10 alimentos benéficos para tratar o hipotireoidismo

· 1 de julho de 2017
O hipotireoidismo faz com que o metabolismo fique mais lento. Por isso, as pessoas afetadas por esta condição têm mais dificuldade para perder peso. Além disso, elas tendem a reter líquidos.

O hipotireoidismo é um transtorno que afeta o funcionamento da glândula da tireoide. Podemos contribuir para regulá-lo se consumirmos alguns alimentos de maneira frequente.

Descubra neste artigo quais são os 10 alimentos mais adequados para melhorar o hipotireoidismo de maneira natural.

O que é o hipotireoidismo?

o hipotireoidismo

O hipotireoidismo é uma doença que afeta mais as mulheres do que os homens, e que se caracteriza por uma redução na função da glândula da tireoide, localizada na parte dianteira do pescoço.

Isso significa uma queda na liberação de hormônios da tireoide e provoca sintomas muito específicos, tais como:

  • Diminuição do metabolismo basal, responsável pelo gasto energético.
  • Cansaço e esgotamento.
  • Sensibilidade ao frio.
  • Facilidade para ganhar peso e muita dificuldade para perdê-lo. É possível acumular gordura na papada, na cintura e nas coxas.
  • Alterações menstruais.
  • Voz grave e rouca.
  • Transtornos do sono.
  • Ressecamento da pele e do cabelo.
  • Retenção de líquidos.
  • Prisão de ventre.
  • Osteoporose.

A modo de curiosidade, existe um sintoma surpreendente para detectar uma predisposição a sofrer de hipotireoidismo.

Algumas pessoas podem ter uma falta de pelos na parte externa das sobrancelhas. Isso pode indicar uma predisposição ou etapa inicial deste transtorno.

Leia também: Remédios imediatos para crises de prisão de ventre

É possível curá-la com a alimentação?

Não se pode afirmar que a alimentação possa curar o hipotireoidismo.

No entanto, pode-se assegurar que uma dieta saudável e específica pode prevenir este transtorno, bem como reduzir seus sintomas quando já estamos sofrendo com eles.

Pode nos ajudar até o ponto de não termos que tomar mais medicamentos, principalmente se começarmos nas etapas iniciais.

Alimentos benéficos

1. Óleo de coco

o hipotireoidismo

O óleo de coco extravirgem é uma gordura saturada rica em triglicerídeos de cadeia média.

Estes nutrientes têm o poder de aumentar o metabolismo e facilitar a perda de peso, que são dois dos problemas principais de quem sofre de hipotireoidismo.

Podemos tomar todos os dias duas colheres de sopa (30g), uma pela manhã em jejum e outra à noite antes de irmos dormir.

2. Algas

Muitos casos de hipotireoidismo se devem a uma falta de iodo. Por isso, consumir alimentos ricos neste mineral pode nos ajudar a nos sentirmos melhor.

As algas marinhas são muito ricas em iodo, em especial o fucus.

É fundamental consultar nosso médico antes de começar a consumi-las para não exceder o consumo de iodo.

3. Pimenta caiena

A pimenta caiena é um excelente ativador natural do metabolismo que, além disso, aumenta nossa temperatura corporal.

Também pode nos ajudar a aliviar outros sintomas como a prisão de ventre e as dores articulares.

Devemos acrescentar a pimenta caiena em nossa dieta de maneira muito progressiva para que não nos cause transtornos digestivos.

4. Gengibre

O gengibre é uma especiaria refrescante e aromática que também nos ajuda a acelerar o metabolismo, ao mesmo tempo em que combate a retenção de líquidos, outro sintoma comum quando a tireoide não funciona de maneira correta.

Quer saber mais? Leia: Como preparar água de gengibre para perder peso

5. Água do mar

A água do mar é, assim como as algas e o sal marinho, um alimento rico em minerais e oligoelementos. Ela não somente nos oferecerá iodo, mas também atuará como um excelente suplemento mineral.

Além disso, a água do mar não causa retenção de líquidos como o sal.

6. Pistache

o hipotireoidismo

O pistache é um dos frutos secos mais recomendados para combater o hipotireoidismo por seu alto teor de minerais, principalmente o iodo.

7. Alho

O alho é um alimento que estimula nosso organismo graças a seus inúmeros componentes. É um dos melhores remédios para as pessoas muito sensíveis ao frio, cansadas e apáticas.

8. Erva-doce

A erva-doce atua como regulador hormonal, já que estimula a produção de hormônios. Podemos consumi-la de maneira direta ou por meio de uma infusão medicinal.

9. Ginseng

O ginseng é um poderoso estimulante natural que nos ajuda a ativar o metabolismo e, assim, a perder peso com mais facilidade.

Podemos consumi-lo de tempos em tempos, fazendo descansos, em forma de infusão ou como suplemento natural.

10. Gergelim

o hipotireoidismo

A tireoide é a encarregada de produzir calcitonina, um hormônio que nos permite assimilar o cálcio. Por este motivo, as pessoas com hipotireoidismo podem sofrer carências deste mineral e transtornos como a osteoporose.

Consumir gergelim, que é uma semente muito rica em cálcio, pode nos ajudar a prevenir este déficit nutricional.

Imagem principal cortesia de © wikiHow.com