6 óleos naturais que favorecem o crescimento do cabelo

16 Setembro, 2020
A aplicação regular de óleos naturais (como coco, rícino ou jojoba) pode contribuir para o crescimento do cabelo, mas também devemos manter uma dieta balanceada e bons hábitos de vida.
 

Você sabe quais são os óleos mais recomendados que favorecem o crescimento do cabelo? Você já usou algum deles?

Para promover o crescimento do cabelo, é necessário manter uma dieta balanceada e outros bons hábitos de vida. Como uma ajuda extra, podemos recorrer à aplicação de certos elementos, como diferentes óleos naturais.

6 óleos que favorecem o crescimento do cabelo

Embora algumas pesquisas específicas tenham sido realizadas para analisar a relação entre o crescimento do cabelo e a aplicação de óleos (vegetais ou essenciais, conforme o caso), não foi encontrada literatura científica que indique que eles são totalmente eficazes em todos os casos e cenários.

Porém, muitos ainda dizem que o uso de óleos pode contribuir para a nutrição dos cabelos e ajudá-los a crescer mais saudáveis e em menos tempo.

Notas importantes

  • Se você tiver uma condição crônica de pele ou pele sensível, é importante consultar seu dermatologista antes de aplicar qualquer óleo no cabelo.
  • Em caso de alergia, é aconselhável colocar algumas gotas de óleo no antebraço e avaliar a reação por alguns minutos. Se não houver nenhum efeito colateral, você pode usar o óleo. Caso contrário, deve suspender seu uso.
  • De acordo com os especialistas da Medical News Today, para promover o crescimento dos cabelos, o melhor a fazer é manter uma alimentação balanceada, variada, completa e suficiente, entre outros bons hábitos de vida.

Cada um escolhe o óleo que mais lhe chama a atenção pela sua composição ou pelo aroma que mais o atrai. Por isso, há quem opte pelo de coco, enquanto outros preferem o de argan ou o de amêndoas.

 

1. Óleo de coco

Óleo de coco

Um dos óleos que favorecem o crescimento do cabelo é o óleo de coco, composto por triglicerídeos de cadeia média. Estes têm a capacidade de penetrar na membrana celular do cabelo para nutri-lo profundamente.

Como usar?

  • Aplique um pouco de óleo de coco no cabelo e couro cabeludo e massageie suavemente por alguns minutos. É aconselhável tentar fazê-lo em várias áreas da cabeça.
  • Ele também pode ser usado como ingrediente-base para máscaras capilares, misturado com abacate amassado, por exemplo.

2. Azeite de oliva

Outro óleo que favorece o crescimento do cabelo é o azeite de oliva. Na verdade, esta é uma das opções mais populares, e hoje pode ser encontrada na fórmula de vários produtos de beleza e cuidados com os cabelos.

O azeite nutre profundamente e deixa os fios macios e brilhantes ao mesmo tempo.

Como usar?

  • O ideal é aplicá-lo diretamente no couro cabeludo e nas pontas do cabelo.
  • Ele pode ser misturado com óleo de alecrim para melhores resultados.
  • Para aproveitar ao máximo seus benefícios, recomenda-se aplicar o azeite de oliva nos cabelos uma vez por semana, como tratamento complementar.

3. Óleo de rícino

Óleo de rícino para o crescimento do cabelo
 

O óleo de rícino é amplamente utilizado para hidratar e promover o crescimento dos cabelos e dos cílios. Tem um aroma suave, por isso não é desagradável.

Como usar?

  • Aplique-o em todo o couro cabeludo e massageie suavemente com movimentos circulares por alguns minutos enquanto ele age.
  • O procedimento pode ser repetido toda vez que os cabelos forem lavados, a fim de proporcionar nutrição e hidratação contínuas aos fios.

4. Óleo de jojoba

Um dos óleos que ajudam no crescimento do cabelo tem uma forma única de proporcionar benefícios. Dizem que, ao contrário de outros óleos essenciais, o óleo de jojoba não penetra no cabelo. Em vez disso, ele reveste o cabelo e sela o folículo piloso, evitando quebras e a queda.

Como usar?

  • Pode ser aplicado no cabelo e couro cabeludo, mas é necessário enxaguá-lo para não deixar uma sensação gordurosa.
  • Outra boa opção é adicionar ⅛ parte do óleo de jojoba ao seu xampu normal e usá-lo normalmente.

5. Óleo de alecrim

Óleo de alecrim para o crescimento do cabelo

O alecrim possui propriedades medicinais de uso interno, além de inúmeros benefícios em seu uso externo. O alecrim é capaz de estimular a circulação sanguínea no couro cabeludo, ajudando a ter um cabelo mais saudável.

 

Acredita-se que este óleo tenha a capacidade de promover o crescimento do cabelo e retardar sua queda. Além disso, combate a caspa e suaviza no caso de cabelos quebradiços.

Como usar?

  • Para começar, pode ser aplicado diretamente no cabelo e no couro cabeludo.
  • Se quiser potencializar seus efeitos, o ideal é aquecer uma colher de sopa de óleo de alecrim com uma colher de azeite de oliva e algumas folhas de alecrim secas. Essa mistura deve ser aplicada em todo o cabelo, deixada por 30 minutos e depois enxaguada.

Por outro lado, como os outros óleos já citados, também funciona como um condicionador hidratante, proporcionando um aspecto sedoso aos cabelos, sem esquecer de controlar a produção de sebo do couro cabeludo para manter as raízes limpas e hidratadas.

6. Óleo de abacate

Óleo de abacate

Outro óleo que favorece o crescimento do cabelo é o óleo de abacate. Destaca-se pelo alto teor de vitaminas e ácidos graxos saudáveis. Por isso, é um dos melhores produtos para o cabelo. 

O abacate contém vitaminas A, B6 e E, que nutrem, reparam e melhoram a saúde dos fios. Além disso, é rico em antioxidantes que aumentam o fluxo sanguíneo para os folículos capilares e, portanto, promovem o crescimento do cabelo.

 

Como usar?

  • Para começar, aqueça uma colher de sopa de óleo de abacate com uma colher de azeite.
  • Em seguida, aplique com uma massagem suave em todo o cabelo e couro cabeludo.
  • Por fim, enrole os cabelos em uma toalha, deixe por 20 minutos e enxágue.

Outros óleos essenciais que favorecem o crescimento do cabelo

Embora os óleos mencionados acima sejam os mais amplamente utilizados, também existem outras opções disponíveis.

Óleo de girassol

O óleo de girassol pode ser muito eficaz em casos de excesso de sebo capilar. Segundo algumas pesquisas, ele regula a concentração de ácido linoleico na pele, resultando na diminuição dos sintomas seborreicos.

Óleo de lavanda

É muito benéfico se, por exemplo, você tiver um couro cabeludo oleoso que produz muito sebo, pois o óleo de lavanda ajuda a equilibrar o pH do couro cabeludo, o que facilita a limpeza do folículo piloso e permite o crescimento de novos fios.

Além disso, vários estudos comprovam seus benefícios para um crescimento mais rápido do cabelo graças ao aumento do fluxo sanguíneo.

Óleo de amêndoas

Como outros óleos para o cabelo, fortalece o couro cabeludo, hidrata e controla o excesso de sebo capilar. Apesar do seu alto teor de vitamina E (sempre associado aos cuidados com os cabelos), não há estudos suficientes para confirmar suas propriedades epiteliais.

O óleo de amêndoas também contém vitaminas do complexo B, que contribuem para o metabolismo da proteína da queratina, fortalecendo o cabelo.

 

Além desses óleos que favorecem o crescimento do cabelo, a alimentação merece atenção

Diante do ressecamento e de outros problemas comuns, muitas pessoas recorrem aos óleos para fazer seus cabelos parecerem saudáveis, longos, brilhantes e sedosos novamente. Sua aplicação como máscara contribui para a saúde capilar, pois hidrata profundamente o couro cabeludo e os fios.

No entanto, para promover o crescimento do cabelo, você precisa manter todo um conjunto de bons hábitos, não apenas aplicar os óleos mencionados. É preciso lembrar que a alimentação também desempenha um papel fundamental.