3 remédios naturais para o melasma

2 de março de 2020
Os melasmas são manchas que costumam surgir durante a gravidez. A seguir, vamos descobrir como atenuá-los com remédios e tratamentos naturais.

O melasma, conhecido cientificamente como hipermelanose facial, costuma afetar mulheres grávidas, mas alguns estudos também identificaram a sua presença em homens. Felizmente, existem remédios naturais para o melasma que podem servir como um complemento das indicações médicas.

Como identificar um melasma? Se você tiver manchas marrons, cor de café, nas bochechas ou na testa, pode ser que esteja diante de uma discromia que pode ser um melasma. A seguir, veremos alguns tratamentos naturais que podem nos ajudar a melhorar a aparência da pele nessas situações.

Remédios naturais para o melasma

1. Extrato de pinheiro francês

Cápsulas contra o melasma

Segundo estudos, o efeito despigmentante do extrato de pinheiro francês deu resultados positivos em casos de pigmentação facial, sendo eficaz como remédio contra o melasma. De acordo com informações das pesquisas realizadas, o tratamento foi seguro e eficaz.

As conclusões foram claras. O tratamento com o extrato de pinheiro francês foi um sucesso, o que melhorou a qualidade de vida dos pacientes e a aparência da sua pele. Esse remédio aumenta a hidratação e a elasticidade, além de ajudar a retardar os sinais do envelhecimento.

Para se beneficiar deste primeiro remédio, é necessário consumi-lo por via oral. O extrato de pinheiro francês é comercializado em suplementos com o nome de picnogenol.

Saiba mais: 3 tratamentos para reduzir as manchas causadas por melasma

2. Vitamina C

Este é outro dos remédios naturais para o melasma e consiste em fornecer vitamina C para a pele. Por que essa vitamina é tão importante? Porque possui uma poderosa ação antioxidante que ajuda a pele a parecer mais brilhante, mais elástica e ter uma aparência mais uniforme.

Da mesma forma, favorece a eliminação de todas as manchas que possa apresentar. Como podemos utilizar esta solução?

  • Ela pode ser aplicada topicamente adquirindo o concentrado de vitamina C em qualquer loja natural.
  • Use o concentrado à noite com a pele limpa.
  • Aplique como soro ou óleo.
  • Se você tem a pele muito seca, pode usar o seu creme hidratante favorito por cima.

Você pode gostar de ler:  Tratamento para atenuar o melasma à base de iogurte, banana e limão

3. Peloides de “Santa Lúcia”

Remédio de argila contra o melasma

Este último remédio para o melasma também foi estudado e os resultados foram bastante encorajadores. Os peloides de “Santa Lúcia” são conhecidos como “lama medicinal”. São compostos por água mineromedicinal e um componente sólido, que é o que lhe confere a aparência de lama.

Suas propriedades ajudam a tratar problemas de pele como a psoríase e a acne. Seus benefícios também permitem melhorar o melasma presente na pele. No entanto, como podemos usar esse remédio natural?

  • Ele pode ser comprado na forma de uma máscara.
  • Aplique diretamente sobre a pele de acordo com as indicações da embalagem.

Todos os remédios para o melasma mencionados aqui são naturais. Isso significa que, apesar dos bons resultados observados, é necessário ser constante em sua aplicação para ver como as manchas começam a desaparecer progressivamente.

Se você tiver qualquer outra condição de pele ou estiver seguindo um tratamento, é importante informar o seu dermatologista. Além disso, vale lembrar que ainda são necessários mais estudos que comprovem a eficácia dos remédios aqui expostos. 

  • Estrella, V, Nipotti, J, Orive, M, & Fernández Bussy, R. (2015). La piel y sus nutrientes. Revista argentina de dermatología96(2), 117-133. Recuperado en 04 de marzo de 2019, de http://www.scielo.org.ar/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1851-300X2015000200010&lng=es&tlng=es.
  • Jiménez, A. Y. P. (2010). Uso de los peloides de “Santa Lucía” en el Acné Polimorfo. MediCiego16(2).
  • Pérez Jiménez, A. Y., García, M. F., López, A. M., Martín, J. M. M., & García, L. F. (2012). Uso de los peloides de “Santa Lucía” en el melasma. Mediciego18(s1).