As sementes de chia, um remédio natural contra a prisão de ventre

· 29 de novembro de 2018
Graças ao seu teor de fibras solúveis e insolúveis, as sementes de chia favorecem o trânsito intestinal, ao mesmo tempo em que nos ajudam a controlar o colesterol.

É possível dizer que as sementes de chia estão “na moda”. Temos ouvido falar bastante sobre esse superalimento que, apesar do seu tamanho, carrega uma grande quantidade de nutrientes e benefícios para a nossa saúde.

A chia pode nos ajudar de diferentes formas, mas uma delas, que não costuma ser muito conhecida pelas pessoas, é o combate à prisão de ventre.

Se você sofrer com este problema, que costuma afetar principalmente as mulheres e é muito comum na atualidade, saiba que a chia pode se tornar a sua maior aliada para acabar com a prisão de ventre.

Conheça mais sobre o tema neste artigo e não deixe de experimentar esta semente tão benéfica para a saúde e o bem-estar.

Os benefícios das sementes de chia

Sementes-de-chia

Nutricionalmente, as sementes de chia são ricas em proteínas e gorduras saudáveis. Elas são fonte de minerais como o cálcio, magnésio, ferro, zinco, fósforo e manganês.

Além disso, surpreendentemente, são pobres em calorias, sendo portanto uma ajuda inestimável em dietas para a redução de peso de forma saudável.

As sementes de chia também proporcionam uma sensação duradoura de saciedade, evitando exageros alimentares que podemos cometer devido à ansiedade ou a problemas do dia a dia que acabam sendo descontados na comida.

A chia também ajuda a reduzir o colesterol ruim (LDL) e a aumentar o colesterol bom (HDL), por isso vale a pena incluí-la na dieta se seus níveis estiverem altos demais.

Estas pequenas sementes também são a fonte vegetal mais rica em ácidos graxos ômega 3, e também contêm ômega 6. Ambos são importantes para a saúde e o funcionamento ótimo do cérebro.

Elas também são ricas em antioxidantes e diversos aminoácidos essenciais, sendo portanto uma fonte completa de proteínas.

Todos estes são benefícios importantes, mas o fator principal presente na chia sobre o qual queremos falar neste artigo são as fibras, fundamentais para combater a prisão de ventre.

Sementes de chia contra a prisão de ventre

Prisao-de-ventre-e-chia

Se você sofrer com a prisão de ventre, sabe o quanto ela pode ser incômoda e reduzir a nossa qualidade de vida, atrapalhando até as atividades corriqueiras do dia a dia.

Uma chave para acabar com a prisão de ventre é a presença de fibras na dieta, e é aí que as sementes de chia podem se tornar as nossas maiores aliadas.

Como comparação, 3 colheres de sopa de chia possuem a mesma quantidade de fibras de 100 g de aveia, alimento que já é considerado rico em fibras.

A chia é muito rica em fibras, oferecendo uma combinação de fibras solúveis e insolúveis em sua composição. Elas ajudam a melhorar o processo digestivo, o trânsito intestinal, e ainda limpam o intestino.

As fibras solúveis absorvem água e permitem que ela se mantenha junto às fezes, tornando-as mais macias e maiores, sendo movidas com mais facilidade pelo intestino.

Já as fibras insolúveis contribuem para aumentar a quantidade de material fecal, favorecendo o trânsito e prevenindo a constipação.

Dessa forma, fazer das sementes de chia uma parte da sua dieta pode ajudar, e muito, a reduzir o problema da prisão de ventre e ter um processo digestivo e de evacuação muito mais saudável.

Recomendamos a leitura: Melhore a digestão de alimentos gordurosos

Como consumir as sementes de chia

Chia-para-combater-a-prisao-de-ventre

Mesmo sabendo tudo a respeito dos benefícios das sementes de chia, muitas pessoas ficam com dúvida em relação a como consumi-las.

Devido ao seu alto teor de fibras, alguns cuidados devem ser observados para que o organismo não estranhe este novo alimento, e para que possamos aproveitar da melhor maneira todos os seus benefícios.

1. Comece devagar

A consistência gelatinosa das sementes é algo novo ao qual o organismo vai precisar se adaptar, por isso a recomendação é começar devagar.

A quantidade recomendada costuma variar entre 2 a 6 colheres de sopa diárias de chia, mas o ideal é começar com apenas uma e ir aumentando a quantidade gradualmente, deixando que o seu corpo se acostume.

2. Aumente o consumo de água

Uma maior ingestão de fibras pede um maior consumo de água, caso contrário, elas podem ter o efeito contrário ao que queremos e complicar ainda mais o problema da prisão de ventre.

Por este motivo, não se esqueça de ingerir pelo menos dois litros de água todos os dias.

Leia também: Não beber água suficiente pode causar muitos problemas

Evite também bebidas que contenham cafeína, já que elas podem prejudicar a hidratação do organismo.

3. Deixe as sementes de chia de molho

Para aproveitar todos os benefícios das sementes de chia, o ideal é deixá-las de molho antes do consumo. Desta maneira, elas irão absorver a água antes de serem ingeridas, prevenindo que elas absorvam água em excesso quanto entrarem no sistema digestivo.

O tempo mínimo para deixá-las de molho é de 15 minutos.

4. Ideias para o consumo

Você pode incorporar as sementes de chia a vitaminas e batidas de frutas e vegetais, sucos, doces, bolos e massas em geral e na tapioca.

Elas também combinam bem com iogurtes, cereais, aveia e frutas, podendo fazer parte de um café da manhã muito saudável. Algumas pessoas também as consomem em saladas.

Escolha a sua forma preferida e aproveite tudo o que a chia tem a oferecer para a nossa saúde!

  • Taga, M. S., Miller, E. E., & Pratt, D. E. (1984). Chia seeds as a source of natural lipid antioxidants. Journal of the American Oil Chemists’ Society. https://doi.org/10.1007/BF02542169