Melhor Com Saúde
 

Daflon: usos e efeitos colaterais

Daflon é um medicamento venotônico, ou seja, aumenta o tônus ​​das veias e a resistência dos capilares, pequenos vasos sanguíneos do corpo.

Daflon: usos e efeitos colaterais

Última atualização: 25 Dezembro, 2020

Daflon é a marca comercial de um medicamento composto, entre outras substâncias, por dois ingredientes ativos: a diosmina e a hesperidina. A diosmina é a substância mais relevante e importante quando se trata de gerar efeitos na saúde.

Daflon é um medicamento venotônico, ou seja, aumenta o tônus ​​das veias e a resistência dos capilares, pequenos vasos sanguíneos do corpo.

Devido aos seus efeitos, é indicado para o tratamento de problemas como varizes e hemorroidas de origem venosa. Também alivia os sintomas relacionados à insuficiência venosa leve das extremidades.

Características do Daflon

O Daflon pode ser usado para as varizes?

Quimicamente, é um medicamento que pertence à família dos flavonoides devido à sua estrutura molecular. É proveniente do metabolismo secundário de diferentes vegetais que o sintetizam.

Como mencionamos, possui efeitos venotônicos ou flebotônicos caracterizados por estimular o tônus ​​venoso, embora também exerça seu efeito sobre os pequenos vasos sanguíneos. Dessa forma, também melhora a circulação sanguínea em geral, além de evitar o desgaste, rigidez e fragilidade.

Para que o Daflon tenha efeito, é essencial acompanhar sua administração com uma série de hábitos que melhoram o resultado. É importante adotar uma dieta saudável e praticar exercícios, caso contrário, o medicamento por si só não terá nenhum efeito.

Como este fármaco exerce seu efeito no corpo?

Como mencionamos no início do artigo, o Daflon é o conjunto de dois ingredientes ativos: a diosmina e a hesperidina, sendo o primeiro o principal responsável pelo efeito.

A diosmina tem os seguintes efeitos no corpo:

  • Melhora o retorno venoso.
  • Protege os capilares.
  • Reduz a permeabilidade.
  • Aumenta a drenagem linfática.

Em relação ao outro ingrediente ativo, a hesperidina, além de potencializar os efeitos descritos, também contribui para neutralizar os radicais livres. É por isso que se diz que ela tem um efeito antioxidante.

Usos do Daflon

Presença de varizes

Devido aos efeitos que provoca no organismo, este medicamento é indicado para melhorar os sintomas de diferentes condições dos vasos sanguíneos. Vamos ver as principais indicações:

1. Insuficiência venosa crônica

Esta doença é caracterizada por uma dificuldade do sangue das extremidades inferiores retornar ao coração. Geralmente acontece porque as veias das pernas são fracas, o que acaba causando o desenvolvimento das varizes.

2. Varizes

Sejam aquelas causadas ​​pela insuficiência venosa crônica, ou as resultantes de outras causas, as varizes são o produto da dilatação das veias. Dessa forma, elas se tornam visíveis quando o sangue se acumula nelas.

A razão por trás disso é que as válvulas nas veias que empurram o sangue de volta ao coração estão enfraquecidas e não conseguem se fechar adequadamente.

3. Edema

É outra das indicações para o medicamento Daflon. A retenção de líquidos é uma condição muito comum em mulheres. Devido aos efeitos venotônicos deste medicamento, a circulação sanguínea se torna mais forte e se tonifica.

Como resultado, o extravasamento de líquidos é dificultado, principalmente aqueles de origem cardiovascular.

4. Hemorroidas

Pode-se dizer que elas são como varizes que têm sua origem nas veias que irrigam o ânus. Elas não costumam causar sintomas, mas em alguns casos, provocam dor ao sentar e coceira. O Daflon também é útil nesses casos.

Quais são as reações adversas do Daflon?

Veias nas pernas

Este medicamento, como todos os que estão no mercado, não deixa de ter seus efeitos colaterais. Entre os mais frequentes, podemos citar:

Conclusão

Este medicamento formado por dois ingredientes ativos e outros excipientes é amplamente utilizado no tratamento de diferentes patologias associadas ao sistema de circulação venosa, como as hemorroidas e o edema.

É um medicamento que não precisa de receita médica. No entanto, isso não significa que possamos nos automedicar. Você deve sempre consultar o farmacêutico ou médico para obter recomendações sobre o uso desse medicamento e para esclarecer qualquer dúvida.

O uso indevido de medicamentos pode ter sérias consequências, tanto para a sua saúde quanto para o resto da população, visto que existem certos medicamentos que perdem a sua eficácia quando administrados sem indicação.

4 remédios naturais para a circulação sanguínea

4 remédios naturais para a circulação sanguínea

Existem remédios naturais para a circulação sanguínea que podem ser úteis se você sofre deste problema. Descubra quais são e como você pode prepará-los.



  • Diosmin. (2004). Alternative Medicine Review.
  • Tahir, M., Rehman, M. U., Lateef, A., Khan, R., Khan, A. Q., Qamar, W., … Sultana, S. (2013). Diosmin protects against ethanol-induced hepatic injury via alleviation of inflammation and regulation of TNF-α and NF-κB activation. Alcohol. https://doi.org/10.1016/j.alcohol.2012.12.010
  • Jain, D., Bansal, M. K., Dalvi, R., Upganlawar, A., & Somani, R. (2014). Protective effect of diosmin against diabetic neuropathy in experimental rats. Journal of Integrative Medicine. https://doi.org/10.1016/S2095-4964(14)60001-7