6 vantagens de ser mãe aos 35 anos

· 12 de abril de 2018
"Mães-avós" e "mães cansadas" é o que muitas pessoas falam sobre mulheres que têm filhos mais tarde. Mas você sabia que elas têm muitas vantagens sobre as mães mais jovens? Descubra quais são neste artigo.

Ser mãe aos 35 anos não é fácil. Com o tempo, a sociedade construiu estigmas em torno de mães mais velhas, alegando que elas “têm menos energia”, são “mães-avós” ou “mães cansadas”.

Até alguns anos atrás, era considerado arriscado ser mãe depois dos 30 anos. O motivo se devia às associações negativas entre a idade e a saúde da criança no momento do nascimento, mas não em fases posteriores.

Ser mãe aos 35 anos: uma tendência crescente

A maternidade tardia é um fenômeno demográfico que tem aumentado nos países industrializados. Essa tendência responde a fatores como aumento da eficácia na contracepção, equidade de gênero e aumento da educação para as mulheres.

Ser mãe aos 35 anos está relacionado a diversos aspectos econômicos. Por exemplo, uma maior inclusão no mercado de trabalho para as mulheres, segurança financeira, entre outras razões.

Em diversos países a maternidade está sendo atrasada e começando mais tarde. Afinal, existem vantagens em ser mãe aos 35 anos?

O que as pesquisas recentes dizem?

Mãe se divertindo com seu filho

Alguns estudos definiram que a idade mais segura para ter filhos continua sendo entre 20 a 35 anos. No entanto, há menos de um ano, o International Journal of Epidemiology publicou os resultados de uma pesquisa realizada com mulheres com mais de 35 anos e seus filhos.

Os resultados foram surpreendentes. Verificou-se que as crianças cujas mães tinham entre 35 e 39 anos obtiveram pontuações significativas nos testes de capacidade cognitiva verbal. De fato, elas obtiveram notas melhores do que os filhos de mães mais jovens.

Mas por que os resultados foram diferentes nas décadas anteriores? As diferenças dependiam de alguns fatores, como:

  • As crianças avaliadas foram as últimas a serem concebidas. Essa condição implicava que as crianças recebessem menos atenção e cuidado.
  • Condição financeira. As famílias com um maior número de crianças costumavam ter menos renda e oportunidades. Por esse motivo, não tiveram acesso a bons serviços de nutrição e saúde. Como resultado, as deficiências afetaram negativamente o seu desenvolvimento.

Portanto, se você estiver se aproximando dos 35 e quiser ser mãe, recomendamos que você leia este artigo para ter mais confiança e informações, e assim tomar uma boa decisão.

Quais são as vantagens de ser mãe aos 35 anos?

1. Enfrentando a maternidade com mais maturidade

Este ponto não significa que as mães mais jovens não possam desempenhar seu papel com prudência. No entanto, aos 35 anos as mulheres estão muito mais conscientes dos riscos da gravidez. Elas tentam cuidar melhor de si e, acima de tudo, contemplar e planejar possíveis mudanças em suas vidas.

2. Maior estabilidade financeira

Mãe com sua filha bebê em casa

Geralmente, aos 35 anos, há um maior suporte acadêmico e profissional, o que gera uma estabilidade financeira mais consolidada. Como resultado, os pais podem dar mais tempo e atenção aos filhos.

3. Mais experiência

A respeito do tema da maternidade, a experiência nunca é suficiente. Qualidades como compreensão, empatia, paciência, entre outras, nos permitem lidar positivamente com os desafios da maternidade.

Além disso, a jornada que foi feita ao longo da vida, com experiências de diferentes tipos, ajuda a ser um bom exemplo para as crianças.

4. Estabilidade emocional

Mãe com seu filho no colo

Ao longo dos anos, temos um conhecimento maior de nós mesmos, trabalho que é difícil durante a flor da juventude. Aprendemos a tomar decisões, aceitar nossos erros, sermos resilientes e desenvolver relacionamentos mais estáveis.

Essas bases enriquecem a educação e o relacionamento com as crianças. De fato, elas proporcionam uma maior estabilidade emocional. Este ambiente propiciará a criação de um ambiente psicológico mais saudável, maior segurança e um bom exemplo para as crianças.

5. Aumenta a expectativa de vida

Outra pesquisa descobriu que as mulheres que dão à luz depois dos 33 anos de idade têm uma probabilidade duas vezes maior de viver mais tempo do que aquelas que tiveram seu último filho aos 29 anos. Ou seja, haverá uma maior possibilidade de desfrutar das crianças, embora a maioria das pessoas diga o contrário.

6. Estilo de vida mais saudável

Mãe brincando com seu filho

É muito provável que pessoas com mais de 30 anos compreendam melhor as necessidades do seu corpo. Em outras palavras, é mais certo que elas prestarão mais atenção à própria saúde. Isso inclui alimentação saudável e a prática de exercícios.

Você não precisará mudar muito seus hábitos assim que decidir ter um bebê, pois já terá um estilo de vida equilibrado e saudável.

Conclusões

Em resumo, a qualidade de vida da mãe e o número de filhos influenciam diretamente o desenvolvimento das crianças.

O que você acha? Definitivamente, ser mãe aos 35 anos tem muitas vantagens. No entanto, não devemos esquecer que a gravidez em idades avançadas também traz alguns riscos. Por esta razão, sugerimos que você discuta este assunto com um especialista para que possa se informar da melhor maneira possível.