12 remédios naturais para diminuir a ansiedade

· 28 de novembro de 2014
A ansiedade é um problema muito comum hoje em dia. No entanto, é possível combatê-la; o exercício regular, por exemplo, pode te ajudar a se sentir melhor, graças a produção de endorfinas.

Se você sofre de um transtorno de ansiedade, é possível que não queira recorrer a medicamentos, ou ao menos não como primeira opção. Não se preocupe: há muitos remédios não farmacológicos seguros para diminuir a ansiedade, começando por técnicas de mente e corpo, assim como os suplementos ou os chás que te acalmam.

Alguns desses remédios naturais começam a trabalhar de imediato, enquanto outros podem ajudar a diminuir a ansiedade mais a longo prazo. A seguir, apresentamos os mais 12 remédios naturais mais aconselháveis para que você possa diminuir a ansiedade.

12 remédios naturais para diminuir a ansiedade

1. Camomila

Se você tem um momento de nervosismo, uma xícara de chá de camomila pode ajudar a acalmar. Alguns componentes da camomila se relacionam com os mesmos receptores cerebrais em que atuam os medicamentos como o Valium.

Em um estudo realizado pela Universidade da Pensilvânia, os pacientes com transtorno de ansiedade generalizada que tomaram os suplementos de camomila durante oito semanas tiveram uma redução significativa nos sintomas de ansiedade em comparação com os pacientes que tomaram um placebo.

2. Chá verde

chá verde para ajudar contra a ansiedade

O chá verde ajuda a controlar a frequência cardíaca e a pressão arterial em aumento; dessa forma, em certos casos, constataram que reduz a ansiedade. Em um estudo, as pessoas propensas a ansiedade, ao consumirem 200 ml de chá verde previamente, mostraram-se mais tranquilas e focadas durante uma prova.

3. Lúpulo

É encontrado na cerveja, mas não conseguirá os benefícios calmantes nessa bebida. O componente sedativo encontrado no lúpulo é um óleo volátil, que contém extratos e tinturas que podem ser utilizados na aromaterapia. O lúpulo é utilizado com frequência como um sedativo para promover o sono.

4. Valeriana

planta medicinal para curar a insônia

valeriana é uma erva sedativa e de grande ajuda para combater a insônia. Como resultado, o governo alemão a aprovou como um tratamento para os problemas relacionados com o sono.

A valeriana tem um odor desagradável, por isso, as maioria das pessoas a tomam em cápsulas. Essa planta muitas vezes é combinada com outras ervas sedativas como o lúpulo, a camomila e o bálsamo de limão.

5. Exercícios

O exercício é seguro e bom para o cérebro, além de ser um poderoso antídoto contra a depressão e a ansiedade, tanto a curto como a longo prazo. Se você pratica exercícios com regularidade, você terá mais autoestima e se sentirá mais saudável.

Umas das principais causas da ansiedade é a preocupação relacionada à doença e à saúde. Tudo isso desaparece quando você está em forma.

Pode te interessar: Descubra os ótimos benefícios que uma caminhada diária traz à sua vida

6. Passiflora

planta benéfica contra a ansiedade

Esta flor é outro dos sedativos utilizado para curar a inquietação nervosa. Pode diminuir os sintomas da ansiedade de forma tão efetiva quanto os medicamentos.

Normalmente, é utilizada contra a insônia; de fato, como outros sedativos, pode produzir sonolência. Tenha cuidado com o uso elevado de uma erva sedativa e não consuma a passiflora por mais de um mês consecutivo.

7. Lavanda

O aroma embriagante da lavanda tem propriedades anti-inflamatórias. Em um estudo, por exemplo, foi descoberto que os pacientes de um dentista ficavam menos ansiosos quando a sala de espera estava perfumada com óleo de lavanda.

Além disso, em outras pesquisas, foi comprovado que uma cápsula de lavanda especialmente formulada demonstrou reduzir os sintomas nas pessoas com transtorno de ansiedade generalizada tão eficazmente quanto o lorazepam, um medicamente da mesma classe que o Valium.

8. Respiração profunda

A técnica de respiração do yoga é extremamente eficaz na redução do estresse e da ansiedade. Um motivo pela qual funciona é, simplesmente, porque uma pessoa não pode respirar profundamente e estar ansioso ao mesmo tempo.

Para realizar uma respiração profunda, expire por completo pela boca e, logo em seguida, inspire pelo nariz enquanto conta até quatro. Mantenha a respiração até chegar no sete; expire lentamente pela boca contando até oito. Você deve repetir isso pelo menos duas vezes por dia.

9. Se estiver com fome… coma!

alimento para combater a ansiedade

Geralmente, ficamos mais ansiosos e irritados quando estamos com fome. Quando alguém tem um ataque de ansiedade, pode significar que seu açúcar no sangue pode estar diminuindo. O melhor para remediar essa situação é ter alguma coisa pra comer como um punhado de nozes ou um pedaço de chocolate, junto com um copo de água ou uma boa xícara de chá quente.

A longo prazo, a dieta é a chave para diminuir a ansiedade. É aconselhável ingerir alimentos integrais e levar uma dieta baseada em vegetais com carnes, mariscos e verduras de folhas verdes para obter acido fólico e uma ampla variedade de fito nutrientes que ajudam a diminuir a ansiedade.

10. Café da manhã

Muitas pessoas com transtornos de ansiedade não tomam café da manhã. No entanto, o ideal é consumir produtos como o ovo nessa primeira refeição por se tratar de uma proteína saciante e uma fonte natural de colina. Os baixos níveis de colina são associados com um aumento da ansiedade.

Leia também: 5 regras de um café da manhã para cuidar da saúde

11. Ômega-3

Os óleos de peixe são bons para o coração mas, além disso, podem nos ajudar a diminuir a ansiedade. Em uma pesquisa, os estudantes que tomaram 2,5 ml por dia de ácidos graxos ômega 3 durante 12 semanas, tiveram menos ansiedade antes de realizarem uma prova que os estudantes que tomaram um placebo.

Geralmente, os especialistas recomendam, sempre que possível, obter o ômega-3 através dos alimentos. Os peixes de água fria como o salmão são as melhores fontes de ácidos graxos; dessa maneira, as anchovas e as sardinhas também possuem uma grande quantidade desses ácidos graxos.

12. Aquecer o corpo

Alguma vez você já se perguntou por que se sente tão relaxada depois de uma sauna ou de um banho quente? O motivo é que aquecer nosso corpo reduz a tensão muscular e diminui a ansiedade.

A sensação de calor pode alterar os circuitos neurais que controlam o estado de ânimo, incluindo os que afetam o neurotransmissor serotonina (básico para manter um equilíbrio emocional). Portanto, o aquecimento pode ser uma das maneiras de melhorar o estado de ânimo.

Com essas soluções naturais, você não apenas conseguirá diminuir sua ansiedade sem recorrer a fórmulas artificiais; sua saúde também se verá beneficiada em diferentes aspectos. Não hesite em tentar!