Quais são as principais intolerâncias alimentares?

· 6 de maio de 2019
As alergias e intolerâncias têm alguns sintomas semelhantes. O que as difere é que as intolerâncias alimentares apresentam apenas algum tipo de desconforto específico.

Em primeiro lugar, a comida é a principal fonte de energia do corpo. Precisamos de uma ingestão diária de diferentes grupos de alimentos para a nossa nutrição correta. No entanto, muitas pessoas têm intolerâncias alimentares que dificultam a manutenção de uma dieta equilibrada, nutricionalmente falando.

Isso acontece se depois de ter consumido certos tipos de alimentos, você tenha sentido sintomas desagradáveis. Por essa razão, neste artigo vamos falar sobre quais são as principais intolerâncias alimentares e os sintomas associados a elas.

Diferença entre intolerâncias e alergias alimentares

Sem dúvida, é importante saber que existe outra situação diferente da intolerância alimentar, chamada alergia alimentar, e isso não é o mesmo que intolerância alimentar. No primeiro, o sistema imunológico está envolvido. 

A intolerância deve-se, geralmente, à falta de componentes necessários para a correta digestão do alimento desencadeante, mas sem a ação do sistema imunológico. No entanto, há uma exceção, o glúten. Assim então, a intolerância ao glúten também apresenta alterações do sistema imunológico.

Uma pessoa que é alérgica a qualquer alimento não pode ingerir nem mesmo pequenas quantidades dele. No entanto, se o paciente tiver alguma intolerância alimentar, ele poderá ingerir uma quantidade mínima de alimentos sem inconvenientes.

Sintomas das intolerâncias alimentares

Embora certos alimentos possam causar uma alergia e uma intolerância, em ambas as situações sintomas semelhantes são desencadeados, mas de origem diferente. Por outro lado, como já mencionamos, alguns sintomas são de natureza imunológica e outros não.

Confira ademais: Intolerâncias alimentares: tudo o que você precisa saber

Nas alergias, os sintomas mais comuns são:

  • Urticária.
  • Erupções.
  • Inchaço dos lábios ou pálpebras.
  • Vermelhidão ocular.
  • Tosse.
  • Diarreia e vômito.
  • Congestão nasal.
  • Dificuldade para respirar.
  • Hipotensão.

Em relação às intolerâncias alimentares, elas apresentam sintomas semelhantes, porém mais leves. Entre esses sintomas podemos mencionar:

  • Dor abdominal.
  • Gases.
  • Diarreia.
  • Distensão abdominal.

Primeiramente, é importante que você saiba que as alergias geralmente aparecem após 30 a 60 minutos da ingestão e podem se tornar graves. Pelo contrário, os sintomas da intolerância alimentar podem levar mais tempo para aparecer e ter um caráter mais brando.

Agora, como já sabemos as principais diferenças entre as alergias e intolerâncias alimentarias, é hora de mencionar quais são as intolerâncias alimentares mais comuns.

Intolerância à lactose

Intolerância à lactose

Acontece devido à incapacidade do sistema digestivo de digerir a lactose, que é o açúcar no leite. Essa intolerância alimentar é causada pelo déficit na produção, pelo organismo, de uma enzima chamada lactase. Além disso, a lactase é responsável pela digestão e, consequentemente, pela sua absorção correta. Esta condição pode ser transitória ou permanente.

Intolerância ao glúten ou doença celíaca

Em primeiro lugar, você deve saber que o glúten é uma glicoproteína presente em muitos alimentos, como o trigo, a aveia ou a cevada. Na intolerância ao glúten, o intestino delgado não é capaz de digeri-lo e, consequentemente, ocorre uma reação inflamatória a nível intestinal. Em geral, este tipo de intolerância é mantido ao longo da vida.

Então, podemos concluir que é uma intolerância alimentar baseada em autoimunidade. Os principais sintomas são os seguintes e podem estar ausentes ou atípicos:

  • Perda de peso e apetite.
  • Náusea e vômito.
  • Diarreia.
  • Perda de massa muscular.

Intolerância à sacarose

Consiste em uma intolerância ao açúcar comum. É devido à falta de uma enzima chamada sacarose. Certamente, esta ausência da enzima dificulta a digestão correta da sacarose. Devido a isso, os sintomas já conhecidos como diarreia, flatulência ou dor abdominal se desenvolvem, além de outros.

Não deixe de ler: 10 cardápios para quem tem intolerância à lactose

Intolerância à frutose

Intolerância à frutose

A frutose, também conhecida como levulose, é o açúcar presente nas frutas, certos vegetais e mel. Agora, se o seu intestino for incapaz de digerir esse tipo de açúcar, você apresentará os sintomas típicos de intolerância alimentar depois de consumir esse tipo de alimento.

Sem dúvida alguma, é muito importante que você vá a um profissional antes da suspeita de estar sofrendo de alguma intolerância alimentar. Certamente, essa condição pode causar inúmeros problemas de saúde como resultado da má absorção de nutrientes necessários para o bom funcionamento do seu corpo.

Às vezes, para alguns casos, exames especializados serão recomendados pelo seu médico para identificar o agente causador do seu desconforto e seguir um tratamento apropriado.

  • Ortolani, C., & Pastorello, E. A. (2006). Food allergies and food intolerances. Best Practice and Research: Clinical Gastroenterology. https://doi.org/10.1016/j.bpg.2005.11.010
  • Turnbull, J. L., Adams, H. N., & Gorard, D. A. (2015). Review article: The diagnosis and management of food allergy and food intolerances. Alimentary Pharmacology and Therapeutics. https://doi.org/10.1111/apt.12984
  • Montalto, M., Santoro, L., D’Onofrio, F., Curigliano, V., Gallo, A., Visca, D., … Gasbarrini, G. (2008). Adverse reactions to food: Allergies and intolerances. Digestive Diseases. https://doi.org/10.1159/000116766