Úlcera péptica: 10 sintomas de alerta

9 de janeiro de 2019
Embora possam ter outras causas, se apresentarmos vários sintomas dos indicados, devemos ir ao especialista para nos examinar e indicar um tratamento para a úlcera péptica.

Uma úlcera péptica é uma lesão que ocorre no revestimento interno do estômago. É um tipo de ferida causada pela produção excessiva de sucos ácidos, os quais podem ser alterados por vários fatores.

Sua principal causa é a infecção pela bactéria H. pylori, um microrganismo que consegue se proliferar sob determinadas condições. É também o resultado de algumas doenças digestivas e do consumo excessivo de medicamentos.

Embora a consumo de álcool, de alimentos picantes e de tabaco não seja uma causa direta, seu consumo habitual pode agravar os sintomas, aumentando a probabilidade de sofrer complicações.

Embora nem sempre ocorra com fortes sintomas, sua detecção e intervenção nos estágios iniciais é fundamental para que outros problemas não se desenvolvam no sistema.

Por esse motivo, neste artigo queremos compartilhar em detalhes 10 sintomas que podem alertar para uma úlcera péptica que podem ajudar a identificá-la.

Sintomas que podem alertar para uma possível úlcera péptica

1. Inflamação abdominal

A inflamação abdominal é um dos sintomas da úlcera péptica

Existem múltiplas causas de inflamação abdominal. No entanto, não deve ser ignorada, pois é um dos sintomas iniciais das úlceras pépticas.

  • Manifesta-se com um inchaço notável na barriga, quase sempre acompanhado de sensação de pesadez ou desconforto no estômago.
  • Origina-se porque se desencadeia uma resposta inflamatória como um mecanismo para combater as agressões causadas pela acidez.

Leia também: Os 5 melhores remédios caseiros para a acidez do estômago

2. Ardor e dor abdominal

Uma sensação de queimação incômoda no estômago pode indicar o desenvolvimento de úlceras. Este sintoma, também interpretado como uma dor, é o resultado da lesão sofrida pela mucosa gástrica.

  • O desconforto é sentido entre o esterno e o umbigo. Às vezes, dependendo da localização da úlcera, também é sentida nas laterais do corpo.
  • Geralmente fica pior ao comer alimentos picantes ou muito quentes.

3. Perda de apetite

A perda de apetite é um dos sintomas da úlcera péptica

Muitos pacientes com úlcera péptica sofrem de insatisfação devido aos efeitos que ocorrem no sistema digestivo quando comem.

  • A queimação e inchaço depois de comer torna-se uma razão para parar de ingerir quantidades normais de comida.
  • Às vezes, torna-se um problema crônico, uma vez que a falta de apetite leva a certas deficiências nutricionais.

4. Náuseas ou vômitos

Como ocorre com muitos outros problemas digestivos, as úlceras podem se manifestar com náuseas e vômitos.

  • A produção excessiva de sucos ácidos irrita a mucosa do estômago e desencadeia um mecanismo de defesa que é percebido como uma ânsia de vômito.
  • Às vezes, a lesão se complica e produz vômitos ao ingerir determinados alimentos.

5. Indigestão

A indigestão é um dos sintomas da úlcera péptica

Uma má combinação de alimentos ou refeições abundantes pode ser a causa da indigestão. No entanto, quando as úlceras aparecem, este problema é mais recorrente.

  • As feridas no estômago produzem irritação e dor ao comer alimentos ácidos ou de difícil digestão.
  • Os pacientes podem sentir gases, mal-estar estomacal e outros sintomas próprios desta condição.

Não deixe de ler: Doenças que podem se esconder por trás da indigestão

6. Mudanças nas fezes

Alterações na cor ou consistência das fezes devem ser analisadas. Nem sempre indicam úlcera péptica, mas podem se desenvolver devido a muitas doenças do sistema digestivo.

  • Neste caso, é possível notar fezes escuras e pastosas. Quando a lesão é mais grave, as fezes podem conter sangue.

7. Intolerâncias alimentares

A intolerância alimentar é um dos sintomas da úlcera péptica

Devido à sensibilidade desenvolvida no estômago por causa das úlcera péptica, a pessoa pode experimentar certas intolerâncias alimentares, mesmo quando nunca teve esse tipo de problema.

  • Alguns alimentos contêm componentes que agravam a inflamação, o que torna a dor e outros desconfortos mais intensos.
  • Geralmente, pode surgir uma intolerância às gorduras, aos alimentos picantes e às refeições carregadas de açúcar.

8. Perda significativa de peso

Quando as úlceras não são operadas a tempo por um médico, as pessoas que as sofrem apresentam uma perda significativa e alarmante de peso.

  • Esse sintoma geralmente é relacionado à falta de apetite, o que evita que os pacientes comam bem.
  • Às vezes, requer uma análise profunda, uma vez que é causada por doenças crônicas, como o câncer.

9. Mal-estar geral

O mal-estar geral é um dos sintomas da úlcera péptica

Muitas vezes, os sintomas das úlceras são confundidos com os da gripe. Embora não tenham relação alguma, muitos sentem esse mal-estar geral que se dá por algum problema respiratório.

  • As manifestações clínicas incluem uma sensação de fadiga, fraqueza muscular e febre leve.

10. Dores de fome

Enquanto que em alguns pacientes causa perda de apetite, em outros resulta em um sentimento forte e constante de fome, mesmo depois de terminar uma refeição.

  • Esse sintoma não é realmente fome, mas a reação do corpo ao aumento de sucos gástricos.

Ter vários dos sintomas mencionados anteriormente é uma razão suficiente para buscar ajuda médica. É importante tratá-la o mais rápido possível, especialmente se a dor volta depois de receber o tratamento inicial.

  • Carretero, C. (2016). Úlcera péptica. Medicine (Spain). https://doi.org/10.1016/j.med.2016.02.001
  • Siqueira, J. S., Lima, P. S. S., Barreto, A., & Quintans-Junior, L. (2007). Aspectos Gerais nas Infecções por Helicobacter Pylori. Revisão. Revista Brasileira de Análises Clinicas. https://doi.org/10.1016/j.jas.2013.02.010
  • Albornoz-Plata, A. (1958). Tratamiento médico de la úlcera péptica. Revista de La Faculttad de Medicina.