5 formas de sair da zona de conforto sem morrer na tentativa

Ainda que pareça que estamos seguros em nossa zona de conforto, permanecemos nela por culpa de nossos medos, que nos impedem de crescer e nos atrever a enfrentar o desconhecido.

Você se sente estagnado em sua vida? Não tem nenhuma meta? Então talvez precise conhecer algumas formas de sair da zona de conforto.

É essa zona onde nos sentimos à vontade, mas ao mesmo tempo limitados. Hoje você vai descobrir algumas formas de sair da sua zona de conforto.

A zona de conforto se forma devido a nossa constante tendência a procurar o que nos dá segurança. Por isso, nos apegamos a aquilo que nos proporciona esta sensação.

Porém, isso é muito limitante. A zona de conforto nos faz depender de um posto de trabalho de que não gostamos ou de um parceiro que não amamos porque “não está tão ruim”.

Porém, com o tempo isso nos desgasta.

Formas de sair da zona de conforto

1. Anote tudo que você gosta de fazer

Planeje como sair da sua zona de conforto

Uma das formas de sair da zona de conforto consiste em algo muito simples. Pegue um caderno ou uma folha e comece a anotar todas as atividades ou coisas que te fazem feliz.

Pode ser que você goste de montar a cavalo, ler, ir passear, ir à academia, patinar, viajar, tocar algum instrumento… Agora a pergunta é: você dedica tempo a tudo isso de que você gosta?

Se você está em sua zona de segurança, o mais provável é que perceba que deixou de fazer muitas dessas coisas que você aprecia. Agora é o momento de recuperá-las.

Pegue esse papel e comece a transformar o que você escreveu em atos.

2. Volte a se cuidar

Outra das formas de sair da zona de conforto é voltar a se cuidar. Porque, ainda que não se dê conta, esse lugar tão seguro te limita e te desgasta tanto que você deixa de pensar em você.

Quanto tempo faz que você não pratica exercício?  Você se alimenta de forma adequada? Você dorme o quanto o seu corpo precisa? Com certeza há coisas às quais você não está prestando atenção.

Sair de sua zona de conforto é difícil. A preguiça vai te invadir para que você se pergunte: de que me serve isso tudo? É aí que está a chave. Não dê atenção a esse pensamento!

Pense em você, cuide de si mesmo e verá como tudo começa a mudar para a melhor.

3. Socialize com outras pessoas

Conhecer novas pessoas e fazer amigos

A zona de conforto às vezes o isola de tal maneira que você deixa de ficar com seus amigos ou é invadido por uma grande preguiça para conhecer gente nova.

É importante que, uma vez que realizamos os passos anteriores, comecemos a socializar com pessoas que possam estar envolvidas no que estamos fazendo.

Por exemplo, se você gosta de tocar um instrumento e entra para algum grupo, interaja com os demais membros! Não se feche na banda.

Movimentar-se em outros círculos de amizades pode causar insegurança, mas essa é uma consequência de ter ficado muito tempo em sua zona de conforto.

4. Reserve um tempo para você

A quarta das formas de sair da zona de conforto é a de reservar um tempo para você. Porque, ainda que não pareça muito importante, a verdade é que é!

Isso pode estar associado à parte de se cuidar, pois em ocasiões tendemos a desperdiçar o tempo que temos sem aproveitá-lo.

Reserve meia hora ou uma hora e faça o que quiser. O que seu corpo diz? O que você tem vontade? Deixe os pensamentos de lado e deixe-se guiar por seu coração.

Os pensamentos podem limitá-lo, pois tentarão convencê-lo de que você não deve sair de sua zona de segurança.

5. Comece a questionar seus pensamentos

Homem observando por do sol em cidade

Como você pôde se dar conta, quem tenta te convencer para que não saia de sua zona de conforto são seus pensamentos. Eles dizem que você está seguro aí, que nada de ruim vai te acontecer nessa zona.

Porém, você sabe se essa é a realidade? Assim como em outras facetas da vida, por que você não tenta agir do modo contrário?

Você vai se descobrir quando se der conta do quão equivocados estes pensamentos estavam e quantas crenças sem sentido povoavam sua mente.

É o momento de relativizar tudo isso e começar a viver plenamente e sem medo.

Esperamos que estas formas de sair de sua zona de conforto possam te ajudar ou te dar algumas pistas de como melhorar a sua vida.

Ainda, te animamos a ser mais consciente de que essa zona de segurança encerra muitos medos e incertezas que alimentamos nos mantendo nesse mesmo lugar.

Permitiremos que isso continue assim?

Recomendados para você