Como os rins funcionam?

Os rins são essenciais para manter os níveis da pressão arterial e para eliminar as toxinas e resíduos resultantes do metabolismo corporal, entre outras funções.
Como os rins funcionam?

Última atualização: 01 Junho, 2021

Os rins são órgãos complexos responsáveis pela eliminação de substâncias residuais do nosso corpo por meio da urina. O normal é ter dois rins, que se localizam na parte posterior do abdômen, próximos à coluna e sob as costelas. A seguir, vamos explicar como os rins funcionam.

O rim têm o formato semelhante ao de um feijão. É um órgão essencial pois, sem sua função, a vida não seria possível. No entanto, graças aos avanços tecnológicos, existem técnicas como a diálise e os transplantes que permitem a sua substituição.

Além da produção de urina, os rins estão envolvidos em muitos outros processos, como a regulação da pressão arterial. Portanto, neste artigo explicaremos como eles funcionam, sua anatomia e principais características.

Anatomia dos rins

Os rins, como já mencionamos, têm o formato de feijões, com um lado côncavo e o outro convexo. A parte côncava entra na artéria renal, que carrega o sangue com os resíduos do corpo que vão para o rim. A veia renal e o ureter também saem através dessa parte côncava.

O rim é composto principalmente por duas partes: o córtex e a medula. O córtex é a parte mais externa que recebe a maior parte do fluxo sanguíneo. É responsável pela filtração e reabsorção, principalmente. Além disso, contém quase todos os glomérulos, que explicaremos mais tarde.

A medula é constituída por uma série de estruturas responsáveis ​​por conduzir ao ureter a urina que se forma. O ureter é um tubo que desce até a bexiga, onde a urina é armazenada para ser eliminada.

Funcionamento dos rins

As unidades funcionais dos rins são os néfrons. O néfron é o local onde ocorre a filtragem do sangue e onde a urina é gerada. Existem cerca de 800.000 néfrons em cada rim.

A estrutura destes é muito complexa, mas a ideia é que sejam constituídos por uma série de estruturas celulares e membranas que permitem a passagem e a filtragem do sangue. Além disso, também são responsáveis ​​por secretar certas substâncias e reabsorver outras, como o potássio.

Como os rins funcionam e quais tarefas desempenham?

Já comentamos que a principal função dos rins é eliminar substâncias pela urina, mas essa não é a sua única tarefa. Este órgão também tem um papel muito importante na secreção de certos hormônios e substâncias.

Em primeiro lugar, devemos enfatizar que o rim permite que a vitamina D seja transformada em sua forma ativa. Esta vitamina é essencial para o metabolismo do cálcio. Além disso, a eritropoietina é produzida nos rins. Esse hormônio é responsável por estimular a síntese dos glóbulos vermelhos em nosso organismo.

Por outro lado, os rins são essenciais para certos processos que permitem a homeostase em nosso organismo. Em outras palavras, somos capazes de manter um equilíbrio interno mesmo que as condições do nosso ambiente mudem.

Por exemplo, os rins regulam a pressão arterial e os níveis de pH do nosso sangue. Também controlam o volume plasmático, pois modificam a concentração da urina e podem prevenir a perda de água em situações de desidratação.

A hidratação e os rins

Não deixe de ler: Verduras que estimulam o funcionamento dos rins

Como o rim filtra o sangue?

O sangue chega aos néfrons por meio da artéria renal, onde esta se ramifica em outras menores que formam o glomérulo. O glomérulo permite que pequenas moléculas, fluidos e toxinas passem para os túbulos. Eles retêm os elementos maiores, como as células.

Além disso, o glomérulo consiste em uma série de tubos nos quais grande parte da água filtrada ou certas substâncias de que o corpo necessita são reabsorvidas. Ele pode reabsorver moléculas de potássio ou de sódio, por exemplo.

O que devemos lembrar a respeito de como os rins funcionam?

O que devemos lembrar é que os rins são órgãos complexos que, além de produzirem urina, são responsáveis ​​por muitas outras funções. Isso inclui a síntese de eritropoietina e o controle da pressão arterial.

Pode interessar a você...
8 sintomas precoces que nos alertam sobre o mau funcionamento dos rins
Melhor Com SaúdeLeia em Melhor Com Saúde
8 sintomas precoces que nos alertam sobre o mau funcionamento dos rins

Os rins filtram de 120 a 150 litros de sangue por dia, sendo órgãos vitais para a boa saúde. Saiba como detectar um mau funcionamento dos rins.