Os 5 melhores chás para manter a circulação saudável

· 8 de abril de 2016
Ainda que todos estes chás sejam muito benéficos para a nossa circulação, no caso de estar seguindo um tratamento médico específico, consulte seu especialista para saber se pode haver alguma reação adversa.

A circulação sanguínea desempenha um papel fundamental em nossa saúde, já que é responsável por transportar o oxigênio e os nutrientes a todas as células do nosso corpo.

Ter alguma dificuldade ou obstrução no sistema circulatório pode levar ao desenvolvimento de uma série de transtornos que, como resultado, prejudicam a qualidade de vida quando não são controlados a tempo.

O sedentarismo, a má alimentação e as mudanças genéticas, por exemplo, são algumas das principais causas das doenças circulatórias.

Elas são fáceis de detectar porque produzem sintomas bem notáveis, como as veias em forma de teia de aranha, a retenção de líquidos e a fadiga.

É comum sentirmos um forte enfraquecimento, tanto físico quanto mental devido a falta de uma oxigenação adequada do cérebro e demais órgãos.

Por sorte, no amplo catálogo de remédios de origem natural, encontramos uma série de chás que estimulam o adequado fluxo sanguíneo já que são ricos, nutricionalmente falando.

Neste artigo, compartilharemos os 5 melhores chás para que você não hesite em tomá-los como remédios naturais ou método preventivo. Conheça-os a seguir!

1. Chá de cavalinha

Chá de cavalinha para a circulação

O chá de cavalinha é uma bebida natural que nos permite prevenir o endurecimento das artérias e o acúmulo de lipídios, como o colesterol e os triglicerídeos, por exemplo.

Seu consumo não só diminui os transtornos da circulação, como também ajuda a prevenir a formação de trombos ou varizes.

Ingredientes

  • 2 colheres de cavalinha (20g)
  • 1 litro de água

Como fazer?

  • Leve o litro de água ao fogo e, quando ferver, coloque numa jarra com duas colheres de cavalinha.
  • Deixe repousar entre 5 a 10 minutos, coe e, em seguida, consuma o chá.
  • Beba entre uma a duas xícaras por dia, durante um mês seguido.

Veja também: Os melhores alimentos para baixar o colesterol

2. Chá de gengibre para melhorar a circulação

O chá de gengibre é muito fácil de elaborar e, sem dúvida, conta com uma grande quantidade de nutrientes que melhoram a saúde em muitos aspectos.

Suas propriedades anti-inflamatórias e anticoagulantes mantêm a saúde dos vasos sanguíneos, prevenindo, dessa forma, as doenças circulatórias.

Além disso, também atua como um tônico capaz de proteger as paredes arteriais contra o acúmulo de lipídios.

Ingredientes

  • 2 pedaços de gengibre fresco
  • 1 xícara de água
  • Mel e limão (opcional)

Como fazer:

  • Coloque os pedaços de gengibre fresco em uma xícara de água fervente e deixe repousar por 10 minutos.
  • Antes de beber, você pode adicionar mel e limão para que o sabor fique mais agradável.
  • Beba até três xícaras por dia por, no mínimo, duas semanas seguidas.

3. Chá de casca de salgueiro-branco

Chá de casca-de-salgueiro para manter a circulação

A casca do salgueiro-branco é conhecida como uma aspirina natural, pois possui uma forte ação anticoagulante e tem a capacidade de melhorar o fluxo sanguíneo.

Sendo assim, seu consumo regular fluidifica o sangue e evita o aparecimento de doenças cardiovasculares, ataques cardíacos, derrames cerebrais e varizes.

Ingredientes

  • 1 colher de casca de salgueiro-branco (5g)
  • 1 xícara de água (250ml)

Como fazer:

  • Coloque a casca de salgueiro-branco numa xícara de água fervente e, então, deixe repousar por 10 a 15 minutos.
  • Consuma uma vez ao dia, a cada dois ou três dias.

4. Chá de dente-de-leão

O chá de dente-de-leão conta com propriedades diuréticas e purificadoras que reduzem, dessa forma, a presença de toxinas no sangue.

Sendo assim, seu consumo regula os líquidos do corpo e diminui os problemas cardiovasculares associados à má circulação sanguínea.

Ingredientes

  • 1 colher de dente-de-leão (10g)
  • 1 xícara de água (250ml)

Como fazer:

  • Leve a água para ferver e acrescente o dente-de-leão.
  • Deixe ferver por no mínimo dois minutos, retire do fogo e, em seguida, coe.
  • Consuma o chá duas vezes ao dia, por três semanas.

Sob o mesmo ponto de vista, leia também: Dente-de-leão, um remédio para desintoxicar seu corpo naturalmente

5. Chá de alecrim

Alecrim para manter a circulação

O alecrim é uma das ervas mais populares na cozinha, já que dá um toque especial às carnes.

Além disso, a planta conta com propriedades medicinais que valem a pena aproveitar.

Seu consumo sob a forma de chá garante um aporte importante de antioxidantes e moléculas que fluidificam o sangue para melhorar, assim, a circulação.

Ingredientes

  • 1 colher de alecrim seco (5g)
  • 1 xícara de água (250ml)

Como fazer:

  • Leve a água ao fogo até ferver. Quando entrar em ebulição, junte o alecrim.
  • Baixe o fogo e deixe ferver durante cinco minutos. Desligue o fogo e, então, deixe repousar por mais 10 minutos.
  • Passado esse tempo, coe e beba.
  • Tome uma xícara por dia, a cada três dias.

Escolha apenas um dos chás aqui citados e beba de acordo com as recomendações dadas para obter seus benefícios para a circulação.

Mas, atenção! Se acaso você estiver tomando medicamentos ou sofrer de alguma condição de saúde, o mais conveniente é consultar o médico antes de consumir qualquer chá.