Cremes anti-idade: tudo que você precisa saber sobre eles

Para escolher um bom creme anti-idade, é preciso saber ler o rótulo. Assim, você poderá entender qual é a sua composição. Saiba mais sobre o assunto a seguir.
Cremes anti-idade: tudo que você precisa saber sobre eles

Última atualização: 24 Abril, 2021

Os cremes anti-idade são grandes aliados para combater e retardar os sinais de envelhecimento. No entanto, você deve saber que nem todas as peles são iguais, nem envelhecem da mesma maneira.

O normal é combinar cremes diferentes ou combinar o seu creme com tratamentos estéticos. Um bom creme anti-idade contém ingredientes com benefícios comprovados, como ácido hialurônico, resveratrol e ácido retinóico. Saiba mais a seguir.

Como ler o rótulo dos cremes anti-idade?

Mulher passando creme no rosto
Na hora de escolher um creme anti-idade de boa qualidade, é imprescindível ler o rótulo e prestar atenção à sua composição.

O que é realmente importante na escolha de um bom creme anti-idade é a sua composição. Por isso, você deve saber ler e compreender o rótulo e a sua fórmula. No rótulo, os ingredientes estão listados em ordem decrescente de concentração. Em outras palavras, os primeiros são os que se encontram em maior proporção.

No entanto, alguns ingredientes ativos nem sempre precisam estar presentes em grandes quantidades para serem eficazes, como é o caso dos óleos essenciais que são usados ​​em proporções diminutas.

Por outro lado, também é interessante saber que os rótulos devem incluir os componentes passíveis de causar reações quando estiverem em concentrações acima de 0,001%.

Nos rótulos dos produtos cosméticos, os ingredientes aparecem em inglês ou latim. Em inglês, estão listadas as substâncias químicas utilizadas e, em latim, os derivados diretos de plantas.

Ao fazer a escolha, você deve considerar quais são os principais problemas que deseja combater e quais são os ingredientes que podem ajudá-lo a melhorar a situação.

Quais ingredientes os cremes anti-idade costumam ter?

Existem 16.000 ingredientes catalogados em uma lista conhecida como INCI (International Nomenclature of Cosmetic Ingredients). A seguir, vamos descrever em detalhes alguns dos ingredientes que os cremes anti-idade contêm. Lembre-se deles para que possa identificá-los na próxima vez em que comprar um desses produtos.

Protetor solar

O sol é um dos principais inimigos da pele; não usar um protetor solar pode acelerar o processo de envelhecimento por meio do aparecimento de rugas e manchas prematuramente, além de aumentar o risco de desencadear problemas mais sérios a longo prazo.

Um estudo intitulado Ultraviolet Radiation, Aging and the Skin: Prevention of Damage by Topical cAMP Manipulation observou que a radiação ultravioleta é responsável por até 80% do envelhecimento da pele ou fotoenvelhecimento.

Assim, é extremamente importante usar protetor solar sempre, mesmo quando o dia está nublado e no inverno. Por este motivo, muitas vezes é recomendado comprar cremes anti-idade que contenham este componente.

Isso também pode te interessar: É aconselhável aplicar protetor solar na cidade?

Antioxidantes

A radiação solar e a poluição favoreceriam a proliferação de radicais livres, agentes que oxidam as fibras de colágeno e elastina até que se tornem inúteis. Isso levaria à perda acelerada de elasticidade e firmeza, com o consequente aparecimento mais acentuado de linhas finas.

O National Center for Complementary and Integrative Health explica que os antioxidantes são substâncias que combatem os radicais livres e previnem (ou, pelo menos, retardam) os danos às células. Eles incluem vitaminas C e E, reveratrol e coenzima Q10.

As vitaminas C e E têm propriedades antioxidantes; além disso, a C favoreceria a produção de colágeno e ajudaria a clarear as manchas. Daí a importância da inclusão dessas vitaminas nos cremes anti-idade.

Por outro lado, o resveratrol é um polifenol presente em várias plantas que seria eficaz na captura de radicais livres. Finalmente, vale a pena mencionar a coenzima Q10. Ele está presente em todas as células e é necessária para produzir energia no corpo humano. Também atuaria contra os radicais livres, protegendo as células do dano oxidativo.

O problema é que, com a idade e os efeitos dos raios ultravioleta, os níveis de coenzima Q10 podem diminuir. Desta forma, seria importante obtê-la externamente através, por exemplo, de um creme.

Antimanchas

Manchas na pele
Os alfa-hidroxiácidos (AHAs) esfoliam a pele para remover as células mortas e minimizar o aparecimento de manchas.

Outro aspecto que preocupa muitas mulheres é o aparecimento de manchas na pele. As manchas marrons aparecem devido ao excesso de melanina, um pigmento da pele.

No entanto, qualquer medida para combater ou prevenir o aparecimento de manchas na pele está invariavelmente associada às medidas de proteção solar. Alguns ingredientes usados ​​em cremes anti-idade para combater ou prevenir manchas são os alfa-hidroxiácidos (AHAs), o retinol e o ácido hialurônico.

Os AHAs são ácidos orgânicos que, devido ao seu efeito esfoliante, promovem a renovação natural da pele. Eles atuariam eliminando células mortas e, consequentemente, a aparência da pele seria mais lisa, mais suave e uniforme, como indica uma matéria na Revista Molecules.

Quando removemos a células mortas, a absorção dos ingredientes dos cremes anti-idade fica mais fácil. Da mesma forma, eles aumentariam a espessura da camada profunda da pele, pois estimulariam a formação de colágeno.

Portanto, dariam à pele mais luminosidade e flexibilidade. Além disso, reduziriam rugas e manchas e hidratariam a pele, pois diminuiriam a perda de água na epiderme.

Os pesquisadores destacam que o retinol é um derivado da vitamina A que minimiza rugas e linhas de expressão, atenua manchas escuras, refina os poros e estimula a regeneração celular.

Por último, a publicação Efficacy of a New Topical Nano-hyaluronic Acid in Humans de 2015 explica que o ácido hialurônico serviria para proporcionar hidratação e elasticidade à pele e, portanto, melhorar a sua aparência.

Não deixe de ler: O que é vitamina A?

Escolha o creme de acordo com a sua pele

Com o passar do tempo, a pele se renova mais lentamente e os sinais da idade começam a aparecer. Para retardar o envelhecimento da pele, pode-se usar um bom creme anti-idade e, acima de tudo, protetor solar.

É claro que, ao escolher o creme anti-idade, você deve levar em conta o seu tipo de pele e os problemas que deseja resolver. Lembre-se de que, na lista de ingredientes, você pode ver a concentração de cada componente e, assim, escolher em relação à função que cada um deles possui.

Pode interessar a você...
Entenda o funcionamento dos cremes antirrugas
Melhor Com SaúdeLeia em Melhor Com Saúde
Entenda o funcionamento dos cremes antirrugas

O envelhecimento da pele é um problema que preocupa cada vez mais pessoas. O surgimento de cremes antirrugas tenta impedir essa deterioração.