Os melhores remédios naturais para insuficiência renal

· 5 de junho de 2018
Para tratar a insuficiência renal é muito importante incluir em nossa rotina alimentos e remédios com propriedades diuréticas que facilitem o trabalho dos rins, bem como algumas técnicas que nos ajudem a cuidar deles.

Neste artigo compartilhamos os melhores remédios naturais para tratar a insuficiência renal, com alimentos e plantas medicinais e técnicas naturais muito eficazes.

Remédios naturais para insuficiência renal

1. Caldo de cebola

Caldo de cebola para tratar insuficiência renal

Os clássicos caldos de cebola são um excelente prato para tratar a insuficiência renal e qualquer outra doença que afete os rins. Graças às suas propriedades diuréticas e anti-inflamatórias elas nos ajudam a aliviar a maioria dos sintomas característicos desses distúrbios.

Para que os caldos de cebola sejam curativos devemos tomá-los em jejum e meia hora antes das refeições. Além disso, nos beneficiaremos de seu alto poder depurativo, graças ao qual podemos eliminar líquidos e toxinas do nosso organismo.

Leia também: Como preparar um remédio de mel e cebola para acalmar a tosse

2. Infusões medicinais

Algumas plantas medicinais podem ser muito benéficas para melhorar a função dos rins:

  • Chalota: a chalota tem a virtude de estimular a função renal. No entanto, pela mesma razão, devemos tomá-la com cautela.
  • Cavalinha: é muito rica em minerais, especialmente em silício. Tem a capacidade de aumentar a produção e eliminação da urina, além de limpar o trato urinário.
  • Dente de leão: o dente de leão é uma planta medicinal muito depurativa e atua tanto nos rins como no fígado.
  • Malva: as flores de malva melhoram as patologias que afetam os rins e o trato urinário.

3. Cataplasma de gengibre

Cataplasma de gengibre para tratar a insuficiência renal

O gengibre é um alimento medicinal muito eficaz para a insuficiência renal e muitas outras doenças. No entanto, neste caso, propomos o seu uso tópico, para se beneficiar do seu poder calorífico, estimulante e anti-inflamatório.

Como fazemos?

  • Vamos preparar uma infusão concentrada de gengibreColocaremos uma toalha seca nas costas, na área correspondente aos rins (entre a dorsal e a lombar).
  • Em cima da toalha seca colocaremos outra, que vamos molhar na infusão de gengibre. Cobriremos as costas inteiras com outra toalha seca, e esperamos 5 minutos.

4. Cupping

A técnica de cupping ou ventosa é um método antigo de cura que causa um efeito local, dependendo da necessidade dessa parte do corpo. A ventosa produz um vácuo que estimula a cura natural da desordem que sofremos. Pode produzir alívio imediato e também funcionar como um tratamento de longo prazo.

  • No caso de insuficiência renal, as ventosas são aplicadas sobre a área correspondente aos rins. Por este motivo, recomendamos que seja um profissional que realize o tratamento.
  • Podemos ter marcas circulares temporárias na pele, semelhantes a contusões. Estas vão desaparecer em poucos dias.

Veja também: 7 sintomas que você experimenta quando seus rins começam a falhar

5. Invólucros para suar

Imagem de insuficiência renal

Para melhorar a função dos rins é essencial ativar a transpiração do nosso corpo. Desta forma, ao eliminar fluidos e toxinas através da pele, aprimora-se a função renal naturalmente, sem a necessidade de tomar medicamentos.

  • Uma maneira de aumentar a transpiração é envolver completamente o corpo com toalhas ou cobertores.
  • Não devemos sentir frio em nenhum lugar, e os tecidos que usamos não devem deixar espaços vazios ou com ar. Permaneceremos por 45 minutos desta maneira, nos quais devemos suar e sentir um grande alívio.

6. Combata o medo

Embora existam muitos fatores que afetam o funcionamento dos rins, geralmente não levamos em conta o papel das emoções negativas em nossos órgãos. No caso dos rins, o que mais os afeta do ponto de vista psicológico é o medo.

Da mesma forma que a raiva afeta o fígado, ou a tristeza danifica os pulmões, o medo constante pode desencadear patologias renais de longo prazo. É verdade que, uma vez ou outra, todos sentimos medo. No entanto, quando vivemos constantemente com esse sentimento, mesmo sem aprender a canalizá-lo ou externá-lo, ele nos deixa doentes.

Por isso, se suspeitarmos que isso pode estar influenciando a saúde de nossos rins, recomendamos procurar um bom profissional, que saiba como nos ajudar a viver de maneira mais calma e relaxada.