Você é uma pessoa intolerante?

A pessoa intolerante não é capaz de aceitar seus erros nem costuma levar em consideração a opinião dos outros.
Você é uma pessoa intolerante?

Última atualização: 14 Agosto, 2021

Você se acha uma pessoa intolerante? Em caso afirmativo, talvez já tenha ouvido que tem uma mentalidade “primitiva” com crenças ultrapassadas que poucos ainda mantêm. A pessoa intolerante carrega consigo inúmeros preconceitos e é influenciada por estereótipos ou ideias que os outros podem incutir nela.

Certamente, o intolerante não é um tipo de indivíduo que convive bem com muitas pessoas, principalmente se for muito apegado às suas crenças sociais, sexuais, raciais ou religiosas.

Características de uma pessoa intolerante

Você é uma pessoa intolerante?

É hora de sermos honestos com nós mesmos e de podermos dizer “sim, eu me identifico com essa descrição”.

É normal ser intolerante. Talvez todos nós, em algum momento, já tenhamos sido. O grande desafio é ter consciência disso e tentar mudar esta característica. 

1. A pessoa intolerante discrimina

Você gosta dos relacionamentos abertos? A sua orientação sexual é diferente? Pessoas intolerantes ficam enfurecidas diante destas situações e o mais curioso é que, na verdade, elas não sabem bem por quê.

Elas simplesmente rejeitam e ofendem os outros com seus comentários discriminatórios. Isso acontece porque elas estão cheias de preconceitos.

Se ouvirem de um terceiro que uma determinada pessoa tem um comportamento que não aprovam, vão tratá-la mal e não vão permitir que prove o contrário.

2. Fanática pelas suas próprias ideias

Homem preso em galhos de flores

O intolerante, assim como rejeita com grande intensidade, também defende suas idéias e crenças da mesma forma.

A situação é tão exagerada que há apenas duas opções para os outros: se afastarem ou apoiá-los. Com estes últimos eles formam grupos, o que leva a um fanatismo de grupo que causa múltiplos conflitos.

No entanto, é preciso ter cuidado. O psicoterapeuta Steven Stony, autor de vários livros sobre convivência, alerta que você pode ser intolerante em nome da tolerância. Ou seja, defendemos nossas ideias de tolerância e consideramos intolerantes aqueles que não concordam conosco.

Há casos em que uma pessoa não tem permissão para falar e se expressar por ser considerada intolerante. O certo, neste caso, é ouvi-la e discutir ideias e divergências com respeito.

O ideal é aceitar que existem diferenças e aprender a conviver com os opostos.

3. Não ouve o que não quer ouvir

É importante defender as suas ideias, mas saber que você nem sempre terá razão e que os outros, com os seus comentários e argumentos, podem fazer com que mude de ideia.

O intolerante dá um passo à frente e, para que isso não aconteça, decide não ouvir os outros. Desta forma, não corre o risco de que suas fortes crenças sejam alteradas.

Isso causa um grande problema, pois você nunca levará em consideração a opinião dos outros, o que criará conflitos nos seus relacionamentos interpessoais.

4. Explode diante do menor problema

Obra de arte com rosto abstrato

O que acontece quando você mostra a alguém que ele está errado? Ele pode aceitar sua visão, mas também pode ficar com raiva e repreendê-lo por não compartilhar os mesmos pensamentos.

A pessoa intolerante não leva em consideração a sua opinião, então, se você insistir para que ela o escute, ela ficará furiosa. Quem discrimina acaba se tornando muito hostil.

5. Não aceita bem as críticas

Se alguém o criticar ou se atrever a censurá-lo, a resposta não será agradável. A pessoa intolerante não aceita que está fazendo algo errado.  Na verdade, quando alguém a critica, ela pensa que quem está errado é o outro.

Ela nunca tentará avaliar e entender se está equivocada. Ela é tão intolerante que acaba se tornando inflexível.

O respeito pelos demais

Algo que as pessoas intolerantes desconhecem é o respeito pelos outros em todos os sentidos. Seja por opiniões, culturas, raças ou qualquer assunto polêmico.

O que enriquece o ser humano é a diversidade de personalidades, crenças, educação. Tudo isso amplia a nossa visão.

E quanto às opiniões dos demais? Será que sempre estamos certos? Todos nós cometemos erros e podemos estar errados em nossa visão das coisas.

Falar e ouvir os outros nos permitirá saber se estamos certos ou não. De pessoas intolerantes, é melhor ficar bem longe.

Pode interessar a você...
Você sabia que ouvir pessoas que reclamam o dia todo esgota a sua energia?
Melhor Com SaúdeLeia em Melhor Com Saúde
Você sabia que ouvir pessoas que reclamam o dia todo esgota a sua energia?

Você sabia que ouvir pessoas que reclamam o dia todo esgota a sua energia? Não deixe que essa negatividade afete a sua vida.