fique sem gosto?

Usar pouco sal não precisa ser uma tortura. Temos que continuar cozinhando, reduzindo o consumo de maneira gradual. Além disso, há outros condimentos que podem potencializar o sabor, como mencionaremos a seguir. Em pouco tempo, seu paladar vai se acostumar.

  • Sal de ervas, feito com legumes em pó, como aipo, alho ou cebola
  • Vinagre
  • Suco de limão
  • Plantas aromáticas (manjericão, hortelã, orégano, etc.)
  • Especiarias picantes, como a pimenta caiena ou o gengibre
  • Levedura nutricional
  • Algas marinhas

Também recomendamos escolher sempre o sal marinho em vez do sal de mesa ou do sal refinado. Assim, o pouco sal que for consumido será melhor aproveitado pelo organismo devido aos minerais e dos oligoelementos.

Confira Os 10 benefícios que o sal marinho oferece ao seu corpo

Pode usar pouco sal, mas muitas ervas

5 benefícios de usar pouco sal

1. A pele se mantém hidratada e sem impurezas

Quando consumimos muito sal, nosso organismo exige mais água para equilibrar os líquidos. Por esse motivo, umas das principais consequências do alto consumo de sal é a desidratação da pele.

Nesse sentido, usar pouco sal e beber mais água deixa a pele mais hidratada. As impurezas que se acumulam nas camadas mais externas da pele também são eliminadas mais facilmente. Além disso, é possível prevenir o envelhecimento cutâneo prematuro.

2. Há um aumento de energia

O excesso de sal prejudica a função renal. Esses órgãos, quando se sobrecarregam ou se debilitam, causam uma falta de energia que pode chegar a ser crônica se não houver uma melhora nos hábitos. Por esse motivo, muitas pessoas que consomem estimulantes, como o café ou os refrigerantes de cola, não conseguem vencer a fadiga constante.

Para aumentar a vitalidade, é necessário:

  • Melhorar a alimentação.
  • Descansar bem.
  • Fazer exercícios para ativar o metabolismo.
  • Combater o estresse.
  • Usar pouco sal nos alimentos.

Em pouco tempo, você sentirá mais energia.

Não perca o artigo: Hábitos para ter mais energia o dia todo

3. Evitar o inchaço

O inchaço em diferentes partes do corpo é um problema para várias pessoas. O acúmulo de líquidos é frequente nos pés e na barriga, principalmente. Isso faz com que as pessoas ganhem volume, se sintam pesadas e, em alguns casos, também sintam dor. A circulação sofre muito.

Para evitar o inchaço, é necessário reduzir o consumo de sal e de todos os alimentos com alto teor de sódio, conhecidos como processados, como pizzas, molhos, massas, aperitivos, etc. Além disso, para combater o excesso de sódio podemos aumentar o consumo de alimentos ricos em potássio, como:

  • Abacate
  • Banana
  • Brócolis
  • Alface
  • Batata
  • Cenoura
  • Maçã
  • Framboesa
  • Arando (também chamado de oxicoco ou cranberry)
  • Nozes
  • Lentilhas
Usar pouco sal ajuda a desinchar

4. Emagrecer com mais facilidade

Se você deseja emagrecer ou quiser manter um peso adequado sem passar fome, recomendamos que você deixe de consumir sal. O uso excessivo de sal favorece a retenção de líquidos e dificulta o processo de emagrecimento do organismo. Por isso, ao limitá-lo, você poderá emagrecer mais facilmente.

Além disso, evitar o sal fará com que você use outros condimentos. A maioria dos temperos, como o limão e o vinagre não apenas não engordam, como ativam o metabolismo e ajudam a queimar mais calorias. Portanto, essa mudança de hábito pode gerar efeitos muito positivos na saúde e no corpo em pouco tempo.

5. Evitar transtornos cardiovasculares

As pessoas que sofrem de hipertensão já sabem que devem usar pouco sal na comida ou eliminá-lo por completo. No entanto, nem todo mundo conhece os riscos que isso representa para a saúde. A pressão alta e o sobrepeso são dois fatores de risco que levam as pessoas a sofrer doenças cardiovasculares.

Para evitá-las a tempo, é necessário eliminar o sal e o açúcar da dieta, uma mudança importante na alimentação e no estilo de vida. Começar pelo sal ajudará você a ver como possível melhorar a saúde com pequenas mudanças, para que a alimentação seja a sua própria cura.