Tratamento farmacológico para as diferentes anemias

O tratamento farmacológico das anemias depende da causa da doença. É fundamental chegar a um diagnóstico preciso para escolher a opção terapêutica correta.
Tratamento farmacológico para as diferentes anemias

Última atualização: 14 Junho, 2021

O tratamento farmacológico das anemias irá variar dependendo do tipo de causa que originou a anemia do paciente. Nem todas as anemias têm a mesma origem, por isso as opções terapêuticas variam.

A anemia é uma patologia que tem como sintoma a diminuição dos níveis de oxigênio no sangue. Isso acontece quando a concentração de hemoglobina, que é uma molécula rica em ferro presente nas hemácias, diminui.

Para resolver esse problema, temos diferentes opções terapêuticas eficazes que veremos ao longo do artigo. O tratamento farmacológico das anemias baseia-se, principalmente, em ajustar ou corrigir sua causa específica. Dentre as opções terapêuticas, encontramos:

  • Terapia de reposição de nutrientes básicos.
  • Estimulantes da hematopoiese.
  • Imunossupressores.
  • Transplante de medula óssea.

Quais são as possíveis causas das anemias?

São três as causas principais das anemias. Em primeiro lugar, ela pode ser desencadeada quando o próprio organismo não produz glóbulos vermelhos suficientes, que são os glóbulos que contêm hemoglobina. A hemoglobina é a molécula que transporta oxigênio por todo o corpo.

Em segundo lugar, elas também podem ser causadas ​​por um sangramento excessivo, devido a uma lesão ou à menstruação nas mulheres. Muitas mulheres jovens precisam de suplementos de ferro por esse motivo. A terceira causa mais comum são as doenças autoimunes que destroem os glóbulos vermelhos.

Níveis de hemoglobina baixos
Na anemia, os níveis de hemoglobina são baixos.

Opções de tratamento farmacológico para as anemias

Terapia de reposição de nutrientes básicos

Esta primeira opção de tratamento farmacológico da anemia consiste em tomar suplementos que auxiliam e contribuem para a síntese da eritropoietina, que é uma proteína necessária para a formação de novos glóbulos vermelhosEntre esses suplementos, geralmente dois são mais indicados:

  • Sais de ferro: seu valor terapêutico aumenta quando se trata de anemia ferropriva.
  • Vitaminas: especificamente vitamina B12 ou cobalamina, vitamina B6 ou piridoxina e ácido fólico ou vitamina B9. Essas vitaminas são essenciais para a síntese dos glóbulos vermelhos.

Estimulantes da eritropoiese ou síntese de eritropoietina

Outro tratamento farmacológico para as anemias pode ser a administração de estimulantes da eritropoiese. Esses medicamentos promovem a criação de glóbulos vermelhos na medula óssea.

São usados, sobretudo, em anemias que causam insuficiência renal crônica. Além disso, também são indicados para reduzir o número de transfusões de sangue necessárias durante certas operações importantes, bem como no pós-operatório.

Alguns desses agentes são:

  • Eritropoietina: é um fator estimulador da diferenciação e maturação dos glóbulos vermelhos. Os níveis de eritropoietina natural aumentam quando os dos glóbulos vermelhos diminuem. É útil apenas nas anemias que cursam com deficiência na produção de eritropoetina, como a insuficiência renal crônica.
  • Fatores estimulantes de colôniasestimulantes granulócitos, tais como o filgrastim ou lenograstim, e estimulantes de granulócitos-macrófagos, tais como o sargramostim, são hormônios que promovem o crescimento de células sanguíneas que são produzidos na medula óssea. Portanto, são úteis em casos de neutropenia por quimioterapia ou em transplante de medula óssea.

Imunossupressores

São medicamentos que enfraquecem o sistema imunológico e, portanto, são úteis em patologias em que o próprio sistema imunológico ataca ou prejudica o paciente. Alguns tipos de anemias têm sido relacionados a um mau funcionamento desse sistema de defesa natural. Portanto, esses medicamentos são prescritos para tratar essas patologias.

Remédios para a anemia
Os imunossupressores são uma opção para as anemias que são baseadas em uma doença autoimune.

Transplante de medula óssea

Esse tratamento tem proporcionado ótimos resultados em algumas anemias. Isso vem ocorrendo, por exemplo, na anemia falciforme, que tem um número considerável de afetados. Esta doença faz com que os glóbulos vermelhos se tornem rígidos, pegajosos e em forma de foice. Já foi realizado um transplante especializado de medula óssea que reverteu essa doença com sucesso.

Porém, apesar dos bons resultados obtidos com essa prática, é necessária a realização de exames de acompanhamento para uma melhor avaliação da terapia, uma vez que ela ainda é experimental.

Tratamentos diferentes para anemias diferentes

Conforme explicamos neste artigo, dependendo do tipo de anemia de que o paciente sofre, diferentes opções de tratamento podem ser oferecidas. Aconselhamos que você consulte o seu médico se tiver dúvidas e que decida com ele qual é a abordagem mais adequada para o seu quadro.

Pode interessar a você...
Conheça os diferentes tipos de anemia
Melhor Com SaúdeLeia em Melhor Com Saúde
Conheça os diferentes tipos de anemia

A anemia não é uma doença em si, mas se deve principalmente à uma deficiência nutricional. Conheça mais sobre os tipos de anemia.