4 remédios para tratar a flatulência naturalmente

15 Setembro, 2020
As propriedades carminativas e anti-inflamatórias de alguns ingredientes naturais nos permitem combater a flatulência. Saiba mais detalhes a seguir.

Se você está procurando uma maneira de tratar a flatulência naturalmente, deve saber que algumas plantas medicinais podem ser muito eficazes nesse objetivo: cominho, funcho, canela e gengibre.

Descubra neste artigo quais são as suas propriedades para reduzir os gases e melhorar a digestão, além de informações a respeito de como consumi-las. Também compartilharemos algumas dicas que serão de grande ajuda para lidar com esta situação.

Remédios para tratar a flatulência naturalmente

1. Cominho

Propriedades do cominho
O cominho tem propriedades carminativas que ajudam no tratamento da flatulência.

Adicionar um pouco de cominho (Cuminum cyminum) às refeições pode ser muito útil para combater a flatulência, como mostram diferentes estudos. Ele é especialmente benéfico se for adicionado àqueles pratos que nos causam mais inchaço, como os à base de leguminosas.

O cominho também ajuda a reduzir a dor abdominal que os gases causam. Em geral, por ser rico em aldeído cuminico, favorece uma boa função gastrointestinal.

O cominho preto (Nigella sativa) também é citado como uma solução eficaz, pois é rico em alcaloides e óleos voláteis. Neste caso, propõe-se combiná-lo com mel e outras plantas medicinais.

2. Funcho

O segundo remédio para tratar a flatulência naturalmente é o funcho. Suas sementes, raízes e folhas são usadas para facilitar a expulsão de gases do trato digestivo.

O funcho é uma planta medicinal muito comum em remédios digestivos, especialmente para combater o inchaço abdominal que surge depois de comer. Além disso, também é um bom regulador intestinal, tanto para a constipação quanto para a diarreia. 

Você pode tomar uma infusão de funcho e também adicioná-lo cru às suas saladas, sucos, batidas, ensopados, etc. Também pode consumi-lo em cápsulas ou usar seu óleo essencial para massagear o abdômen.

Talvez você possa se interessar: 3 infusões de funcho para perder peso

3. Canela

A canela é um tempero muito popular que se destaca pelas suas virtudes anti-inflamatórias, antimicrobianas, antioxidantes, antidiabéticas e anticancerígenas. Portanto, também é um poderoso remédio digestivo.

A canela é muito benéfica quando o assunto é tratar naturalmente a flatulência e aliviar os gases em geral. Também é recomendada em casos de indigestão, parasitas intestinais e para melhorar a função hepática.

Não deixe de ler: Conheça as propriedades da canela

4. Gengibre

Formas de utilizar o gengibre
Por suas propriedades anti-inflamatórias e digestivas, o gengibre pode ajudar a aliviar os gases e a indigestão.

Por último, o gengibre é um excelente remédio para o sistema digestivo. Esta raiz se destaca pelo seu teor de gingerol, um composto que aumenta a atividade gastrointestinal. Além de ter propriedades carminativas, também é um bom laxante natural que não irrita o intestino.

Você pode consumir gengibre seco (em pó) ou fresco. Pode prepará-lo no chá ou adicionar a todos os tipos de preparações, sopas, sucos, batidas, peixes, etc., pois ele tem a capacidade de melhorar o sabor dos alimentos e proporcionar suculência.

Leia também: 13 razões para usar gengibre diariamente

A seguir, compartilharemos algumas dicas que, juntamente com os remédios medicinais que mencionamos, podem nos ajudar a evitar definitivamente a flatulência:

  • Uma das causas da flatulência é comer da maneira errada. Devemos nos acostumar a mastigar bem os alimentos, sem pressa e em um ambiente calmo e sem estresse.
  • Também devemos evitar conversas e discussões durante esse período. Se alguns tópicos mais delicados forem abordados, tente torná-los agradáveis ​​e positivos. Lembre-se de que as más energias também são digeridas.
  • As pessoas mais propensas aos gases devem optar por refeições simples e de fácil digestão, sem combinar muitos alimentos ao mesmo tempo. Evite a presença de laticínios em pratos mais elaborados, por exemplo, bem como os vegetais crucíferos, que tendem a causar gases.
  • Comer mais do que o nosso sistema digestivo precisa também favorece a flatulência, pois é uma sobrecarga para o estômago. Portanto, é preferível comer mais vezes, mas em menor quantidade. 
  • Evite beber muita água enquanto come. É mais saudável fazê-lo ao longo do dia, fora das refeições.
  • Não coma se não estiver com fome.
  • Evite os alimentos que costumam lhe causar gases. Se suspeitar de alguma intolerância alimentar, consulte um médico para fazer os exames relevantes.

Agora você já conhece alguns remédios à base de plantas para tratar naturalmente a flatulência. No entanto, também deve fazer algumas mudanças na sua dieta e na sua maneira de comer para evitar os gases.

  • Hammouda, F. M., Saleh, M. A., Abdel-Azim, N. S., Shams, K. A., Ismail, S. I., Shahat, A. A., & Saleh, I. A. (2014). Evaluation of the essential oil of Foeniculum vulgare Mill (fennel) fruits extracted by three different extraction methods by GC/MS. https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC4202632/
  • Larijani, B., Esfahani, M. M., Moghimi, M., Shams Ardakani, M. R., Keshavarz, M., Kordafshari, G., … Zargaran, A. (2016). Prevention and Treatment of Flatulence From a Traditional Persian Medicine Perspective. Iranian Red Crescent Medical Journal. https://doi.org/10.5812/ircmj.23664
  • Rehman, R., Akram, M., Akhtar, N., Jabeen, Q., Saeed, T., Shah, S. M. A., … Asif, H. M. (2011). Zingiber officinale Roscoe (Pharmacological Activity). Journal of Medicinal Plants Research.
  • Iran Red Crescent Med J. 2016 Apr; 18(4): e23664. Published online 2016 Jan 31. Prevention and Treatment of Flatulence From a Traditional Persian Medicine Perspective. doi: 10.5812/ircmj.23664
  • Biomed Res Int. 2014; 2014: 842674. Published online 2014 Aug 3. Foeniculum vulgare Mill: A Review of Its Botany, Phytochemistry, Pharmacology, Contemporary Application, and Toxicology. doi: 10.1155/2014/842674
  • Gruenwald, Joerg & Freder, Janine & Armbruester, Nicole. (2010). Cinnamon and Health. Critical reviews in food science and nutrition. 50. 822-34. 10.1080/10408390902773052.
  • Indian J Exp Biol. 1999 Mar;37(3):238-42. Anti-oxidant effects of cinnamon (Cinnamomum verum) bark and greater cardamom (Amomum subulatum) seeds in rats fed high fat diet . https://pubmed.ncbi.nlm.nih.gov/10641152/
  • Food Funct. 2015 Mar;6(3):910-9. Anti-inflammatory activity of cinnamon (C. zeylanicum and C. cassia) extracts – identification of E-cinnamaldehyde and o-methoxy cinnamaldehyde as the most potent bioactive compounds. doi: 10.1039/c4fo00680a.
  • Singletary, Keith. (2010). Ginger: An Overview of Health Benefits. Nutrition Today. 45. 171-183. 10.1097/NT.0b013e3181ed3543.