A hidropisia: conheça mais sobre esse problema

· 4 de fevereiro de 2015
A hidropisia pode ser um indicativo de várias doenças, desde problemas no sistema digestivo até condições nos rins, por isso é importante consultar um especialista.

A hidropisia é uma condição que consiste na retenção de fluidos nos tecidos internos, entretanto não é uma doença em si, mas sim um sintoma que acompanha outros problemas de saúde, como afecções no sistema circulatório, dificuldades no funcionamento dos rins e no aparelho digestivo.

A hidropisia é a retenção de líquidos nos tecidos celulares ou em dadas cavidades do corpo humano. Geralmente este sintoma aparece na parte superior do corpo. Entretanto, podem existir casos nos quais o transtorno se manifeste nos tornozelos, nos pulsos e inclusive na região do pescoço.

A hidropisia, um importante sinal de alerta

Se seus sintomas não forem tratados, o funcionamento dos órgãos vitais tais como, coração, fígado e pulmões poderá ser afetado. A presença de líquido no seu interior  é a razão para que isso aconteça, pois ela exerce pressão sobre os órgãos, reduzindo o espaço disponível para trabalharem.

Quando o inchaço aparece na parte inferior do corpo, denomina-se edema. Entretanto, o edema não altera a cor normal da pele e nem provoca dor ao tato. Se um paciente mostrar indícios de hidropisia, deve-se descobrir qual é o problema detrás dessa condição.

Um possível motivo pelo qual aparece este sintoma é a insuficiência cardíaca congestiva, pois ao se alterar o ritmo nas pulsações produzidas pelo coração, pode desencadear uma retenção de líquidos, um sintoma muito complicado observado geralmente nas extremidades.

como a hidropsia afeta o coração

A hidropisia pode aparecer também nos pulmões, sendo a tosse o principal sintoma deste transtorno. Quando o paciente expectora constantemente e surgem sintomas de inchaço em alguma região do corpo, deve consultar imediatamente um médico. Nesse caso o paciente será tratado com diuréticos que estimulam a eliminação de líquidos por meio da urina. Além disso, depois dos problemas renais é bem comum a aparição da hidropisia. Quando a pessoa padece de insuficiência renal os rins não têm a capacidade de filtrar a água presente no sangue e consequentemente reduz a produção de urina.A hidropisia por insuficiência renal pode começar com a inflamação progressiva nas extremidades, sendo este um dos sintomas mais importantes.

Nota: Para o tratamento da retenção de líquidos, recomendamos ler os seguintes artigos:

Não esqueça!

a hidropsia é a retenção_de_liquido

Esta condição pode chegar a afetar a qualquer pessoa e o seu tratamento dependerá do tipo de hidropisia que sofra, pois pode ser um problema que afete gravemente a saúde e o bem estar de quem o padece. Além disso, está diretamente relacionado com problemas graves, como falhas nos sistemas corporais ou órgãos específicos, como o coração e os rins, sendo estes os dois principais causadores da hidropisia. Este distúrbio no organismo deve ser tratado urgentemente, pois caso contrário pode chegar a causar a morte.