Perguntas frequentes sobre a artrite

11 Maio, 2020
A artrite está relacionada à forma física, estilo de vida, ocupação e genética. Existem diferentes variedades e formas de apresentação, tanto para os homens quanto para as mulheres.
 

Nesse artigo, vamos oferecer as respostas para algumas das principais perguntas frequentes sobre a artrite. Embora muitas pessoas a utilizem de maneira errada, a palavra artrite se refere à inflamação das articulações. A verdade é que, embora a artrite reumatoide seja a mais conhecida, os dois termos não podem ser usados ​​de forma intercambiável.

Isso acontece porque, na verdade, existem muitos tipos diferentes de artrite. De fato, estima-se que existam quase 100 variedades. Além disso, existem muitas doenças associadas a essa inflamação das articulações, que é acompanhada por dor e rigidez.

Por ser um distúrbio multifatorial e diversificado, é difícil saber exatamente quantas pessoas ele afeta. No entanto, as estatísticas afirmam que 1 em cada 6 pessoas sofre dessa patologia. Portanto, neste artigo, tentaremos responder às perguntas mais frequentes sobre a artrite.

Perguntas frequentes sobre a artrite

Quem costuma ser mais afetado?

A verdade é que a artrite pode afetar pessoas de qualquer idade. Como já mencionamos, o termo artrite simplesmente se refere à inflamação das articulações. Cada uma de suas variedades possui uma série de características próprias e afeta mais frequentemente certas pessoas.

Ainda assim, parece que certos fatores, como genética, ambiente e estilo de vida em geral, estão relacionados. Sabe-se, por exemplo, que quase todos os tipos têm uma incidência mais alta à medida que a idade aumenta.

O estilo de vida e a forma física têm uma influência significativa. Tanto a obesidade quanto o excesso de peso podem causar uma sobrecarga nas articulações inferiores do corpo, como o joelho. Portanto, este pode ser um gatilho para a artrite.

 

No entanto, isso não significa que os atletas estejam completamente a salvo dessa patologia; às vezes acontece o contrário. Os atletas de elite também são mais propensos à artrite devido ao desgaste que sofrem nas articulações.

Além disso, ser homem ou mulher está intimamente relacionado ao tipo de artrite sofrida. Quase 60% das pessoas com artrite são mulheres. No entanto, certas variedades são mais frequentes nos homens, como a gota.

Quem é afetado pela artrite?
A artrite é mais comum nas mulheres do que nos homens.

Leia também: Dicas para prevenir a artrose a partir dos 35 anos

Quais são as causas conhecidas?

Existem certos tipos de artrite que têm uma causa determinada. Sabe-se que certas infecções podem causar o desenvolvimento desta patologia. Algumas dessas infecções são a tuberculose, a gonorreia e a doença de Lyme.

O mesmo ocorre com a gota, que é provocada por um excesso de ácido úrico, que é depositado nas articulações. Por outro lado, deve-se notar que até mesmo a ocupação que você possui pode causar a artrite. Manter a mesma postura por horas continuamente pode desencadeá-la ao longo dos anos.

Quais são os sintomas mais comuns?

A doença geralmente se manifesta na forma de dor e dificuldade de mover a articulação afetada. Às vezes é acompanhada por rigidez na mesma área e inchaço. Ela pode acometer uma única articulação ou muitas ao mesmo tempo. Pode até ser simétrica ou não.

 

Cada tipo tem suas peculiaridades, e a duração dos sintomas é variável. Por exemplo, a artrite reumatoide é uma artrite simétrica que afeta pequenas articulações, como as dos dedos. A gota, por outro lado, geralmente aparece como artrite em uma única articulação.

Artrite nas mãos
A gota é uma artrite que tende a afetar pontualmente os dedões do pé nos homens.

Não deixe de ler: 6 alimentos para o café da manhã que ajudam a melhorar a artrite reumatoide

Como a artrite é tratada?

A grande maioria das artrites não tem cura. Alguns tipos sim, como as relacionadas a uma infecção, já que deter a infeção pode curá-la. No entanto, embora não haja cura para todas, existem tratamentos que permitem reduzir e aliviar os sintomas.

Os anti-inflamatórios não esteroides (AINEs) podem ser usados para reduzir a inflamação e aliviar a dorEles são, quase sempre, o primeiro passo terapêutico. É importante saber que cada tratamento deve ser individualizado e adaptado ao tipo de artrite.

Esperamos que tenhamos conseguido transmitir as respostas para estas perguntas frequentes sobre a artrite. Se você sofre com algum dos sintomas e acredita que está sofrendo dessa patologia, é essencial que você vá ao médico. Ele deve investigar corretamente a causa e estabelecer um plano terapêutico específico para você. Além disso, você pode tirar todas as dúvidas que tiver.

 
  • Preguntas frecuentes sobre artritis | ASAPAR. (n.d.). Retrieved February 3, 2020, from http://www.asapar.com/faq.htm
  • Preguntas frecuentes | Artritis | CDC. (n.d.). Retrieved February 3, 2020, from https://www.cdc.gov/arthritis/spanish/conceptos-basicos/preguntas-frecuentes.htm
  • Preguntas frecuentes. (n.d.). Retrieved February 3, 2020, from http://espanol.arthritis.org/espanol/la-artritis/preguntas-frecuentes/