Tratamento da dor de garganta com água e mel

· 18 de novembro de 2018
A dor de garganta pode ocorrer por causa de uma infecção por vírus ou bactérias. Caso não seja aliviada com remédios naturais, procure um médico para que determine qual é a sua origem.

O tratamento da dor de garganta é muito fácil: só precisa provar esta alternativa natural que te recomendamos à base de água morna e mel!

É provável que em sua despensa já tenha os ingredientes desse remédio para o tratamento da dor de garganta e ainda não sabe. Referimo-nos, claro, ao mel, que combinado com água morna dará um alívio imediato à sua dor.

Quais são as causas da dor de garganta?

Mulher com dor de garganta precisa de remédio com água morna e mel

A dor de garganta, também conhecida como faringite, é uma doença muito comum. Caracteriza-se por apresentar sintomas como pigarro, tosse, dificuldade e dor ao engolir e, em alguns casos, febre.

Porém, só poucos casos de dores de garganta requerem ser tratados com antibióticos. Normalmente o incômodo desaparece sozinho ou com a ajuda de calmantes e remédios anti-inflamatórios em alguns dias.

As causas são variadas. Por exemplo, no caso das crianças, a infecção estreptocócica, causada pela bactéria estreptococo, é muito comum. Em adolescentes e adultos que sofrem de mononucleose também está presente a dor de garganta como sintoma. As doenças virais como o resfriado ou influenza são uma causa comum de dor de garganta.

As alergias podem vir acompanhadas de dor de garganta entre seus sintomas, principalmente quando são causadas pela falta de umidade no ambiente. Isso se deve ao fato de que o ar seco promove o surgimento de vírus, bactérias e ácaros. Por isso, em temporadas frias costumam aparecer com mais frequência os mal-estares respiratórios.

A poluição também é uma causa de dor de garganta e, claro, os maus hábitos como fumar. Neste último caso, os fumantes passivos também são afetados, por isso poderiam sofrer do incômodo ao estarem expostos por muito tempo à inalação de fumaça.

Descubra: Alivie os sintomas da faringite com 5 remédios naturais

Quais são os benefícios do mel para a dor de garganta?

O mel, além de ser delicioso, tem muitos benefícios para a nossa saúde. Ainda que, com certeza, o use para adoçar bebidas, acompanhar seu desjejum ou incluir em alguma sobremesa, também serve como um poderoso remédio natural que deveria aproveitar.

Esta maravilhosa substância tem propriedades antibacterianas, anti-inflamatórias, hidratantes, cicatrizante e calmantes. Por isso é perfeito para tratar doenças ou mal-estares respiratórios como a dor de garganta.

Reduz a secreção de muco e a tosse que poderiam ser causadoras de dor de garganta. Alivia o pigarro ou o ardor, já que age como uma capa protetora e umectante sobre a área.

Combate as bactérias e evita que a infecção se propague ou se mantenha por muito tempo. Além disso, controla as alergias ao pólen que em alguns casos causam dor de garganta.

Existem fármacos e remédios naturais que ajudam a controlar os sintomas em poucos dias. Esse é o caso do mel, que junto com um pouco de água morna aliviará a dor em poucos dias e poderá retomar seu ritmo de vida sem nenhum mal-estar.

Leia: Alivie a garganta ressecada com estes 6 remédios naturais

Tratamento da dor de garganta com água e mel

receita de remedio com água morna e mel para a garganta

Ingredientes

  • 1 xícara de água (250 ml)
  • 2 colheres de sopa de mel (50 g)

Preparo

  • Coloque para esquentar a água até que fique morna.
  • Dilua 2 colheres de sopa de mel na água e faça gargarejos com a mistura.
  • Este tratamento pode ser feito todos os dias, de manhã e à noite, até que a dor desapareça.

Com este remédio de água morna e mel se reduzirá a inflamação na garganta e se aliviará a dor. Se preferir, pode adicionar um pouco de limão à mistura e tomar como infusão, isso também é excelente como tratamento da dor de garganta.

Assim, lembre-se que o tratamento da dor de garganta é possível. Para isso, deve tomar certas medidas de higiene e mudanças de hábitos. Lave bem as mãos e evite levá-las à boca.

Além disso, não grite nem force muito suas cordas vocais. Evite o contato muito próximo com pessoas que tenham vírus, resfriado ou gripe. Se for fumante, trate de abandonar este mal hábito o quanto antes.

Caso não tenha conseguido aliviar a dor de garganta durante uma semana e não tenha sinais de melhora, procure um médico. Poderia se tratar de uma infecção maior, na qual sua garganta só é uma das áreas afetadas.