3 formas simples de melhorar a saúde cardiovascular

Além de cuidar da alimentação e evitar o cigarro, para cuidar da saúde cardiovascular também é fundamental praticar exercícios físicos. Basta se dedicar 30 minutos por dia para obter os benefícios.

Comece hoje mesmo a melhorar a sua vida. Desfrutar de uma melhor saúde cardiovascular é abraçar um dia a dia com um bem-estar interno e externo.

O estilo de vida que muitos mantêm hoje em dia nos obriga muitas vezes a seguir pequenas rotinas que danificam nosso coração.

O sedentarismo, a impossibilidade de administrar de forma adequada nossos focos de estresse, ou o fato de manter hábitos alimentares pouco saudáveis farão com que, quase sem percebermos, nosso órgão mais importante se enfraqueça.

O melhor momento para cuidar da nossa saúde cardiovascular sempre é agora, tenhamos 10 ou 60 anos. Não temos que esperar que nosso médico nos indique que temos o colesterol elevado para iniciar pequenas mudanças.

Investir no presente é ganhar no futuro. Propomos que desde agora você coloque em prática estas simples estratégias que ajudarão a cuidar melhor da sua saúde cardiovascular.

Seu coração, um tema sério

saude-cardiovascular

Somos conscientes de que, hoje em dia, a doença que mais tememos e que maior impacto costuma causar é o câncer.

Agora, não podemos nos esquecer de que a principal causa de mortalidade seguem sendo as doenças cardiovasculares. 

Leia também “hipertensão: 5 aspectos importantes”

De acordo com os dados da Organização Mundial de Saúde (OMS), as 10 doenças que causam um maior número de falecimentos todos os anos são as seguintes:

  • Cardiopatia isquêmica
  • Acidente vascular cerebral
  • Infecções das vias respiratórias inferiores
  • Doença pulmonar obstrutiva crônica (DPOC)
  • Doenças diarreicas
  • HIV/AIDS
  • Cânceres de traqueia, brônquios ou pulmão
  • Tuberculose
  • Diabetes
  • Traumatismos por acidentes de trânsito
  • Cardiopatia hipertensiva
  • Prematuridade e baixo peso ao nascer

Como podemos deduzir por estes dados, as cardiopatias são, sem dúvidas, o principal problema que as instituições de saúde devem enfrentar.

Algo que deveríamos ter em mente é que uma boa porcentagem destas perdas humanas poderia ser evitada. Isso somente seria possíveis se cuidássemos de nossos hábitos de vida.

pare-de-fumar-para-saude-cardiovascular

Praticar exercícios, seguir uma alimentação adequada, não fumar ou mesmo saber de nossos antecedentes genéticos pode nos ajudar a ter não só uma expectativa de vida maior, como também uma melhor qualidade de vida.

Seu coração lhe pede todos os dias para que cuide dele. A seguir, explicaremos três modos de fazer isso.

Três dicas para melhorar a saúde cardiovascular

Todo 29 de setembro, e desde o ano 2000, celebramos o “Dia do Coração”. Este ano, a Federação Mundial do Coração o celebrou sob o tema “Potencialize sua vida”.

Esta frase simples se encaixa muito bem com a força e motivação que todos deveríamos ter no dia a dia para ajudar nosso coração.

  • Algo que as instituições médicas sempre nos revelam é que as pessoas ainda não estão muito conscientes dos fatores de risco que afetam nosso coração. 
  • O principal problema está, sem dúvidas, no fato de que muitas vezes o início é silencioso. O colesterol ou a hipertensão são duas condição que demoram muito para mostrar uma sintomatologia evidente.

Para que abramos os olhos, para que sejamos bons arquitetos de nossa saúde, devemos aprender a potencializar nossa vida por meio destes três conselhos.

1. Caminhe meia hora por dia, 5 vezes por semana

faca-caminhadas-para-saude-cardiovascular

Sair para caminhar meia hora por dia não é muito. Não quebra nenhuma rotina, não supõe um sacrifício extremo, e quando nosso corpo se acostuma a ele, inclusive passamos a precisar do exercício.

  • Caminhar a um ritmo constante e adequado é o melhor exercício cardiovascular que podemos seguir.
  • Saia para andar em um ambiente natural, se possível em boa companhia e com um calçado e roupa adequados.
  • Se você sofre de problemas ósseos, como artrose no joelho ou no quadril, caminhe em uma esteira. Andar sobre a superfície plana e mais segura destas máquinas evita sobrecargas e possíveis lesões, enquanto controla o ritmo a todo instante.

2. Monitore os fatores de risco cardiovascular

A primeira coisa a se estabelecer são revisões periódicas com o médico. Devemos controlar os seguintes indicadores:

  • Pressão sanguínea
  • Colesterol
  • Glicose no sangue
  • Índice de massa corporal

Se, além disso, você tem antecedentes genéticos associados a diferentes problemas cardiovasculares, é bom conversar com o médico.

3. O que você come e como é vida

suco-de-roma-para-saude-cardiovascular

Como você se alimenta? Você acha que o faz da melhor maneira? Às vezes quem se guia somente pelo prazer de consumir determinados alimentos acaba danificando o coração.

É necessário cuidar ao máximo de tudo aquilo que colocamos em nossos pratos. Siga, se desejar, estes simples conselhos:

  • Elimine as gorduras saturadas, as gorduras trans, os açúcares e o sal de suas refeições.
  • Consuma cítricos: são ideais para reduzir o colesterol.
  • Ao longo da semana eleve o consumo de berinjelas, couve-de-Bruxelas, alcachofra, brócolis, rúcula e tomates. São verduras magníficas para a sua saúde cardiovascular.
  • Adicione aos seus alimentos, vitaminas ou iogurtes sementes de chia, de linhaça ou de gergelim.
  • Sempre que for a época, aproveite os benefícios da romã. São maravilhosos para o coração.
  • Consuma alho e cebola.
  • Comer um pedacinho de chocolate meio amargo por dia alegrará sua vida e cuidará de seu coração.
  • O salmão também é muito recomendado.

Comece hoje mesmo a cuidar um pouco de sua saúde cardiovascular: o esforço vale a pena.

Categorias: Bons hábitos Tags:
Recomendados para você