3 maneiras simples de tratar o hipotireoidismo

· 7 de janeiro de 2015
O hipotireoidismo pode melhorar se você complementar sua medicação com hábitos de vida e uma alimentação saudável. As infusões também podem ajudá-lo, assim como o exercício diário.

Os problemas de tireoide podem levar a uma diminuição na qualidade de vida. Embora muitos a ignorem, essa glândula intervém nas funções dos sistemas vitais do corpo. Você sabe como tratar o hipotireoidismo? Compartilhamos algumas dicas importantes. 

O hipotireoidismo é apenas uma das alterações que a tireoide pode sofrer. É uma condição cuja principal característica é a diminuição da produção de hormônios tireoides. Isso, por sua vez, desencadeia uma série de sintomas que podem ser difíceis de enfrentar sem os cuidados adequados.

Como é viver com hipotireoidismo?

Muitas pessoas são diagnosticadas com hipotireoidismo a cada ano. É uma doença causada por uma alteração da glândula tireoide, uma mudança onde ela deixa de fornecer ao corpo a quantidade adequada de hormônios da tireoide.

Como resultado disso, os pacientes que sofrem com isso sofrem uma série de mudanças em sua saúde e corpo. Seus principais sintomas incluem: aumento de peso, perda excessiva de cabelo e cansaço extremo. Também podem ter alterações na pele e mudanças repentinas no estado de ânimo.

O problema pode piorar quando não é dada a atenção necessária. Portanto, diante de suas primeiras manifestações, é crucial receber um diagnóstico e várias opções de tratamento. Um controle médico adequado permite lidar com a condição sem afetar as rotinas diárias.

A seguir, queremos compartilhar uma série de dicas para tratar o hipotireoidismo começando pelos hábitos.

Leia também: 16 sinais de que você sofre de hipotireoidismo

3 maneiras naturais de tratar o hipotireoidismo

Para tratar o hipotireoidismo é fundamental seguir as recomendações médicas. Em função da gravidade com que se apresenta, o profissional pode ou não sugerir alguns medicamentos. No entanto, em geral, os pacientes podem melhorar sua condição a partir do estilo de vida.

1. Boa alimentação

Sem dúvida, a alimentação é uma das melhores aliadas para tratar o hipotireoidismo e seus sintomas. Uma alimentação permite reduzir o impacto da diminuição da produção de hormônios. Entre os alimentos recomendados estão aqueles que têm iodo.

Graças a esse nutriente, a produção de tiroxina é aumentada, reduzindo o déficit. Então, quais alimentos devem ser escolhidos? Algumas opções são frutos do mar, ovos, peixe e sal iodado (mas sem exceder). As algas kelp também são muito muito saudáveis, mas também não devemos abusar dela.

  • Os alimentos com ácidos graxos ômega 3 também são muito benéficos. O atum, a cavala, o peixe azul, o óleo de linhaça e as nozes podem te ajudar muito.
  • Vitaminas do Grupo B: consuma todos aqueles vegetais de folhas verdes que você mais gosta, assim como a levedura de cerveja que também ajudará a equilibrar seus níveis de tiroxina. O espinafre, a couve-flor, o germe de trigo e os laticínios podem te fazer se sentir bem.
  • Frutas apropriadas: há frutas benéficas para a tireoide. O suco de limão, por exemplo, faz com que a tiroxina seja melhor distribuída, assim como o suco de laranja. O abacate, tão saudável como sempre, fornece uma dose muito interessante de vitamina B. Também pode ser conveniente tomar suco de toranja todas as manhãs.

2. Ervas medicinais para tratar o hipotireoidismo

Ervas medicinais para tratar o hipotireoidismo

As propriedades de algumas ervas medicinais são um bom complemento para no tratamento do hipotireoidismo de maneira natural. Seus componentes promovem o equilíbrio hormonal e diminuem a recorrência dos sintomas dessa doença. Algumas opções são:

  • Gengibre: ajuda a melhorar a circulação e permite reativar as funções da tireoide. É uma especiaria estimulante que favorece o bom funcionamento metabólico.
  • Erva-de-são-joão: você conhece essa planta? É usada para os efeitos colaterais do hipotireoidismo. Ajuda a combater o cansaço e melhora o estado de ânimo. Consulte o médico no caso de tomar um medicamento adicional, pois ela interage com alguns deles.
  • Flor-da-paixão: outra planta maravilhosa para tratar o hipotireoidismo. E o que ela faz? Melhora o estado de ânimo, diminui o cansaço, reduz a dor de cabeça e a apatia, entre outros.
  • Chá de caiena: pode surpreendê-lo, mas a pimenta caiena ativa o organismo e a circulação sanguínea, aliviando a sensação de frio tão comum nesses casos. É suficiente uma pequena pitada de pó em um copo de água fervente.

Descubra: As 15 melhores ervas medicinais

3. Estratégias psicológicas

Estratégias psicológicas para tratar o hipotireoidismo

O apoio psicológico é fundamental em muitos pacientes que não sabem como superar as mudanças geradas pelo hipotireoidismo. Muitas pessoas conseguem lidar com isso e manter uma boa qualidade de vida. Outras, por outro lado, devem atravessar processos tediosos antes de se sentirem novamente em equilíbrio.

A doença pode vir acompanhada de problemas de autoestima e ansiedade, já que o peso corporal muda e o estado de ânimo é prejudicado. É essencial ter apoio familiar e social constante, pois é determinante para saber que pode ser superado.

Fazer exercício físico, meditar e recorrer às terapias pode facilitar o tratamento desse problema. Quanto mais hábitos saudáveis ​​o paciente adotar, maior a probabilidade de manter um ritmo de vida normal.